//
você está lendo...
ARTIGOS

Sobre o hipotético escândalo na Renault

IMAGEM: Renault/Divulgação alonfla(ALONSO lidera e vence em Cingapura/2008)

Eu confesso que assim como Galvão Bueno hoje, me custa acreditar que Flavio Briatore tenha sido capaz de operar o resultado de uma corrida de forma tão sórdida e maquiavélica como foi sugerido por Reginaldo Leme na transmissão do GP da Bélgica hoje.

Seria preciso um trabalho muito planejado de logística para levar o intento as vias de fato, com participação efetiva de Nelsinho, Alonso, Pat Symonds e de quase toda a equipe para que isso acontecesse.

É estranho também que uma investigação de tal importância tenha escapado da ultra-competente imprensa inglesa, com fontes muito bem ramificadas dentro de todas as equipes — o que seria um baita furo de Reginaldo Leme que, aliás, parece ter surpreendido até a Galvão Bueno…

A imprensa inglesa acordou para a história divulgada por Reginaldo Leme na transmissão de hoje, com Joe Saward em seu blog, e a Autosport dando destaque com breves notas sobre um episódio que, se confirmado, tem potencial para tornar-se o maior escândalo da história da Formula 1.

Eu sugiro que vocês fiquem atentos ao que dirá Livio Oricchio nas próximas horas ou dias. Livio é um dos homens com fortes conexões dentro da Renault e, assim como Reginaldo Leme, ele saberá de coisas que poucos saberão.

Vídeos do GP de Cingapura

Anúncios

Discussão

81 comentários sobre “Sobre o hipotético escândalo na Renault

  1. Isso, como Galvão Bueno sabiamente ponderou, precisa ser provado antes de qualquer julgamento. Briatore é casca grossa mas como você falou Becken, não é uma coisa simples que se faz apenas combinando entre ele e Nelsinho.
    Não podemos esquecer que apesar de ser uma equipe de F-1, a ING Renault F1 Team representa uma poderosa fábrica automobilística que a mantém como publicidade para sua imagem.
    A menos que surgam provas ou evidências mais contundentes, considero como um boato por enquanto.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 1:01 pm
  2. aah! don’t take globo tv & Galvao Bueno too seriously!! He’s an absolute patriot & will go to any extent to defend his brazilian drivers. We all know how close piquet sr & galvao are :) i think both the piquet’s must shut up. The son is maligning his father’s image by doing this. What the hell was piquet doing all these days? whay come out with such an outrageous story after almost a year? i think piquet must STFU!!!!

    ………………………………………………………………………………………………………………………..

    aah! Não tome TV Globo e Galvão Bueno demasiado a sério! Ele é um patriota absoluta e vai para qualquer medida para defender os seus pilotos brasileiros. Todos nós sabemos o quão perto Piquet SR & Galvão são:) Eu acho que tanto o Piquet deve calar. O filho é denegrir a imagem de seu pai, fazendo isso. Que diabos foi Piquet fazendo todos estes dias? whay sair com uma história tão escandalosa após quase um ano? Acho que Piquet deve STFU!!

    Publicado por mp4-19b | 30/08/2009, 1:02 pm
  3. O site Grand Prix afirma que a FIA confirmou a investigação de um “acidente passado no campeonato mundial de Fórmula 1”:

    http://www.grandprix.com/ns/ns21778.html

    Dessa vez eu discordo do “mp4-19b”. Reginaldo Leme deve saber de algo. Se isso for provado, Nelson Piquet Jr. também deve ser punido…

    Ele não teria vantagem nisso!

    Publicado por Willian | 30/08/2009, 1:06 pm
  4. Não creio que alguém levantaria uma lebre dessas sem fundamento nenhum. Seria irresponsável, beirando o criminoso. Cabe a quem jogou isso na midia provar os fatos, mas não passa pela minha cabeça alguém levantar uma informação tão grave como essa por puro patriotismo. A Globo ja fez muita besteira sim, mas essa ultrapassaria todos os limites da insanidade.

    Não digo que isso realmente ocorreu, precisa-se provar primeiramente. Mas não acho que uma informação dessas seja apenas por patriotismo ou alguém querendo aparecer. Um fundo de verdade há nisso…

    Publicado por Alfs | 30/08/2009, 1:13 pm
  5. Se a FIA está investigando, então já a ser preocupante.
    Agora não consigo deixar de pensar: se isso se confirmar, os resultados do GP de Cingapura foram deliberadamente manipulados, o que os tornam inválidos.
    E se isso acontecer, Hamilton perde o título.
    E se isso acontecer, o que acontece com a credibilidade da F-1?

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 1:17 pm
  6. Parece que a coisa é séria mesmo, tá lá na Autosport que a FIA abriu investigação.

    Segue o link:

    http://www.autosport.com/news/report.php/id/78195

    Publicado por Bruno Oliveira | 30/08/2009, 1:22 pm
  7. AutoSport confirma a investigação:

    http://www.autosport.com/news/report.php/id/78195

    E agora?

    Publicado por Willian | 30/08/2009, 1:24 pm
  8. A fonte do Reginaldo quase certamente é Nelsão. Mais provavel que Nelsinho já tenha feito um acordo aos moldes do de Alonso em 2007 para testemunhar contra a equipe.

    Carlos T, não afetara o titulo do Lewis em nada. O máximo que vai acontecer se for comprovado é o Alonso ser desqualificado daquele GP.

    Agora me diverti muito com o Galvão falando que quem espalhava uma noticia dessas seria processado sem se tocar que o Reginaldo efetivamente dava um furo.

    Publicado por Filipe Furtado | 30/08/2009, 1:27 pm
  9. Seria o fim da Renault e de Briatore na F1.
    Será q foi por isso q prolongaram tanto a permanência do piquetzinho?
    Mas se a FIA confirmou q está investigando, podem ter certeza q aí tem.

    Publicado por Leandro Magno | 30/08/2009, 1:31 pm
  10. Um vídeo com o Nelsinho “praticando” o spin:

    Agora, o Alonso estaria envolvido, DIRETAMENTE, em outro escândalo na F1. Duvido que ele não soubesse de nada e apenas tirar a sua vitória me parece pena branda…

    Publicado por Becken Lima | 30/08/2009, 1:33 pm
  11. Filipe, eu quis destacar que a partir do momento que um safety-car é acionado por intenção de uma equipe em modificar a ordem dos pilotos na pista e assim favorecer o seu piloto, essa manobra invalida o resultado deste piloto e de todos os demais, assim como o escândalo da máfia dos apitos em 2005 invalidou as partidas relacionadas. Pode ser que a FIA não anule a corrida mas a sensação de que houve adulteração deliberada nos resultados e que isso modificou o campeonato ficará.
    Lógico, isso hipoteticamente falando. Eu espero que esse escândalo seja infundado. As consequências seriam muito dolorosas e atingiriam muitas pessoas, incluindo aquelas que nada tem a ver com isso.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 1:37 pm
  12. Amigos, para ilustrar a polêmica trago estes dois vídeos do Nelsinho Piquet no GP de Cingapura de 2008 .. Vejam atentamente e tirem suas conclusões.

    vídeo 1 (volta de apresentação e possível ensaio de nelsinho):
    http://www.youtube.com/watch?v=feXvqfttAuw

    vídeo 2 :
    http://www.youtube.com/watch?v=JszDb-j4NGI&feature=related

    Minha opinião: Aí tem coisa, infelizmente… A rodada dele na volta de apresentação tá muito com cara de que foi produzida por ele .. nada justificaria ele perder o controle do carro ali .. notem que ele até dá uma certa distância pro alonso antes da curva para depois executar a manobra ..

    Publicado por Galkadesh | 30/08/2009, 1:38 pm
  13. “vídeo 1 (volta de apresentação e possível ensaio de nelsinho):

    Já é uma evidência isso. Ou seja, realmente aí tem. Precisa-se investigar mesmo.
    Reparei que não foi no mesmo local do acidente pelo muro ser ligeiramente diferente. Mas o modo como rodou nas duas ocasiões foi realmente semelhantes.
    O mais intrigante: tão fácil rodar intencionalmente desta forma quanto fazer zerinhos.
    Agora Nelsinho que não pense que por ter contrato não tem responsabilidade nisto caso for confirmado.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 1:46 pm
  14. Só uma questão para os conspiradores de plantão: se ele rodou na volta de apresentação como teste para o que supostamente teria sido feito depois, como iria saber que o Alonso iria entrar no boxe antes, voltar na ponta e etc, etc, etc? Muito complexa esta teoria, teria muita coisa envolvida para dar tudo certo…sei não.

    Mas, supondo-se que houve realmente a ordem…e o Reginaldo, quando foi explicar, na segunda vez, durante a transmissão, falou em parar a corrida, rodar, parar no meio da pista, não se estabacar no muro, como estão interpretando…

    Por fim, falaram acima em punição para o Nelsinho…se alguem foi beneficiado e merecia punição, sinceramente, não foi ele. Quem ganhou mesmo aquela corrida? Qual era a equipe do vencedor? Ou só querem falar em punição contra ele pelo sobrenome que tem?

    Publicado por Edgard | 30/08/2009, 1:54 pm
  15. Carlos, uma das coisas mais tristes desta história é que se a Renault fez isso, ela fez sem nenhuma necessidade. Se nos lembrarmos daquela corrida, o Rubens quebrou numa posição que exigiria Safety Car na volta seguinte. Ou seja, a batida do Nelsinho no fundo sequer alterou muito o rumo da prova.

    E independente de tudo não altera o que aconteceu depois mais do que as confusões dos comissarios já fizeram.

    Publicado por Filipe Furtado | 30/08/2009, 2:01 pm
  16. Becken e amigos,

    SOBRE BRIATORE/RENAULT/ALONSO/NELSINHO.

    A F1 é um campeonato de equipes. Um piloto ajuda o outro em prejuízo dos demais, óbvio. É muito comum um piloto segurar o pelotão atrás de si enquanto o companheiro deslancha. Não era o que todos esperavam que o Kovaleinen fizesse na corrida passada? Qual o problema?

    Barrichello parou para o Schumacher passar.

    Kimi passou Massa nos boxes em Interlagos em 2007.

    Kimi estacionou para Massa passar em 2008.

    O Nelsinho não bateu em ninguém em Cingapura. Bateu no muro, arriscando seu próprio pescoço. Se foi jogo de equipe para o Alonso ganhar, qual o problema? Ele era o 2o piloto e o Alonso sempre precisou disso!

    Alonsistas dirão que não, mas antes de se agitarem:

    Alguém lembra do Fisichella batendo na roda do Schumacher em 2006 em Interlagos para o Alonso ser campeão? Foi tão veio que quando o Schumacher foi ultrapassar novamente o Fisichella o que ele fez? Passou reto na curva, de medo do alemão. Medo! Cagaço!

    Alguém se lembra que o Alonso esteve envolvido até em espionagem dos carros da Ferrari? E agora a Ferrari o quer como piloto. Alguém entendeu? Então os protagonistas fizeram as pazes? Ok. Então não seremos nós que vamos brigar, não é mesmo?

    O que é “pior”? Bater no muro sem causar danos a ninguém, até se arriscando, ou bater no concorrente direto, como o Fisichella bateu no Schumacher? E qual penalidade ele sofreu? Que eu saiba nenhuma!

    E o Senna batendo no Prost para ser campeão?

    Nem lembro, mas disseram aqui que o Senna em 1986, em Mônaco, ficou arrastando na pista com o motor fumando, depois de fazer a pole, para prejudicar a classificação dos demais.

    São inúmeros os casos e bater no muro pode ser inédito, mas não é pior que inúmeros outros que passaram sem qualquer punição.

    Por outro lado, se o Nelsinho tiver mostrando (o que todo mundo sabe) que segundo piloto tem que fazer o jogo da equipe, não vejo problema. Ainda mais porque está fazendo isso em legítima defesa de um ex-chefe que o sacaneou durante toda a sua estada na equipe.

    Felipe, a FIA só tem as gravações dos rádios das equipes a partir desta temporada? Não sei de nada, e, pelo que parece, ninguém sabe. As investigações estão em curso, mas não bastaria ouvir o rádio da equipe?

    Só digo uma coisa: a a ética que orienta as regras de uma competição não é a mesma de nossas vidas. Não misturemos as coisas, ou teremos que prender os boxeadores por agressão física.

    E, por último, se fosse certo que o Nelsinho bateu por ordem da equipe a coisa não estaria sob investigação.

    É só a minha opinião.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 30/08/2009, 2:02 pm
  17. “Por fim, falaram acima em punição para o Nelsinho…se alguem foi beneficiado e merecia punição, sinceramente, não foi ele. Quem ganhou mesmo aquela corrida? Qual era a equipe do vencedor? Ou só querem falar em punição contra ele pelo sobrenome que tem?”

    Eu não quero julgar ninguém em cima de boatos. Vamos esperar as coisas se desenrolarem. Alonso também pode se cumplice disso tudo.
    Só que é uma questão de caráter. Dizer “ah, assim…eu fui obrigado a fazer isso” não exime ninguém da responsabilidade de intencionalmente prejudicar a corrida (e o campeonato) de mais de 10 pilotos e suas respectivas equipes que estavam na frente de Alonso naquele momento, para que ele tivesse passagem para se catapultar para a P1.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 2:04 pm
  18. Mais comentários aqui do q na vitória do Kimi.

    Quero agora ver o Cassius defender o Nap nessa, se for verdade, é claro.
    Quem é mesmo q mente em nome do time?

    Interessante é lembrar agora q o Alonso disse q era normal mentir pra FIA logo após o episódio da Austrália nesse ano.
    No entanto, n acho q era necessário q o Alonso soubesse da trama.
    Bastava apenas o NAP, Briatore e o engenheiro do Alonso.
    Essas duas semanas de intervalo até Monza vão ferver.

    Publicado por Leandro Magno | 30/08/2009, 2:11 pm
  19. Concordo com vc Carlos, por isso me manifestei assim…só que já tem gente ligando o nome Piquet aos fatos, como se isso fosse prova de crime…sabemos que a rivalidade entre os fãs dessa familia e de outra sempre foi grande (ENTRE OS FÃS)…por outro lado, e se alguém dos boxes ativou algum dispositivo que cortou o motor do carro? Já que é teoria da conspiração, então vamos usar a imaginação…

    Publicado por Edgard | 30/08/2009, 2:14 pm
  20. Edgard, minha cabeça está a mil agora. Não sou fã do Nelsinho e do Alonso, mas tenho uma imagem deles de pessoas íntegras acima de tudo. Alonso é um mala mas nunca utilizou de atitudes tão baixas assim para vencer, como se está especulando. Nelsinho sempre me pareceu amigo do Massa, não consigo acreditar que ele pudesse fazer isso numa corrida que o brasileiro estava conduzindo seguro em 1º lugar e descontando pontos importantes para o campeonato.
    Ainda é tudo muito absurdo, essa é a verdade.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 2:20 pm
  21. Isso mesmo, Carlos…a teoria é muito doida e inverossimil…mas se a própria FIA vai atras…sei lá, mil coisas…vamos ver no que vai dar isso.

    Abraço.

    Publicado por Edgard | 30/08/2009, 2:30 pm
  22. Agora Nelsinho que não pense que por ter contrato não tem responsabilidade nisto caso for confirmado.

    Ainda é tudo muito absurdo, essa é a verdade.

    Concordo!

    Essa história é muito estranha. Apenas com o desenrolar das investigações isso poderá ser esclarecido. Leme deve ter descoberto que a FIA estava investigando e soltou essa.

    Mas até ser provado, ninguém pode ser julgado. Nem mesmo o “mafioso” Briatore…

    Publicado por Willian | 30/08/2009, 2:31 pm
  23. “Alonso é um mala mas nunca utilizou de atitudes tão baixas assim para vencer, como se está especulando. “.

    Eu não especulei nem estou especulando.

    Citei fatos.

    1. O Fisichella bateu no Schumacher em Interlagos em 2006 em benefício do Alonso.
    2. O Alonso esteve envolvido até os cabelos com a espionagem nos carros da Ferrari (abriram a caixa de e-mail dele e encontraram os dados).
    3. Talvez o Nelsinho tenha batido no muro para ajudar o Alonso.

    E isso é comum na F1, exceto a espionagem. O Briatore (sujeito de quem eu não gosto), o Alonso e o Nelsinho não são os únicos. Vejam os fatos que citei no meu comentário e tem inúmeros outros iguais.

    Regra de esporte não é regra de vida.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 30/08/2009, 2:38 pm
  24. O Coyote possui certa razão no comentário dele. Não seria a primeira vez que o Alonso estaria envolvido em escândalos. Muito menos Briatore…

    Publicado por Willian | 30/08/2009, 2:44 pm
  25. Nelsinho já falou sobre o assunto no blog de felipe motta,
    segue o link http://blogs.jovempan.uol.com.br/f1/2009/08/03/entrevista-exclusiva-de-nelsinho/
    mais especificamente no segundo aúdio, inicia-se mais ou menos aos 3 minutos.

    Publicado por ticiano | 30/08/2009, 2:44 pm
  26. Consegui editar o vídeo e embedar via Youtube no post!

    Publicado por Becken Lima | 30/08/2009, 2:52 pm
  27. “1. O Fisichella bateu no Schumacher em Interlagos em 2006 em benefício do Alonso.”

    Fisichella não sofreu nenhuma punição por essa batida. Lógico que ele foi pra corrida com a missão de dificultar a vida do Schumacher.

    “2. O Alonso esteve envolvido até os cabelos com a espionagem nos carros da Ferrari (abriram a caixa de e-mail dele e encontraram os dados).”

    Alonso esteve tão envolvido quanto Pedro de la Rosa e Lewis Hamilton. Isso já foi resolvido.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 2:59 pm
  28. Coyote, eu sei bem que Alonso não é flor que se cheire. Mas chegar a concordar com um esquema do seu escudeiro bater propositadamente e provocar um safety-car apenas para que ele vença uma mísera corrida me custa um pouco.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 3:03 pm
  29. Alonso esteve tão envolvido quanto Pedro de la Rosa e Lewis Hamilton. Isso já foi resolvido.

    Lewis Hamilton não esteve envolvido na troca de e-mails entre De la Rosa e Alonso. Os lap tops dos pilotos foram investigados e não há prova explícita nos altos da FIA de que Hamilton esteve envolvido como é o caso de Pedro e Fernando!

    Publicado por Becken Lima | 30/08/2009, 3:05 pm
  30. Ok, Hamilton é bonzinho e não sabia de nada.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 3:13 pm
  31. Amigos,
    Temos q tomar cuidado pra n fantasiar demais e com isso fazer o episódio ganhar contornos de teoria da conspiração novamente.
    Vejam: dizer q o cara treinou a manobra na volta de aquecimento é totalmente sem sentido. O cara quase bateu no muro. Impossível prever exatamente onde seu carro vai parar quando se dá um spinout. Ele errou o passo do “balé da F1” . Só isso. Lembrem-se q era noite e q os pneus( e o asfalto tb) estavam frios.
    Voltando ao assunto: a FIA, dias atrás, absolveu a Renault da suspensção do GP de Valência, por motivos comerciais pois o momento é difícil.
    A F1 passa por um momento delicado(saída da BMW, etc, etc) q n permitiria q a FIA iniciasse uma investigação como essa onde se tem a chance de perder mais uma equipe além de manchar o nome de uma fornecedora de motores e a grande parceira ING.
    Portanto, só vejo duas possibilidades:
    Ou foi o Nelsão q trouxe a estória e disse q botaria a boca no trombone se a Fia n tomasse as devidas providências; ou
    É coisa do Mosley q já sabia do tema e agora resolveu oficializar a coisa, tirando do seu baú mais secreto, como represália pela humilhação q passou; e se for isso mesmo, a chance de aparecer mais coisas podres nos próximos meses é grande.

    Publicado por Leandro Magno | 30/08/2009, 3:43 pm
  32. Becken se Alonso não sabia de nada, porque ele abraçou uma estratégia completamente estapafurdia de largar com gasolina para 13 voltas largando em 15º?

    Publicado por Leo | 30/08/2009, 4:18 pm
  33. Até amanhã ou terça vamos saber como se passou, porque passou algo sim. A FIA já admitiu está investigando e o Pizonia já disse no twitter que isso é só o COMEÇO. Além do fato do Piquet pai já ter dito outro dia para esperarem a bomba.

    Mal posso esperar até amanhã…

    Publicado por Luiz Carlos Silva | 30/08/2009, 4:26 pm
  34. Gostaira de saber tudo o que se passa nos bastidores da F-1.

    Publicado por Lindolfo Carlos Marquardt | 30/08/2009, 4:32 pm
  35. Quando o tal acidente do Nelsinho aconteceu em Cingapura, todo mundo desconfiou de que aquilo era mutreta. Mas, de tão ridícula era aquela possibilidade macabra, nem sequer vimos alguém mencionar algo combinado para favorecer Alonso.
    Agora aparece esse furo do Reginaldo Leme, que pegou o Galvão no contrapé, e me parece que a fonte é bastante confiável e vingantemente raivosa.
    Depois daquela história de espionagem da Mclarem e das falcatruas do Hamilton no início do ano já não ponho minha mão no fogo por ninguém, por mais absurda que possa ser a hipótese levantada.
    Que o Briattore é um verdadeiro mafioso, ninguém duvida, mas essa história traz uma novidade preocupante, a participação direta de um piloto.
    Se o Nelsinho acha que denunciar isso agora lhe é favorável ele está redondamente enganado, porque não se trataria de um assédio moral, porque a coação era absolutamente resistível.

    Publicado por Jayme | 30/08/2009, 5:06 pm
  36. Acabo de ver no site do Livio. Segundo ele, será difícil de provar a denúncia.
    Se Nelsinho está por trás disso, é bom ele ter uma carta na manga porque não consigo imaginar os integrantes da Renault confensando a culpa.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 5:46 pm
  37. correção: confesando.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 5:47 pm
  38. correção: confessando

    Publicado por Jayme | 30/08/2009, 6:03 pm
  39. Valeu Jayme!
    Hoje estou distraído demais.

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 6:12 pm
  40. Meus amigos,

    O Hamilton não teve absolutamente nada a ver com a espionagem do Alonso em 2007. Isso é fato. Foi coisa de Alonso e Pedro de la Rosa e a punição foi para a Mc Laren e não para os pilotos.

    Bater o carro sem causar danos a ninguém é menos grave que bater no concorrente, tal qual o Senna bateu no Prost e menos que a espionagem em que esteve envolvido o Alonso.

    Quem falou em “assédio moral” e “coação” senão quem quer jogar para a plebe ignara?

    Pagamos impostos absurdos e reclamamos. Por que não, se é verdade?

    Alguém espera que os Piquet enfiem o rabo entre as pernas? Pois espere sentado.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 30/08/2009, 6:24 pm
  41. é tão difícil assim acreditar que o piquet simplesmente errou? acho que essa não foi a única vez que ele errou nesse um ano e meio de F1.

    Publicado por andre | 30/08/2009, 6:32 pm
  42. Coyote: algo que eu tenho que admitir é que os Piquet têm “Balls”, como diria um certo campeão mundial…

    Publicado por Becken Lima | 30/08/2009, 6:34 pm
  43. Confesso que na hora do ocorrido eu tive o pensamento de que aquilo tinha sido pra favorecer o Alonso, mas como o Nelsinho tava numa fase daquelas, ficou nisso mesmo.

    Mas acho que considerar esse como “o maior escândalo da história da Formula 1” é ter memória curta. Acho o “caso dossiê” incrivelmente mais importante/lamentável. Com todo o respeito, Becken.

    E vindo de uma equipe do Briatore, esse tipo de ação não é impossível.

    Publicado por KBK | 30/08/2009, 7:09 pm
  44. Becken,

    Desta vez o Briatore se meteu numa roubada federal. Os Piquet tem muita bala na agulha, muita coragem, nenhum rabo preso e por isso mesmo briga sob a luz do dia. Pior para o Briatore. Mafioso foge da luz como o diabo da cruz.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 30/08/2009, 7:11 pm
  45. In what will that gossip give?

    Nada!

    di Grassi, falou em novidades para Monza, há boatos de Alonso em Monza pela Ferrari, isso é o que importa.

    Aconteceu algo a Alonso e Hamilton pelo Stepneygate ?

    Aconteceu algo ao Schumacher no caso da bomba de combustível da Benetton em 94 ?

    Schumacher, Barrichello, Austria e Ferrari ?

    Indianapolis 2005 ?

    Mclaren, Hungria, Alonso e comissários em 2007 ?

    Isso só pra citar algo em que pilotos estiveram envolvidos e nada aconteceu com eles, então, isso é fofóca, e se for verdade é algo impossível de provar.

    Esquecemos da vitória da Ferrari, do Fisico e da brilhante cagada do Barrichello, e fomos comentar fofócas, estamos mais para o seriado Gossip Girl, alguém quer mandar um SMS pra mim ?

    Publicado por Claudemir Freire | 30/08/2009, 7:39 pm
  46. Eu ainda estou achando difícil a história da Renault ser verdade, mas há uma diferença no caso do dossiê, KBK, que não tem, por exemplo, o Ron Dennis ou qualquer membro da equipe por trás manipulando a situação e toda a equipe na logística para que a coisa acontecesse como um relógio…

    O dossiê veio parar nas maõs de um funcionário da McLaren e daí as informações foram disseminadas por dentro da equipe. Há um elemento fortuíto nisso e não algo milimetricamente planejado, que é como a história da Renault vem apresentando-se.

    Outra coisa é que espionagem é algo Dantescamente sujo, mas até certo ponto é moeda corrente dentro da categoria desde a sua origem, agora operar o resultado de uma corrida dessa maneira, enganando ao vivo milhões de telespectadores, isso seria sim o maior escândalo da história da F1…

    Publicado por Becken Lima | 30/08/2009, 7:40 pm
  47. Só para constar, palavras de Galvão Bueno em seu site (há uma gravação lá dizendo a mesma coisa):

    “Durante a transmissão da Globo desse Grande Prêmio da Bélgica, o comentarista Reginaldo Leme soltou uma bomba capaz de estremecer todos os alicerces da Fórmula 1.

    Privilegiado por fontes fidedignas, as mais sérias, Reginaldo disse que há uma investigação em curso já por parte da FIA, de que o acidente de Nelsinho Piquet no Grande Prêmio de Cingapura em 2008 teria sido premeditado pela equipe Renault a mando do diretor da equipe Flavio Briatore.

    Isso envolve coisas talvez inéditas na história da Fórmula 1, jamais ouvi dizer que um piloto tenha batido de propósito no muro da forma forte como Nelsinho bateu. É claro que isso não é igual a como quando o Ayrton Senna bateu no Prost ou o Prost bateu no Ayrton Senna. Ou também não é igual a um piloto bater no outro e as vezes de forma pouco desportiva tirá-lo da pista. Aquela batida foi forte, foi estranha, mas foi forte.

    Reginaldo, profissional dos mais sérios mas com fontes de extrema confiança garante, e garantindo ele eu acredito, que a investigação está em curso.

    Isso vai levar a Fórmula 1 à um terremoto, vai levar a Fórmula 1 a se reposicionar. O que possa acontecer com as pessoas envolvidas nesse caso será motivo de muitas discussões e tenho certeza que as punições serão sérias.
    Lamento apenas que isso possa comprometer definitivamente a carreira de Nelsinho.
    Vamos aguardar o desenrolar dos fatos pois a denúncia é a mais séria e grave possível”

    Publicado por Carlos T. | 30/08/2009, 7:47 pm
  48. 1 – “…agora operar o resultado de uma corrida dessa maneira, enganando ao vivo milhões de telespectadores, isso seria sim o maior escândalo da história da F1…”.

    A passagem do Kimi pelo Massa nos boxes não foi planejada e feita nos boxes exatamente para não levantar suspeitas? Não foi pre-meditada?

    O Kimi estacionou para o Massa passar em 2008 e tentar ser campeão – não foi premeditado ?

    Todas essas manobras não foram para “operar o resultado de uma corrida…” e operaram?

    2 – “…espionagem é algo Dantescamente sujo, mas até certo ponto é moeda corrente dentro da categoria desde a sua origem…”.

    Espionagem é alta traição para comunistas e capitalistas, mocinhos e bandidos, gregos e troianos, anjos e demônios.

    Becken, meu amigo, pense melhor. Ou tudo é moeda de troca e locupletemos todos ou então condenemos todo mundo. Relativizar para aliviar alguém, nesse momento é, desculpe-me, de coração, a feiúra da palavra, mas é sórdido.

    Eu sei que vc não é isso, por isso conclamo-o a repensar.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 30/08/2009, 8:07 pm
  49. Anselmo, jogo de equipe sempre foi algo corrente na Formula 1, sem que nunca houvesse nada no regulamento a favor ou contra. Na década de 70 a Ferrari punha seus pilotos sobre contrato apra que fizessem escada um para outro e até o grande Gilles foi segundão…

    Foi o advento do Barrichello na Áustria o que mudou tudo isso.

    O que eu quero dizer é que existem fatos e ações — no limite da ética ou não — que estão impressas dentro do DNA da Formula 1 e o jogo de equipes é uma delas. O Hamilton, por exemplo, não achou errado o Kimi deixar o Felipe passar na China em 2008, já que o Heikki fez o mesmo na Alemanha…

    Eu sinceramente ainda duvido que a história da Renault seja verdade, mas se assim o for, ela é alienígena dentro da Formula 1 e acho muito diferente de um jogo de equipes…

    Eu não estou relativizando, apenas pondo em contexto e detalhando algo que costumeiramente se generaliza por que acabamos esquecendo dos detalhes no meio do caminho… ;)

    Publicado por Becken Lima | 30/08/2009, 8:27 pm
  50. Becken boa noite,

    Imaginemos que isso a historia seja verdadeira, o que aconteceria com o Nelsinho Piquet nessa historia ?

    Ha gente dizendo que o pessoal ligado aso Piquets que fez denuncia e que o Nelsinho com isso teria uma certa ” imunidade” e nao sairia mal da historia.

    E ha gente que diz que o Nelsinho sabendo que jah noa tem mais chances na F1 deu com a lingua nos dentes pra ” ferrar ” ao Briatore.

    Perdao mas soh de exisitir esse tipo de duvida, denuncia ou o que seja acaba com a reputacao do Piquet Jr para mim e poe a prova tudo o que jah foi dito, escrito e falado da situcao de um piloto , seu contrato, sua equipe e sua honestidade.

    Como sempre, nos somos engenheiros de obra feita, sabemos criticar e formar opinioes de maneiras unilaterais mas nunca sabemos realmente o que acontece do outro lado e como no mundo corporativo o piloto eh um empregado e esta sujeito as ordens do seu chefe e seu contrato se quiser manter seu emprego ou ainda mais se quiser manter sua carreira e nao se queimar no mercado.

    Vamos ver o que acontece… essa temporada esta sendo a temporada mais FABIO SEIXAS da historia da F1 , cheia de causos , fofocas e escandalos.

    Um abraco,

    Fernando

    Publicado por Fernando | 30/08/2009, 8:44 pm
  51. Pessoal, gostaria de dizer que respeito a opinião de todos, pois a pluralidade de idéias é que faz deste site um dos mais acalorados e interessantes sobre a F1. Deixo então o meu ponto de vista:

    Considero que manipular resultados através de jogo de equipe é algo aceitável, desde que, dentro dos limites do esporte e da boa fé objetiva. Não se deve agir deliberadamente prejudicando concorrentes de forma desleal, lançando mão de artifícios reprováveis e que vão contra a natureza da competição (se a F1 fosse essa selva onde tudo vale, pra que precisaríamos de regas? Elas estão aí para regular e preservar o espírito do esporte).
    Seja em que caso for, se a intervenção do resultado de uma corrida foge do aceitável e fere o regulamento ou o espírito esportivo, resvalando na má fé de quem praticou o ato, aí sim penso ser o caso de uma punição. Por isso há, até agora, apenas uma INVESTIGAÇÃO da FIA, primeiro para apurar se o fato realmente ocorreu ou se foi somente uma coincidência. Se realmente ocorreu é preciso saber como e, por fim, se a atitude de cada um dos envolvidos é passível de punição.
    Lembremo-nos de que nem tudo que é imoral é ilegal. Vamos esperar, portanto o desenrolar dos fatos para fazer uma análise mais concreta, já que ficar comparando situações anteriores na história da F1 para justificar ponto de vista de cada um, não nos levará a lugar algum. Daí a discussão acaba perdendo o foco e as informações que realmente precisam ser observadas se perdem.

    Publicado por Galkadesh | 30/08/2009, 8:54 pm
  52. Daí a discussão acaba perdendo o foco e as informações que realmente precisam ser observadas se perdem.

    Concordo!

    Publicado por Becken Lima | 30/08/2009, 8:57 pm
  53. Bom, das dua uma:

    Ou o Reginaldo deu um furo sensacional ou essa será uma barriga do tamanho de um bonde, pior do que a do Lemyr Martins em seu livro, ao descrever o diálogo de Barrichelo com o box da Ferrari antes de ser ultrapassado por Schumacher na Áustria em 2003!

    Está me parecendo mais um tiro n’agua.

    Como vão provar?

    Piquet (pai e filho), Briatore, Alonso ou algum membro da Renault vão admitir publicamente que manipularam o resutado da prova?
    Nenhum desses é santo, muito menos estúpidos!

    Existem documentos provando a mutreta? E-mails? Dados da telemetria? Gravações?

    Piquet arruinaria (ainda mais) a reputação de seu filho só pra jogar o nome de Briatore na lama?

    Alguém em sã conciência arriscaria o próprio pescoço e bateria num muro a 200Km por hora deliberadamente?

    Nada disso me parece muito factível.

    Publicado por Beatle Ed | 30/08/2009, 9:41 pm
  54. Concordo com muitos comentários aqui. Mas sobre quem citou o “treino” de Nelsinho eu tenho que discordar. Aquela rodada na volta de apresentação foi acidente, afinal ele não bateu por uns fios de cabelo, e quase não consegue largar, além de pôr em risco a posição de largada caso se enrolasse por lá e fosse ultrapassado por quem vinha atrás.

    Uma coisa é bater, outra mais complicada é fingir que vai bater e acelerar a um centímetro do muro. Ao menos isso creio que foi acidental. Quanto ao que aconteceu na corrida, corre o risco de ser o que Ron Groo chama de briatoragem.
    Concordo com quem pensa que uma acusação dessa não aparece sem uma penca de provas debaixo do braço. Aí deve ter coisa…

    Publicado por Felipe | 30/08/2009, 9:42 pm
  55. Beatle Ed, na verdade Reginaldo não corre risco nenhum de dar barrigada. Ele não disso que foi verdade, ele apenas disse que existe uma investigação.

    E existe, a FIA está atrás dessas história. Se for verdade ou não, o Reginaldo não tem nada com isso. O Regi deu um dos grandes furos do ano, porque parece que até os europeus só ficaram sabendo através do que ele disse na transmissão. Depois veio a Autosport e tudo o mais publicando o caso.

    O mérito jornalístico do Reginaldo neste caso é inegável…

    Publicado por Felipe | 30/08/2009, 9:47 pm
  56. Vai passar no Fantástico.
    Parabéns ao Regi.

    Publicado por Leandro Magno | 30/08/2009, 9:53 pm
  57. “Quem falou em “assédio moral” e “coação” senão quem quer jogar para a plebe ignara?

    Alguém espera que os Piquet enfiem o rabo entre as pernas? Pois espere sentado.”

    Quando me referi ao assédio moral e à coação resistível não foi da forma que o Coyote entendeu, porque o Piquezinho enfiou o rabo entre as pernas ao obedecer a ordem do Briattore, e não estamos tratando de um adolescente.

    Publicado por Jayme | 30/08/2009, 10:01 pm
  58. Galkadesh,

    “Lembremo-nos de que nem tudo que é imoral é ilegal. Vamos esperar, portanto o desenrolar dos fatos para fazer uma análise mais concreta, já que ficar comparando situações anteriores na história da F1 para justificar ponto de vista de cada um, não nos levará a lugar algum. “.

    É o mais sensato, sem dúvida.

    Mas como existe um regulamento com regras objetivas a ser aplicado. Se a conduta da equipe e do piloto coincidir com uma proibição e uma pena ali prevista, ok. Aplica-se. Pune-se. Se não há previsão legal, inocenta-se. Não se pode inventar lei e punição para situações pretéritas porque ninguém segue regras inexistentes. Nullum crimen sine lege.

    Isso não é viagem – é o mais puro direito, chamado Princípio da Reserva Legal, aplicável em todos os países civilizados.

    Quer saber o que é imoral?

    Imoral é querer punir o indivíduo antes das investigações concluídas, antes da acusação formal e sem lhe dar direito a ampla defesa e à produção das provas que amparam esta defesa. Isso é coisa de quem age segundo as próprias leis e não segundo aquelas que foram criadas democraticamente para se aplicar a todos indistintamente. É atitude de ditadores recalcados.

    Ninguém aqui concordaria em ser multado por ter ontem numa rua de leste a oeste se a lei proibindo esta circulação foi publicada hoje. A partir de hoje é contra-mão. Ok. Mas ontem não era. Quem andou ontem não aceita (nem pode) ser punido.

    Mas vc tem toda a razão. O negócio é esperar.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 30/08/2009, 10:13 pm
  59. Pessoal,

    Dêem uma olhada neste vídeo postado pelo Flávio Gomes em seu blog. Ele mostra a largada da corrida de hoje através da câmera onboard de alguns pilotos como Rubens, Button, Kimi e Hamilton. É um ótimo vídeo para tirar algumas dúvidas sobre toda a confusão do início da prova. Vale a pena conferir.

    http://colunistas.ig.com.br/flaviogomes/2009/08/30/belgicanas-12-2/

    PS: A. Coyote, obrigado pelo apoio, você também comentou com bastante propriedade hoje. Estou me formando em Direito e vejo os fatos pelo mesmo ângulo que você apontou.

    Publicado por Galkadesh | 30/08/2009, 10:30 pm
  60. Fico imaginando se no lugar do Alonso o beneficiado dessa “treta” fosse o Hamilton, eu duvido que a galera seria tão ponderada assim. Mas… deixa pra lá chega de polêmica pros lados de Woking.
    Estranho o Alonso largando em 15º em uma corrida de difícil ultrapassagem com tanque vazio. Pode ter certeza que se essa história for verdade, tem mais gente envolvida nisso aí.

    Publicado por Bruno Oliveira | 30/08/2009, 10:46 pm
  61. Galkadesh,

    Primeiramente, parabéns por estar às voltas com a conclusão do curso.
    Em segundo lugar, não esqueça jamais dos princípios basilares do direito. Lei, analogia, costumes e princípios gerais do Direito. Serão sempre sua âncora e seu porto seguro e vc nunca ficará à deriva.

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 30/08/2009, 10:50 pm
  62. Muito obrigado pelo conselho, Coyote.
    Uma boa noite e ótima semana a todos!

    Publicado por Galkadesh | 30/08/2009, 11:33 pm
  63. Felipe, a FIA disse que está investigando mas não disse o que.

    Foi o Reginaldo Leme quem deu detalhes, afirmando que o alvo da tal investigação seria a tentativa de manipulação do resultado da prova de Singpura 2008 por parte de Flavio Briatore e de alguns setores da Renault, incluindo opiloto brasileiro.

    Espero que esse escândalo previsto pelo Reginaldo para vir à tona essa semana não acabe de vez com as já pouquíssimas chances de Piquet na F1.

    Seria realmente lamentável.

    Publicado por Beatle Ed | 30/08/2009, 11:33 pm
  64. Caros colegas,

    Primeiro uma resposta ao LEANDRO MAGNO que me citou em seu comentário:

    Caro Leandro, ao contrário de muitos, eu não tenho dificuldades em criticar, de forma dura contundente, um piloto ou equipe de minha preferência quando estes cometam pilantragens, por isso vou transcrever um trecho de meu comentário no post anterior que você não deve ter lido: “Além disso, é necessário saber sua participação, assim como a de Nelsinho, nessa estória de acidente provocado. Caso ele e Nelsinho tenham agido em conluio com o Briatore, acho que todos os três deveriam ser afastados da F1 para sempre…”

    Dito isto, quero deixar bem claro que não concordarei com uma punição destas para Piquet Jr., pois, Alonso, De La Rosa, Hamilton e Mclaren tiveram atitudes que também prejudicaram deliberadamente colegas de profissão, além de tratarem os fãs como grandes otários.

    Nessa estou em parte com o COYOTE: Stepneygate 2007 e Austrália 2009 foram manchas na história da F1, tanto quanto será (se for confirmada) esse episódio de Cingapura. Em todos esses casos houve tentativas sórdidas de manipular os resultados obtidos em pista, apenas os meios que foram diferentes (espionagem industrial, indução de comissários a erro). Em todos os casos os protagonistas chamaram os fãs de F1 de idiotas, esqueceram a ética e os escrúpulos.

    E é bom que todo mundo entenda isso de uma vez por todas, não existe homem meio-honesto ou mulher meio-grávida, ou o cara é honesto ou não é. E tem mais, Piquet Jr. não teve vantagem nenhuma em se acidentar em Cingapura (no máximo tentar manter seu emprego), aliás, só teve desvantagens (pois Briatore o mandou embora do mesmo jeito), já Hamilton, Alonso, De Larosa e McLaren fizeram suas pilantragens para obter pontos no campeonato e iam conseguir se não fossem desmascarados.

    E não me venham com esse papo furado de que os pilantras foram devidamente punidos com multas ou perda de pontos nos construtores, essas foram punições ridículas e que não serviram para intimidar os infratores. Está aí a McLaren que não me deixa mentir, eis que, menos de dois anos depois de espionar a Ferrari receptando documentos apropriados indebitamente, mandou seu principal piloto, campeão do mundo, mentir descaradamente na frente das câmeras para roubar pontos de um “pobre coitado” como o Jarno Trulli e sua insignificante Toyota.

    E sabem porque nenhum dos envolvidos foram punidos devidamente? Ora, porque são os astros rentáveis deste grande entreterimento global chamado F1. Bernie e Max não iriam matar suas galinhas dos ovos de ouro.

    Já pensaram uma F1 sem McLaren, Ferrari, Hamilton e Alonso (só para ficar nos pilantras mais recentes)?

    Quanto ao jogo de equipe, isso só vai acabar o dia em que existir um só piloto por equipe.

    Concordo com o Becken que já é parte da essência da F1 essa estratégia anti-esportiva, porém, discordo que existam jogos de equipe “ligth” e jogos de equipe “hard”, afinal, me respondam: Qual é a diferença entre deixar seu companheiro de equipe passar no final da última volta ou em um manipulado pit-stop no meio da prova?

    Acho que qualquer ser com um mínimo de inteligência sabe que não há diferença, todos os dois casos são manipulação de resultados, atentam contra a ética esportiva e a realidade dos confrontos nas pistas.

    A diferença é que uma das hipóteses só aconteceu de forma mais escabrosa por um chilique de um cara que foi contratado como segundo piloto, agia como segundo piloto, mas não tinha caráter para assumir isso para o mundo, por isso, fez questão de dar uma de vítima, constranger todos de sua equipe e ainda ficar lá por mais 04 anos sendo humilhado de todas as forma possíveis.

    Resumindo, gostaria de lembrar que a categoria que tanto gostamos é uma terra sem lei, onde manda quem pode (FIA, Bernie, Ferrari e McLaren) e obedece quem tem juízo, tudo é resolvido na base da grana, influência e do poder. Quem acha diferente ou é ingênuo ou é hipócrita, em suma: A F1 É UM CIRCO E NÓS SOMOS OS PALHAÇOS QUE NÃO VIVEMOS SEM ELA.

    Como havia dito antes, nesse assunto de Renault X Nelsinho, a burrice de Briatore foi mexer com o Piquet Pai, aí mermão, ele se deu muito mal, pois, quem nasce Piquet jamais será Barrichello (para o bem e para o mal).

    Briatore, mafioso que é, devia saber que: “Em terra de piranha jacaré nada de costas”. Agora, Briatore deve sifu para acalmar os ânimos e “mostrar” para o mundo que a F1 é séria. ACREDITEM SE QUISER…

    Publicado por Cassius Clay Regazzoni | 31/08/2009, 12:32 am
  65. “…quem nasce Piquet jamais será Barrichello (para o bem e para o mal).”

    Se for verdade a conspiração toda, aí eu discordo Cassius. Não imagino Piquet-pai obedecendo ordens de equipe, ainda mais em um papelão desses. E para que? Garantir mais um ano de contrato com o cara que já o tinha sacaneado o ano todo? Não acho que o Piquezão aceitaria isso, não o homem que, reza a lenda, negou assinar contrato com a McLaren só porque não aturava Ron Dennis, que nunca correria pela Ferrari para ter seu valor diminuído por um carro…

    Isso, claro, se for verdade. Acho curioso o pessoal questionar a rodada em uma volta de apresentação (o “ensaio”), não seria a primeira. Já aconteceu com o Coulthard na Williams, com o Montoya na McLaren… é um meio ridículo, mas às vezes esquecemos que os pilotos são humanos. De qualquer forma, arriscar uma manobra dessas intencionalmente numa volta de apresentação, onde os carros estão muito próximos e ainda por cima em um circuito de rua… fantasioso demais, não? Se algum outro carro batesse nele comprometeria todo o “grande plano”…

    Não descarto a teoria conspiratória em si, não depois de ter assistido escândalos de espionagem, sadomasoquismo, mentiras e disse-me-disse por poder ou por míseros pontos. Só acho que, dessa história toda, o tal “ensaio” passou do limite do absurdo.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 31/08/2009, 9:18 am
  66. Coyote, do jeito que eu vejo, um simples jogo de equipe entre dois pilotos é muito menos significativo do que a suposta manipulação em Cingapura. Eu sou fã do Schumacher e vi aquela corrida no Brasil umas quinhentas vezes, e eu não vi o Fisichella batendo deliberadamente no pneu do Schumacher. O Schummy veio por fora e fechou o S do Senna onde não dava pra cima do Fisico. Ou o Fisico estacionava pro Schumacher passar (o que nenhum piloto faz, como disse o Vettel em Valência) ou ele batia no muro. Eu considero aquilo como incidente de corrida, e mesmo que não for, isso sim não tem como provar que foi feito pra ajudar o Alonso. Sobre Massa e Kimi em 2007 e 2008, eles apenas inteverteram as posições entre eles, não envolvendo nenhum terceiro nisso. Massa estava fora da briga pelo título em 2007 e Kimi fora em 2008, e não seria nada mais óbvio que uma troca de posições (e eu defendo isso nessas circunstâncias), por mais descarado que seja. Repito, eles não influenciaram na corrida de nenhum terceiro NEM COLOCARAM EM RISCO A INTEGRIDADE FISICA DE NINGUÉM. Agora o caso que estamos discutindo…

    A batida do Piquet parou a corrida e jogou detritos na pista, que poderiam ter voado em outro piloto, causando ou o abandono deste ou mesmo dano físico, que por sorte não aconteceu. O ato dele não foi apenas uma “troca de posição” entre os pilotos: o Alonso ganhou 14 posições com isso! Mas não foi só o Alonso, pois vocês devem se lembrar que o Rosberg também decolou para frente e terminou em segundo, graças à batida do Piquet.

    Vocês devem saber também que pontos equivalem a dinheiro, e a manipulação de pontos equivale à manipulação de dinheiro, que eles não ganhariam sem a vitória. Resumindo: eles teriam alterado GROTESCAMENTE (caixa alta para destacar, não estou gritando) o resultado de VÁRIOS pilotos na corrida, visando uns trocados e o beneficio do Alonso, que não tinha nenhuma chance no campeonato memso.

    Portanto Coyote, não compare casos tão “triviais” e “comuns” como uma inversão de posições entre companheiros de equipe trabalhando juntos para o bem da equipe e incidentes de corrida com absurdos como esse.

    Apenas para terminar, eu não acredito nessa história, exatamente por a Renault não ter nada a ganhar além de uns trocados…

    Abração!

    Publicado por Guilherme Teixeira | 31/08/2009, 9:36 am
  67. Becken,

    Tomara que esse video ainda esteja ON, mas vale muito a pena ver as largadas do Barrichello, Button, Raikonnen e Hamilton.

    Abraco,

    Fernando

    Publicado por Fernando | 31/08/2009, 11:14 am
  68. Boa dica Fernando, valeu!!!

    Publicado por Becken Lima | 31/08/2009, 11:21 am
  69. “… discordo que existam jogos de equipe “ligth” e jogos de equipe “hard””

    Cassius,

    Gostaria de apresentar um argumento que talvez mude a sua opinião. Seguem dois exemplos de jogo de equipe “light”:

    Exemplo 1:

    Em valência Barrichello largou na p3, atrás de hamilton (p1) e kovalainen (p2), e o que o kovalento fez? Jogo de equipe, sim. Sua função era segurar Rubens, adversário direto da mclaren pela vitória. E isso é sujo, é desleal? Em minha opinião, não. Nem todo jogo de equipe é reprovável. Kovalainen abdicou de sua chance de vitória, mesmo largando na p2 para tentar ajudar seu companheiro e sua equipe segurando quem vinha atrás. Já vimos isso inúmeras vezes em corridas e é a coisa mais natural do mundo. E não deixa de ser um “jogo de equipe” que acaba influenciando no resultadod e uma corrida.

    Exemplo 2:

    Se você e seu companheiro de equipe partem para estratégias de corrida completamente opostas (vc larga de tanque cheio e ele de tanque vazio) e, num incidente de largada seu companheiro acaba indo para o fundo do pelotão, precisando desesperadamente fazer uma corrida de recuperação, qual seria a atitude mais correta para a equipe, pedir para que você o deixe passar, para que ele nao veja sua corrida ainda mais prejudicada ao perder mais tempo atrás de você, ou não interferir no resultado da corrida e deixar ele preso atrás de você tendo que se virar para passar?

    Acredito que os dois casos são exemplos de jogos de equipe ligth, e você o que acha?

    Abs

    Publicado por Galkadesh | 31/08/2009, 12:45 pm
  70. [ Parece que meu comentário foi bloqueado, vou tentar mandá-lo novamente .. ]

    “… discordo que existam jogos de equipe “ligth” e jogos de equipe “hard””

    Cassius,

    Gostaria de apresentar um argumento que talvez mude a sua opinião. Seguem dois exemplos de jogo de equipe “light”:

    Exemplo 1:

    Em valência Barrichello largou na p3, atrás de hamilton (p1) e kovalainen (p2), e o que o kovalento fez? Jogo de equipe, sim. Sua função era segurar Rubens, adversário direto da mclaren pela vitória. E isso é sujo, é desleal? Em minha opinião, não. Nem todo jogo de equipe é reprovável. Kovalainen abdicou de sua chance de vitória, mesmo largando na p2 para tentar ajudar seu companheiro e sua equipe segurando quem vinha atrás. Já vimos isso inúmeras vezes em corridas e é a coisa mais natural do mundo. E não deixa de ser um “jogo de equipe” que acaba influenciando no resultadod e uma corrida.

    Exemplo 2:

    Se você e seu companheiro de equipe partem para estratégias de corrida completamente opostas (vc larga de tanque cheio e ele de tanque vazio) e, num incidente de largada seu companheiro acaba indo para o fundo do pelotão, precisando desesperadamente fazer uma corrida de recuperação, qual seria a atitude mais correta para a equipe, pedir para que você o deixe passar, para que ele nao veja sua corrida ainda mais prejudicada ao perder mais tempo atrás de você, ou não interferir no resultado da corrida e deixar ele preso atrás de você tendo que se virar para passar?

    Acredito que os dois casos são exemplos de jogos de equipe ligth, e você o que acha?

    Abs

    Publicado por R. Arqueti [Galkadesh] | 31/08/2009, 12:48 pm
  71. DA SÉRIE “COISAS QUE ME INTRIGAM”:

    @AntonioPizzonia hahahaha, os caras tao querendo arruinar nois aqui mano,na Renault eu ,vc e o @nelsonpiquet nao corremos nunca mais. kkkk

    Coletado no twitter do Tony Kanaan.

    ____________________________________________________________________

    Resposta do Tony no twitter do Pizonia:

    @TonyKanaan kkkkkkk, viu só!??! Acho que só vão entrar aqui par seguir a gente no fds de corrida de F1, rsrs 2010 desempregados. hahahuuahu

    http://twitter.com/AntonioPizzonia

    Publicado por Luiz Carlos Silva | 31/08/2009, 12:57 pm
  72. Cassius,
    Apenas quis lhe mostrar q ninguém está imune a mentir em nome da equipe e q é simples demais ficar apontando dedos estando do lado de fora.
    E pode ter certeza q n é só o NAP ou o Hamilton.
    Mas, se o cara errou e deve a hombridade de pedir desculpas públicas, está zerado.
    Vamos aguardar apenas q o NAP, no momento certo, tb tenha a grandiosidade de chamar uma coletiva e se desculpar perante a todos.

    Publicado por Leandro Magno | 31/08/2009, 1:36 pm
  73. Minha nossa.

    Não tem nada provado, encaminhado para tribunal ou mesmo publicado na imprensa de forma oficial, e já estão querendo cabeças, desculpas públicas, quanta besteira.

    Se ficar provado alguma coisa (que não acredito que vá), que sejam punidos os culpados, que peçam desculpas publicamente, que tenham suas cabeças decepadas em uma guilhotina enferrujada como querem alguns aqui, mas até lá, sejam rácionais, não ha nada a ser comentado até agora que não seja uma fofoca de bastidores que o Reginaldo Leme bancou, e que a FIA esta investigando “uma corrida”, mas não disse qual ou quem são os envolvidos.

    Pode ser a do Brasil onde o Hamilton foi campeão, pode ser a de Spa onde o Massa ganhou um presentão.

    Daqui a pouco vão dizer os “sábios” caçadores de pescoços que o campeonato tem que ser revisto, que a corrida tem ser anulada. Piadistas.

    Para ver como nessa F1 tudo é motivo de piada.

    Pizzonia e Kanaan “zoam” Renault

    Ainda no Twitter, Antonio Pizzonia comemorou o fracasso da Renault no GP da Bélgica e brincou com o colega Tony Kanaan, piloto da Fórmula Indy. Romain Grosjean e Fernando Alonso não completaram a prova, e os dois escreveram que Nelsinho deveria estar contente com a situação.

    “Depois dessa acho que o churrasco na casa do Nelsinho vai até mais tarde”, escreveu Pizzonia, logo após a batida na primeira volta que tirou da prova o francês Romain Grosjean, substituto de Piquet. “Nelsinho deve estar até chorando agora”.

    Pizzonia mandou uma mensagem para Kanaan: “Mandou bem o Grosjean. Parabéns Briatore”. O piloto da Indy respondeu: “Vamos mandar um rolo de papel pra ele enxugar as lagrimas. Vou mandar um rivotril pra ele dar uma dormida assim ele não sofre tanto com o sucesso da Renault em Spa”.

    Publicado por Claudemir Freire | 31/08/2009, 2:18 pm
  74. É tão engraçado isso… só pq o Grosjean se envolveu num acidente, dóis sábios e ótimos pilotos (ironia mode on) resolvem colocar a culpa nele, sendo que nem se tão o trabalho de olhar o vídeo e aceitar que foi o Button que tirou o Romã da prova.

    Bando de recalcados.

    Incrivel como certas coisas ofuscam outras. O schumacher ofuscou a saída da BMW, e agora essa história da Renualt ofuscou a corrida…Quem chegou em primeiro mesmo?

    Publicado por Guilherme Teixeira | 31/08/2009, 2:31 pm
  75. Apenas uma teoria…..

    Apesar da demissão da Renault o Nelsinho ainda tem um contrato de gestão de carreira com o Briatore. A relação pessoal dos dois é a pior possível.

    Se não me engano o Nelsinho deu uma declaração de que o Briatore estava dificultando a permanência dele na F1 para 2010 em qualquer equipe do circo, uma vez que ele ainda é o seu “menager”.

    Minha teoria é que o Nelsão pediu a rescisão do contrato para o Briatore. Com a recusa ele ameaçou divulgar essa história cabeluda. Como a situação não se resolveu o Nelson Piquet (que tem culhões e não tem rabo preso como alguém já falou antes) botou a boca no trambone.

    Ele sabia que sem a rescisão do contrato com o Briatore o Nelsinho não teria mais futuro na F1. Como não conseguiu a rescisão, vai tentar derrubar o mala do Briatore.

    O que vocês acham???

    Publicado por Saulo Caram | 31/08/2009, 3:41 pm
  76. Guilherme Teixeira, não sou advogado do diabo, mas na camera on-board do carro do Button ficou bem nítido que ele foi tocado por trás e quem fez a arte foi o Grosjean.

    Se o Kanaan e o Pizzonia estão tirando sarro do cara é porque são como nós que tiramos sarro do Badoer, então sem méritos por favor, eles conhecem o automobilismo muito mais que qualquer um por aqui no blog e podem “zuar” com quem eles quiserem e da forma que acharem melhor.

    Assim como o Nelsinho pode torcer contra e abertamente quanto ao desempenho do Grosjeam, porque se eu posso torcer contra qualquer um piloto/equipe, por que ele não ?

    Publicado por Claudemir Freire | 31/08/2009, 4:57 pm
  77. Ow, pelo vídeo do Fernando dá pra ver o tamanho das “balls” de cada um.
    1B e Kimi desceram a ripa na Eau Rouge, e Hamiltom e Button deram uma “tiradinha”.
    Legal demais o vídeo.

    FALANDO EM TEORIA DA CONSPIRAÇÃO…
    Já é a 3a vez que o Rubinho apanha do carro tipo arrancada de iniciante em autoescola.
    Será que esse troço é tão sensível assim, ou é alguma dica dada pelo Briatore ao Ross, pra Button não se distanciar muito na tabela… hehehe. Não aguentei.

    FALANDO EM TEORIA DA CONSPIRAÇÃO (2)…
    Tá na cara que tudo isso é um belo de um movimento de xadrez de Nelsão & Nelsinho contra Flavião Doido. Se realmente aconteceu como cogitam, ninguém sabe ou mesmo saberá, mas que a dupla Piquet vai tirar um baita proveito disso, ah vai.

    Publicado por Iomau | 31/08/2009, 5:12 pm
  78. Claudemir, pela on-board de Button realmente fiquei com essa sensação. Mas pela câmera do Rubinho, dá pra ver que o Button dá uma fechadinha e pega a roda do Grojão.

    Publicado por Iomau | 31/08/2009, 5:15 pm
  79. Ok, Iamou isso eu também vi, mas também ficou claro que o Button esta na tangência da curva, ele não assume outra linha deliberadamente, ele apenas se mantém na linha ideal pra fazer o contorno da curva.

    O Grosjean esta com o carro quase tocando na zebra, que não é a tangência ideal pra essa curva e sim fazer como fez o Button e o Kova.

    Então no meu modo de ver ele forçou pelo lado errado, e naquele ponto não dava para o Button ver que ele estava alí.

    Foi erro de quem está começando, mas isso é mais que normal, o problema é que aqui no Brasil ele vai ser defendido por unhas e dentes por quem não gosta do Piquet, e vai ser massacrado por quem gosta do piloto brasileiro.

    Publicado por Claudemir Freire | 31/08/2009, 6:04 pm
  80. Claudemir,
    Como eu disse o pedido de desculpas deve vir no “momento certo”.
    Esse advérbio q usei deixa claro q “se necessário for” os pedidos de desculpas é o mínimo q os fãs merecem.
    Agora, se vc, mesmo depois da declaração do Pizzonia, ainda n crê q foram os Piquets q jogaram merda no ventilador, tudo bem. Entendo sua cautela e a respeito.

    Publicado por Leandro Magno | 31/08/2009, 7:43 pm
  81. Claudemir Freire

    “Foi erro de quem está começando, mas isso é mais que normal…”. Correto.

    “o problema é que aqui no Brasil ele vai ser defendido por unhas e dentes por quem não gosta do Piquet…”. Correto.

    “e vai ser massacrado por quem gosta do piloto brasileiro.”. Errado.

    Eu sou fã dos Piquet, mas o Grosjean é iniciante, pegou o bonde andando e não pode ser cobrado por nada.

    Tem mais, eu acho que sou o único Piquet (ista) que não entende de F1. Os demais tem um conhecimento bem acima da média, inclusive para reconhecer os grandes feitos do Ayrton Senna.

    Infelizmente o professor de F1 para a grande massa no Brasil é o Galvão Bueno. Pior impossível. É responsabilidade dele uma multidão de pessoas não saber absolutamente nada da carreira do Nelson Piquet (e nem do próprio Senna) e mesmo ter esse ódio por ele.

    Guilherme Teixeira – todo jogo de equipe é em prejuízo de alguém e em benefício de um piloto seu senão ele não teria razão de ser.

    Amigos, vamos deixar de especular e ir direto ao ponto:

    Alguém aqui conhece o regulamento da FIA e sabe nos dizer exatamente em qual dispositivo legal está prevista a ilegalidade e a respectiva pena para quem a cometer (se é que cometeram)?

    Ou alguém aqui acha que Briatore, Renault, Nelsinho e Alonso vão aceitar uma punição que não estava prevista e que foi (ou será) inventada agora? Fala sério!

    Abs.

    Publicado por A. Coyote | 01/09/2009, 2:23 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: