//
você está lendo...
ARTIGOS

Nelsinho volta à Hungria, onde viveu o grande momento de sua carreira

FOTO: Eurosport/Transmissão nelsonwinsinhungary( VITÓRIA ESPETACULAR: Sob chuva intensa, NeLson veceu o segundo “round” de um dominante final de semana na Hungria, em 2006)

A Renault confirmou e Nelsinho Piquet terá sobrevida como piloto da equipe no GP da Hungria essa semana. No “briefing” pré-corrida da equipe Nelsinho lembrou que Hungaroring foi onde ele teve uma de suas melhores atuações no ano passado — recebendo a bandeirada em 6º — além de ter sido o palco onde ele venceu duas provas no mesmo final de semana quando competia pela GP2.

Eu sei que Nelsinho angariou muitos fãs com o seu Twitter nas últimas semanas e há dois amigos e fãs do piloto que costumeiramente colaboram aqui no F1 Around — O Anselmo Coyote e o Cassius.

Para eles — que representam os fãs de Nelsinho aqui no blog — aqui vai um presente especial: a segunda vitória em vídeo de Nelsinho naquele final de semana de 2006 na Hungria, competindo pela GP2.

Eu considero esse o grande “highlight” na ainda curta carreira de Nelson. A vitória foi conseguida sob intensa chuva e era a segunda em um final de semana inteiramente dominado pelo piloto, chegando à frente de ninguém menos que Lewis Hamilton.

Eu tentei incorporar a corrida aqui no blog, mas o WordPress não tem suporte para o Megavideo, onde a corrida está hospedada.

Para assistir a corrida inteira então, CLIQUE AQUI e aproveite, é automobilismo de primeira qualidade.

Discussão

11 comentários sobre “Nelsinho volta à Hungria, onde viveu o grande momento de sua carreira

  1. Bela lembrança, Becken.
    Será que o bom desempenho que ele sempre apresentou na Hungria contribuiu para a nova chance dada pela Renault?

    Publicado por Will | 19/07/2009, 1:14 pm
  2. Será que o bom desempenho que ele sempre apresentou na Hungria contribuiu para a nova chance dada pela Renault?

    Duvido, Will. A Autsoport sugere que o fato de ele não ter tido ao mesmo equipamento que Alonso acabou por anular a cláusula de performance que vinculava a sua permanência na equipe…

    Publicado por Becken Lima | 19/07/2009, 1:48 pm
  3. Ou seja, se ele não render agora (com as mesmas atualizações que o Alonso) está fora…

    Publicado por Will | 19/07/2009, 1:54 pm
  4. Sempre deixei muito claro meu pensamento sobre Nelsinho,quem visita minha pagina sabe disso,mas essa história de queimar o piloto não concordo,ou manda o cara embora logo,ou deixa ele trabalhar até o fim do ano,depois é outra história.

    abraço.

    Seu blog está add aos favoritos,parabéns pelo seu brilhante trabalho.

    Publicado por marcelonso | 19/07/2009, 3:03 pm
  5. Correr com o mesmo equipamento q o Alonso poderá ser um tiro no pé pro Nelsinho, pois aí n haverá mais desculpas.
    Tirando FI, STR, BMW e o Nakajima; a briga vai ser feia entre o resto do grid pra ver quem vai pro Q3. Acredito q teremos um Q2 com o intervalo de tempo entre o 1º e o 15º em torno dos 0,7 – 0,8s.
    A pista por si só é boa pra Toyota e, tb, graças ao Kers q tem sido utilizado com mais eficiência em saídas de curvas de baixa, Ferrai e McLaren.
    Agora some:
    As grandes melhorias conseguidas pelas equipes de Alonso e Hamilton em Nurburgring;
    A evolução gradativa da Ferrari e da Williams, principalmente em ritmo de corrida e
    Por fim, as agora sempre favoritas Brawn e, principalmente, RBR.
    Pronto, se fizer calor é impossível apostar num pódio(com frio e/ou chuva é certo o domínio da RBR.)
    Diante disso, o Nelsinho terá q aproveitar a chance q foi dada e se enfiar de qq maneira entre os dez no Q3, pois a corrida, como em Mônaco, é praticamente decidida na classificação.

    Publicado por Leandro Magno | 19/07/2009, 4:41 pm
  6. Becken,

    Primeiramente, obrigado pelo presente. Valeu. Vou tentar gravar para guardar.

    Quanto ao post e aos comentários dos colegas, pelo que entendi, a “cláusula de performance” é atrelada à de “cláusula de igualdade”, de forma que se esta não for cumprida, aquela perde eficácia. A Tabajara F1 descumpriu a de igualdade por 9 GPs e agora quer que o Nelsinho consiga em apenas 1 GP o que ele teria que conseguir em 9? Isso deve ser piada!

    É óbvio que o Nelsinho tem direito a 9 GPs com equipamentos iguais para conseguir 60% dos pontos que o Alonso tem hoje. Além de não saber fazer carros, não saber ler um contrato, não cumprir cláusulas contratuais, será que a Tabajara F1 também não sabe fazer as mais básicas operações matemáticas?

    Entretanto, não há mais 9 GPs nesta temporada, o que impede o cumprimento da cláusula de performance pelo piloto e quem causou esta situação foi a Renault, ao descumprir o pactuado. Cabe uma defesa nos moldes da Exceptio non adimplecti contractus… rsrs.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 19/07/2009, 7:48 pm
  7. Olhando essa imagens e lembrando desta temporada da GP2 eu não consigo entender como Piquet não conseguiu até agora corresponder na F1.

    De qualquer forma, acho que ele é também culpado disso, pois em nenhum momento se impôs dentro da equipe.

    Ademais, se Piquet não está indo bem, é bom lembrar que ele não é dos piores pilotos do grid: Kovalainen, Trulli, Fisichella, Nakagima, Bourdais e Glock não são melhores que ele.

    Publicado por Cassius Clay Regazzoni | 19/07/2009, 11:05 pm
  8. Na minha opinião, um dos fatores do Nelsinho não ter emplacado na F1 é a sua própria carreira.

    Sempre esteve em equipes bancadas pelo pai, sempre teve regalias e status de Primeiro Piloto, sempre teve em mãos os melhores equipamentos. Mas agora que não pode contar com tudo que teve durante toda a sua carreira, perdeu o rumo.

    Posso ainda falar sobre aquele um ano parado como piloto de testes da Renault, péssima ideia…

    Acho que o Nelsão, acreditou numa possível volta por cima da Renault, Alonso foi campeão em 2005 e 2006 com a Renault, nada mais plausível que apostar numa equipe que num passado bem recente foi campeã, do que apostar numa equipe de menor porte. Penso tbm que o Nelsão levou em consideração o fato de já ter trabalhado com Flávio Briatore no inicio dos anos 90, no fim da sua carreira na F1.

    Publicado por i.David | 20/07/2009, 5:03 am
  9. “Olhando essa imagens e lembrando desta temporada da GP2 eu não consigo entender como Piquet não conseguiu até agora corresponder na F1.”

    Cada categoria é uma história diferente, e cada piloto tem uma adaptação distinta a ela. Portanto, o fato de Piquet não se adaptar bem a F1 não faz dele um piloto medíocre. Sempre me lembro do Zonta, um cara que sempre foi rápido nas categorias por onde passou (e olhe que ele correu em muitos carros diferentes) mas não teve sucesso na F1. O próprio Bourdais é outro exemplo.

    Comentário sem muita importância: esse capacete original do Piquet é bem mais bonito que o laranja by Ing.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 20/07/2009, 8:58 am
  10. http://historiasevelocidade.blogspot.com/

    ola Becken Lima..aproveitando pra divulgar mais dois posts do Historias e Velocidade, um sobre uma opinião a respeito de Galvão Bueno, e outro falando da tragédia envolvendo Surtees.

    E Piquet Jr…esse tem talento, mas talento nunca é suficiente na F1. Essse tem nome, mas nome nunca é suficiente na F1. Esse tem personalidade,mas isso também não é suficiente.
    É uma some de fatores das mais complexas e difíceis de se somar.

    Publicado por Ridson | 20/07/2009, 9:30 am
  11. Cassius,

    Se impor politicamente sobre Briatore que é o dono inescrupuloso da equipe e com o Alonso, bi-campeão com 10 anos experiência na F1 e sócio do Briatore? Diga, como fazer isso.

    A equipe precisava fazer pelo menos o básico, ou seja, 02 carros competitivos. Ou, no mínimo, cumprir o contrato, distribuindo igualmente os tijolinhos de rodas que sabe fazer. Infelizmente, nem uma coisa nem outra.

    Com o básico, ou seja, 02 carros competitivos, Alonso disputaria o título e Nelsinho, com um competitivo, conquistaria pontos num campeonato à parte entre os 08 primeiros, ajudando a equipe no mundial de construtores e se firmando na categoria.

    Vc acha que algum dia o Briatore vai admitir que seus carros são uma m*rda, piores que os da Toro Rosso?

    O lance do Nelsinho é cavar outra vaga em condições menos desfavoráveis.

    A situação é simples: o Massa correu com o Schumacher e com o Kimi. Era o segundo piloto mas, como não foi boicotado pelo companheiro ou pela equipe, pôde evoluir e se firmar. Hoje está entre os 5 melhores do grid. Espere para vê-lo correndo ao lado do Alonso.

    Vitor,
    Esse capacete é o mesmo que o Piquet-pai usava, com o desenho estilizado de uma bola de tênis, esporte que praticava antes de adotar definitivamente o automobilismo.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 20/07/2009, 1:52 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: