//
você está lendo...
ARTIGOS

Ari Vatanen vs Jean Todt: Em quem você votaria para presidente da FIA?

Da esquerda para a direita: Ari Vatanen e Jean Todt — dois amigos que podem concorrer à presidência da FIA)ari e todt

Em carta para os membros do clube da FIA ontem, Max Mosley finalmente assegurou que não concorrerá à presidência da FIA em outubro próximo. Mas como forma de talvez estender a sua influência sobre a próxima presidência, Max sugere que apoiará o ex-chefe da Ferrari, o francês Jean Todt.

Mosley não apoiaria o nome de Todt à toa, sem que não houvesse um pré-acordo com o ex-dirigente da Ferrari e a Autosport hoje confirma que Todt realmente se canditará a presidência da FIA.

Era esperado que Max bancasse a candidatura de Todt, um personagem extremamente controverso entre os dirigentes no comando da Formula 1 hoje — o que forçou a John Howet, vice-presidente da FOTA, a sugerir que as equipes desejam um nome “historicamente” independente delas mesmas no comando da FIA.

Ari Vatanen — que anunciou a sua candidatura recentemente — é um nome que agrada profundamente às equipes de Formula 1, alguém que segundo Martin Whitmarsh “traria frescor à posição de presidente da FIA.”

Se fôssemos posicionar politicamente os dois candidatos, Jean Todt certamente seria o candidato da posição — preferido por Mosley — e Ari Vatanen o da oposição — o preferido da FOTA. Ari significa um nome em alinhamento com o desejo de mudança das equipes, enquanto Todt é ainda uma grande incógnita.

Como toda autocracia, a eleição da FIA não tem qualquer influência do fã de Formula 1 — o público que consome produtos e marcas que a F1 expõe em suas transmissões — mas podemos ao menos fazer um exercício e expor o nosso preferido.

Abaixo, você poderá ler um breve resumo da carreira dos candidatos e depois votar no seu preferido. Depois de votar, você também pode expressar as razões pelas quais votou em tal ou qual candidato na sessão de comentários. Fique à vontade!

Ari Vatanen

Ari Vatanen começou a sua carreira como piloto de ralis em 1970. Ele venceu o campeonato mundial de ralis em 1981 al lado do hoje chefe da Prodrive David Richards. Ari juntou-se a Peugeot em 1984 para guiar — ironicamente — para Jean Todt, que pode tornar-se o seu desafiante para a presidência da FIA logo mais.

Depois de um sério acidente em competição na Argentina, Ari passou 18 meses se recuperando física e psicologicamente, sendo auxiliado por um leal Jean Todt a pôr a sua carreira nos trilhos novamente.

Ari voltou a competir em 1987 e quando encerrou a carreira de piloto deu início a outra na política, cumprindo duas vezes um bom papel como membro do parlamento europeu.

Sua expressiva e prestigiosa atuação de dez anos como político, seria imensamente bem-vinda para a hoje desprestigiada posição de presidente da FIA.

Jean Todt

Todt foi um dos principais — senão o principal — artífices do “Dream Team” italiano que junto com Ross Brawn, Rory Byrne e Michael Schumacher, formou um imbatível time que dominou a Formula 1 durante meia década.

Iniciando sua carreira no automobilismo como piloto e co-piloto de ralis, Todt migrou depois de sua aposentadoria para postos de comando dentro da divisão esportiva da Peugeot, marca para a qual competiu e venceu sucessivos mundiais de Rali (1984, 1985 e 1986) e uma 24 horas de Le Mans.

Jean foi a primeira figura a chegar a Maranello em 1993 e fazer um profundo e drástico trabalho de reengenharia em uma Ferrari que não vencia títulos desde 1979.

Nesse curto período Todt foi responsável por definir um novo padrão de qualidade na arte de gerenciar uma equipe de F1 — competência que seria bem-vinda à FIA — mas nesse vitorioso processo deixou um rastro de eventos que afetaram a reputação e a imagem de toda a Formula 1 e da própria Ferrari. A famosa troca de posições entre Schumacher e Barrichello na Áustria em 2002 é um caso, mas é o fatídico GP dos Estados Unidos em 2005, onde largou apenas 6 carros, a obra prima do frio Jean Todt, auxiliado por ninguém menos que Max Mosley.

Esta talvez seja a grande mancha na relação da F1 com o seu próprio público, um desastre em termos de publicidade para uma categoria que pena para atingir popularidade dentro dos Estados Unidos.

Anúncios

Discussão

7 comentários sobre “Ari Vatanen vs Jean Todt: Em quem você votaria para presidente da FIA?

  1. Olha Becken,

    Não posso deixar de dizer que creditar a largada de somente 6 carros no GP de Indianápolis (USA) na conta de Jean Todt é de uma injustiça sem tamanho.

    Se tem alguém culpado nessa história, o nome correto é Michelin. Foi a fábrica francesa que levou compostos que não serviram para a pista (se desintegravam). O que Todt fez foi ser inflexível para defender sua equipe e não aceitou a mudança de traçado (que significaria a mudança das características originais da pista), por isso as equipes que usavam michelin não correram. Em síntese, a michelin quis dar uma de “esperta” e se deu mal, manchando não só sua imagem com a de toda a categoria.

    Quanto á mudança de posição, essa foi mesmo uma péssima ideia do baixinho (não que outros não tivessem feito, mas é que naquele momento não era necessário tal expediente).

    A McLaren, muito antes, fez o mesmo com relação a Hakinnen e Coulthard (se não me engano em 1998 ou 1999), em duas oportunidades, e Ron Dennis nunca foi detonado por isso.

    Se os defeitos de Todt são esses dois, não acho que seja um nome tão ruim, porém, meu voto iria para Vatanen, por ser um sujeito sem ligação anterior com nenhuma equipe de F1. Imagina o Todt decidindo uma punição para a Ferrari, ia dar a maior merda!!!

    Publicado por Cassius Clay Regazzoni | 15/07/2009, 6:59 pm
  2. Imagina o Todt decidindo uma punição para a Ferrari, ia dar a maior merda!!!

    Na verdade, Cassius, eu imagino o Todt decidindo uma punição para um piloto da McLaren — os arquinimigos de Todt — seria um conflito de interesses sem tamanho…

    Publicado por Becken Lima | 15/07/2009, 7:21 pm
  3. Estou contigo Clay.

    COlocar na conta do Todt o problema de indianapolis é sem tamanho. :-)

    Acho que quando se defende essa tese, se esquece que o cara era empregado da Ferrari, e nao empregado da FIA. Ele nao tem de defender o interesse se os outros nao vao correr, se o adversario fez besteira, tem de defender os interesses daFerrari.

    Por acaso, o Ron Dennis quando tinha a Mclaren Imbativel, ele passou a formula para as outras equipes para poder ter uma disputa esportiva melhor ?

    Isso nao existe, cada chefe de equipe tem de olhar para o bem da equipe e nao do esporte.

    Sinceramente acho uma visao muito romantica essa de querer que o cara Prejudique a equipe que paga a ele, para o bem da imagem do esporte.

    E detalhe, o que ele fez contra as regras ???

    que eu saiba mudar a pista, isso sim é contra o regulamento.

    Publicado por Claudio CArdoso | 15/07/2009, 10:05 pm
  4. Pilotos de raly concorrendo à presidência da FIA, eu voto em Marcus Gronholm. Ele é o cara! Virei fã dele após esse vídeo, hehe

    Mas a FOTA não é liderada por Luca Di, qual será a diferença entre um ou outro? Seria engraçado ver uma briga entre Luca Di e Todt, não acho que o último vai ser o cachorrinho amestrado da Ferrari, porém a equipe não será jogada para escanteio nem com Todt nem com Ari e o show continua.

    Publicado por Larissa Oliveira | 16/07/2009, 10:39 pm
  5. Eu votaria no Jean Todt. Com o currículo vitorioso dele não há ninguém. Ganhou em muitas categorias do automobilismo e sempre enquanto dirigente, pelo que a sua capacidade de pôr uma instituição a andar para a frente é inquestionável. Essa da mancha de Indianápolis é treta: a Michelin faz a borrada e o Jean é que as paga?
    O Ari Vataten é uma figura simpática, mas não parece que a sua carreira seja sequer comparável com a do Jean Todt. Eu sou português e sei o que são os deputados ao Parlamento Europeu. É um cargo que se quer apenas para aquilo a que chamamos “tacho”! O que se faz por lá é muito pouco. Aliás, as competências do Parlamento Europeu não lhes permite fazer grande coisa. De maneira que se a experiência política dele é essa não é lá muito confiável…
    Também não concordo com essa do Jean Todt ir favorecer a Ferrari e mandar punir a Maclaren: lembrem-se da espionagem! Fizeram o que fizeram e não aconteceu nada à equipa. Aquela pena foi paga com o campeonato mundial de pilotos. É que nem sentiram a multa! Já o Schumacher em 1994 foi impedido de correr em duas provas por causa de um fundo plano, que não foi feito por ele, e que supostamente era contra as regras. Salvo erro, o Max Mosley (que agora querem dizer que o Jean vai continuar) já era o presidente da FIA!…
    E desgraças desportivas acontecem sempre: é pensar na roubada que fizeram ao barrica na semana passada. Só que ele, porque é molinho de carácter, vai ficando, oferecendo a bundinha!
    Dizer que o Jean Todt é o diabo por causa daquela história de o barrica ter sido obrigado a deixar o schumi passar é para dar uma gargalhada. Não foi o primeiro, não foi o único a fazê-lo na sua época, nem foi o último como se sabe. É pensarmos na Maclaren e no favorecimento ao Hamilton quando esteve lá o Alonso.
    Acho que uma coisa é preferir o Ari Vatanen. Outra é querer manchar a carreira de um ganhador com falsas manchas! Mas é sempre assim: quem ganha muito é o diabo! Schumacher, Brawn, Todt, Federer vão parar todos ao inferno! Ai as invejas…

    Publicado por Luís Oliveira | 17/07/2009, 8:18 am
  6. Se cuidem com o pequeno Jean Napoleão. Ele é mesmo bom no que faz e sabe de estratégia como ninguém. Não tem comparação possível entre vin et fromage de savoir faire e salmão com neve e aguardente.

    Publicado por Ernesto Sousa | 18/07/2009, 2:40 pm
  7. Alguém sabe por que o Jean Todt sabe falar português. Quero dizer, como e quando ele aprendeu???

    Por favor, gostaria que só respondessem quem realmente souber a respostas, sem achismos do tipo “Acho que ele aprendeu a falar português porque já trabalhou com dois pilotos brasileiros”

    Pode até ser que essa seja a resposta, mas gostaria de saber COM CERTEZA!

    Publicado por Hermano Escher | 28/07/2009, 1:25 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: