//
você está lendo...
ARTIGOS

Carros da F2, projetados pela Williams, apresentaram problemas com rodas na primeira corrida

Após as condolências à Família do jovem Henry Surtees, o próximo passo certamente será investigar as causas do acidente que o vitimaram. Muitos parecem convencidos de que Henry foi vítima de uma fatalidade, mas o que realmente o matou — antes ou depois da colisão contra o guardrail — foi realmente a roda que soltou-se do carro de Jack Clark, que bateu logo à sua frente.

Portanto, a sua morte está longe de ser classificada como uma fatalidade até que um laudo técnico e detalhada investigação seja feita.

Os primeiros e básicos indícios e o testemunho de Lucas di Grassi, “de que a roda soltou muito fácil de um impacto sem muita violência,” me convencem de que, definitivamente, não foi uma fatalidade e culpados podem ser encontrados.

A williams envolvida em mais uma morte de piloto

Os carros dessa novíssima Formula 2 são projetados pela Williams e, assim como na F1, seguem os padrões técnicos de segurança estabelecidos pela FIA em 2005 . O problema é que — como bem mostra o vídeo abaixo — não é a primeira vez que uma roda se solta de um carro de F 2 nessa temporada. Na primeira prova desse ano em Brno, na República Tcheca, uma roda soltou-se na largada após colisão e, ironia das ironias, soltou-se justamente do carro de Henry Surtees.

Ed Gorman reporta em seu blog hoje que John Surtees, o pai de Henry, já havia alertado sobre o perigo das rodas, dando o testemunho de que a roda passara muito perto de Henry nesse acidente em Brno.

Não há no site da Formula 2 qualquer pista de quem construa os carros, apenas a indicação da Williams como responsável pelo desenho do projeto. É muito cedo para qualquer conclusão, mas é certo dizer que a Williams deve enfrentar mais uma investigação pela morte de outro piloto que competia em um dos seus carros — assim como foi com Ayrton Senna há mais de uma década.

A largada em Brno

Discussão

4 comentários sobre “Carros da F2, projetados pela Williams, apresentaram problemas com rodas na primeira corrida

  1. Tinha pensado nisto, só olhar a facilidade com que a roda do carro que originou o acidente se soltou. E logo depois a roda do proprio carro do Surtees também se solta.
    Lamentavel.

    Publicado por Ron Groo | 20/07/2009, 1:44 pm
  2. Se a Williams seguiu as especificações da FIA, não vejo motivos para serem acusados de nada. Afinal, acredito que é responsabilidade da federação exigir que as rodas sejam presas por cabo de aço.

    Aliás, como eu disse em outro post, já está na hora de pensar numa proteção para a cabeça do piloto. No video a seguir, por duas vezes NA MESMA VOLTA quase os pilotos tem a cabeça esmagada:

    Publicado por fernando-ric | 20/07/2009, 1:50 pm
  3. Com diz o Fernando, não é só as rodas. O video que ele coloca aqui em anexo demonstra que muitas das vezes temos a sensação que existe uma espécie de “almofada” que evita que lamentemos mais mortes quer na Formula 1, quer noutras categorias do automobilismo. Em Magny Cours, o Ernesto Viso esteve a dois centímetros de ter o mesmo destino que o Marco Campos doze anos antes (e na mesma pista…)

    Sobre o comentário do Di Grassi no Twitter, respondi-lhe que ao mesmo tempo que o Surtees tinha o seu acodente fatal, assistia a outra batida forte na Superleague Formula, em Zolder. O carro do português Pedro Petiz, do Sporting, despistou-se e bateu forte nos pneus, mas estes, seguros por cabos, não se soltaram. E olha… o carro ficou bem no meio da pista.

    Confesso a minha estranheza pelo facto de estes carros não terem essas cordinhas. Ainda por cima numa categoria onde o que não falta são pilotos jovens, com demasiado “sangue na guelra”…

    Publicado por Speeder_76 | 20/07/2009, 3:25 pm
  4. A polícia já disse que não fará uma investigação, pois considerou a morte do Henry como um incidente normal de corrida.

    Publicado por Alexandre Carvalho | 21/07/2009, 3:04 am

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: