//
você está lendo...
ARTIGOS

Kimi Raikkonen: Red Bull ou McLaren?

IMAGEM: Ferrari/Divulgação kimivettel(ENTRE AMIGOS: no lugar de Heikki ou ao lado de Vettel? Para onde vai o finlandês?)

Nas últimas horas explodiu na web o boato de que Kimi Raikkonen estaria em negociação com a Red Bull para fazer par com Sebastian Vettel em 2010. Seria absolutamente excitante assistir como Sebastian Vettel lidaria com um cerebral campeão mundial do calibre de Kimi, mas eu começo a desconfiar que o rumor, iniciado no tablóide alemão BILD, tem muito de ficção e manipulação de mercado do manager de Kimi, Steve Robertoson, o que em uma silly season movimentada como a de 2009, é um prato cheio para tablóides.

Não há nada de concreto na especulação do BILD, apenas coincidências circunstanciais, como o fato de a Red Bull ser um dos patrocinadores pessoais de Kimi; a boa relação entre Vettel e Raikkonen; e uma suspeita afirmação do BILD de que Mark Webber, por ter o banido Flavio Briatore como manager, teria tornado-se mal visto pela direção da Red Bull. Assim, o destino de Mark seria a Toro Rosso, hoje a escola de pilotagem particular da Red Bull.

Mas a pergunta é: por que a Red Bull contrataria Kimi Raikkonen? Estaria a equipe e seu conselheiro, Helmut Marko, dispostos a expôr Vettell, a sua estrela em ascensão, contra o cerebral Kimi? Duvido!

Outra questão para dismistificar o acordo é a fortuna que Kimi geralmente exige pelos seus serviços. Segundo o próprio BILD, o finlandês não pilota por menos de 36,5 milhões de Dólares. Se tirarmos a perfumaria especulativa do BILD, é certo dizer que Kimi, junto com seu manager, Steve Robertson, são negociadores duros e essa cifra não estaria longe da realidade.

Se essa cifra parece irreal para a Red Bull, ao menos é provável que ela seja o que anda atravancando as negociações para que Kimi junte forças com Hamilton na McLaren. O Campeão Lewis tem um contrato de $ 110 milhões até 2012, o que corresponde à soma de $ 17 milhões anuais. O ponto é: teria a família Hamilton estômago o suficiente para aceitar que Kimi pilotasse pela McLaren por tal quantia quando foi Hamilton quem tirou a Mclaren da última fila de anos sem títulos? Tenho minhas dúvidas…

Ontem, o finlandês afirmou para a Autosport que só lhe interessa “um contrato que o deixe feliz e um carro vencedor capaz de oferecer a chance de lutar pelo título…” Kimi é ultra-talentoso, mas depois dessa dispensa da Ferrari, não seria hora de baixar a bola e aceitar uma boa proposta da Toyota?

Discussão

46 comentários sobre “Kimi Raikkonen: Red Bull ou McLaren?

  1. http://www.oconsumidoremdebate.blogspot.com

    A Red Bull (desculpe, Galvão, me recuso a falar RBR…hehehe), não tinha oferecido um caminhão de dinheiro para o Alonso, por um ano de contrato, logo que saiu da McLaren?
    Pode ser especulação, mas eu acho que seria mais concreto ou a Red Bull (hehehe, de novo) ou então a Brawn.
    Alias, a história de que a Brawn não teria dinheiro para bancar a renovação do Button, penso que não é bem essa, mas sim que o inglês está supervalorizando o pedido, já que passou um ano quase de graça na equipe…por isso o campeão virtual deste ano deve ir parar na Toyota, na minha opinião.
    O próximo movimento seria o Rosberg…e daí por diante…
    Só não me venham defender o Kovalento, que esse não vai ter lugar em equipe de ponta, no ano que vem, graças a seu maravilhoso retrospecto.

    Publicado por Edgard | 07/10/2009, 7:47 pm
  2. Kimi pode ser campeão mas não vale tudo isso que ele pede não. Por muito menos Hamilton, Massa, Kubica e outros correm melhor que ele atualmente.

    Publicado por Carlos T. | 07/10/2009, 7:59 pm
  3. Não faz nenhum sentido.

    Webber agora é sócio do Christian Horner na Arden.

    A Toro Rosso confirmou que mantém a dupla ano que vem.

    Publicado por Filipe Furtado | 07/10/2009, 8:19 pm
  4. Sem nenhum sentido mesmo. Primeiro que não creio que a Red Bull tenha essa grana toda; segundo que no patamar atual, com a perspectiva de um 2010 bem mais competitivo com a volta do duo McLaren/Ferrari, vale mais a pena investir no carro e manter a dupla, que por sinal é equilibrada – um jovem talentoso e promissor (= vitórias) com um piloto experiente e constante (= pontos certos) – e bem mais barata.

    E pra resumir tudo: Bild só não é pior que o As.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 07/10/2009, 9:29 pm
  5. ” Kimi é ultra-talentoso, mas depois dessa dispensa da Ferrari, não seria hora de baixar a bola e aceitar uma boa proposta da Toyota?”. Obviamente, não.

    Publicado por Anselmo Coyote | 07/10/2009, 10:29 pm
  6. 1) A Red Bull tem essa grana e muito mais. Não se iludam. É uma das marcas que mais investe em si mesma no mundo. Traria o Kimi fácil, SE QUISESSE.

    2) Não sejam ingênuos. Kimi não vale pelo quanto pilota, mas pela estrela que é. O valor da imagem do finlandês é muito, mas muito maior do que os 30 milhões que costuma receber das equipes para as quais pilota.

    Todo negócio é baseado no investimento x retorno. Se o retorno é grande, o investimento fica pequeno em comparação.

    Investir em Kimi Raikkonen continua sendo o negócio mais rentável da F1, se não ele não cobrava o valor que cobra.

    O cara é estrela mesmo. Nasceu feito. Tem personalidade, (falta de) carisma, pilota pra caralho e é simplesmente uma figura indispensável na F1 moderna.

    Qualquer equipe pagaria o que fosse para tê-lo chamando a atenção para si mesma.

    Publicado por Daniel Gomes | 07/10/2009, 10:57 pm
  7. As palavras do empresário do Kimi foram “Estamos negociando até com equipes que todos pensam não haver vagas”. Traduzir isso como RBR é pura especulação.
    Vejam, a Brawn, há muito, todos dizem, será Rosberg e Button. Acho bem mais provável q esteja se referindo a essa dupla. Nesse caso, como os colegas disseram, Button iria pra Toyota e Kimi formaria dupla com Rubens. Nesse caso, a McLaren, sem Kimi, ficaria com Rosberg.

    Publicado por Leandro Magno | 07/10/2009, 11:00 pm
  8. Mas, será q a RBR não está decepcionada com esse segundo semestre do Webber e vai dar uma facada pelas costas no australiano?
    Se tem uma equipe q tem dinheiro e ambição de ser campeã é a fabricante de energéticos.
    O Kimi quer uma equipe com carro capaz de vencer, a RBR tem Neil. O Kimi quer grana, a RBR tem Matesich. O Kimi quer uma equipe q o faça feliz, a RBR tem um espírito descolado q é a cara do Kimi – Whisky com Red Bull é muito bom. Nunca experimentei vodka com Red Bull, mas deve ser bom tb.
    O passe do Webber n deve ser lá essas coisas.
    Kimi seria um ótimo garoto propaganda. Seria um casamento interessante, pois o Vettel tem mais cara q gosta de leite com Nescau( apesar de ter dado uma bela talagada na champaha no Japão) e Red Bull é uma “bebida” de balada, coisa q o finlandês, dizem, manja muito.

    Publicado por Leandro Magno | 07/10/2009, 11:29 pm
  9. Leandro, não é boato não.

    James Roberts, do F1 Racing, viu o Kimi e o Robertson tendo uma “profunda conversa” com o homem forte da Red Bull, Helmut Marko, no domingo da corrida.

    FOnte: http://twitter.com/JRobertsF1/statuses/4595328641

    Detalhe: o encontro foi no motorhome da própria Ferrari.

    Portanto, existem conversas sim e a possibilidade do Kimi na RBR é real e plausível.

    Confesso que fico na dúvida se mais quero vê-lo de volta à McLaren ou se quero vê-lo na Red Bull…

    Publicado por Daniel Gomes | 07/10/2009, 11:33 pm
  10. RedBull combina com vodka!! hahaha

    Publicado por Brisot | 07/10/2009, 11:51 pm
  11. Se for para a Red Bull vai tomar pau do Vettel, se for pra McLaren vai tomar pau do Hamilton, se for pra Brawn vai tomar p…ops aí tb já é demais hehehe ( essa foi só pra provocar o Coyote )

    Publicado por Alex-Ctba | 08/10/2009, 8:13 am
  12. “James Roberts, do F1 Racing, viu o Kimi e o Robertson tendo uma “profunda conversa” com o homem forte da Red Bull, Helmut Marko, no domingo da corrida.”

    É Daniel, nesse angu tá começando a aparecer caroço. Será que depois da frustração da dispensa da Ferrari o Iceman tá procurando um ambiente com “sua cara”, coisa que nunca teve em Maranello? Penso que isso pesa mais a favor da Red Bull do que a questão técnica, que na McLaren ainda é mais forte.

    Falando em McLaren, o clima entre Raikkonen e os ingleses não teria sofrido algum abalo com a transferência para a Ferrari? Kimisaiu de lá fvisivelmente decepcionado, principalmente depois daquele balde de água fria que foi o carro de 2006.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 8:19 am
  13. Nessas especulações todas fiquei tentado a saber como estão as cabeças de Hamilton e Vettel.

    Hamilton deve rezar para que venha o Rosberg agora, já que antes não queriam por achar uma ameaça, queriam que o Kova ficasse, e agora podem ter de presente um piloto forte e campeão, que mediria forças de igual pra igual.

    Vetell, estava tranquilo, sossegado, sabendo quem já ia ser seu adversário em 2010, e aparecem uns loucos falando que ele pode ter o Kimi como parceiro, na proporção exata, ele toma tempo do bebum. Seria a primeira vez que teria um companheiro relamente forte, pra lhe dar uns petelecos.

    Nessas duas possibilidades, Hamilton tem mais peito pra aguentar a porrada do Kimi, Vettel se perder algumas tenho impressão que desaba e nunca mais será o mesmo ante ao tamanho que o Kimi se tornará perante ele.

    Estão achando que só o Massa se ferrou, tem pelo menos mais 2 na lista, e 1 será o premiado.

    Publicado por Claudemir Freire | 08/10/2009, 8:37 am
  14. Vitor.

    Acho que foi o Fabio Seixas, estou com preguiça de pesquisar, que disse que os valores entre Mclaren e Kimi não é o maior entrave, e sim as peças publicitárias que a equipe tem aos montes e ele não quer participar, quer apenas sentar e correr.

    Agora sejamos francos, a Mclaren faz cada coisa com seus pilotos nessas peças, lembram do Hamilton pendurado em uma delas, e o Kimi tem razão.

    E quando da saída do Kimi, foi de forma cordial, porque a Mclaren que deu uma rasteira nele com a contratação do Alonso já no início de 2006, assim como agora ele foi repelido. Então não houve estraves.

    Publicado por Claudemir Freire | 08/10/2009, 8:49 am
  15. Hamilton e Vettel devem estar pensando: “Se o Massa colocou tempo em cima dele eu tb posso”…

    Publicado por Alex-Ctba | 08/10/2009, 8:50 am
  16. “E quando da saída do Kimi, foi de forma cordial, porque a Mclaren que deu uma rasteira nele com a contratação do Alonso já no início de 2006, assim como agora ele foi repelido. Então não houve estraves.”

    A questão é justamente essa. Da parte da McLaren, creio que não tem nada, do contrário nem negociariam com ele. O problema (se é que tem algum) é da parte do Kimi.

    O Ico corrobora essa tese do Fábio Seixas.

    “O finlandês exige poucos eventos de relações públicas e muitas etapas do Mundial de Rali – a equipe gostaria justamente do contrário.”

    Creio que a Red Bull seria mais flexível neste sentido. Mas ainda tenho um pé atrás nessas negociações…

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 9:11 am
  17. Mas também é bom a gente lembrar que a Red Bull também é chegada num marketing duvidoso. Lembra do Coulthard-Superman em Mônaco?

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 9:12 am
  18. Boa Vitor, não lembrava do Superman Culthard, mas ainda sim é melhor usar uma capa e cueca por cima das calsas do que ser pendurado em uma peça de teatro na Turquia.

    Publicado por Claudemir Freire | 08/10/2009, 9:37 am
  19. Belo contraponto feito pelo Daniel.

    O meu único problema com o manager do Kimi é que ele já usou dessa estratégia, de leiloar o passe do Kimi via imprensa, antes. Ele fez isso antes do Kimi ir para a Ferrari, oferecendo o Kimi para a Benetton e imagino que esteja fazendo isso agora. O Twit dele ali é gratuito, vamos ser sinceros…

    o Joe Saward escreveu a respeito também:

    Suggestions that Raikkonen will go to Toyota or to Red Bull Racing seem to be nothing more than page-filling on the Internet, or wishful thinking on the part of the teams in question. There is no reason to think that he would be interested in Toyota as the team has yet to prove it is a winner, despite having spent inordinate amounts of money. Red Bull Racing has two drivers under contract for 2010. The team is hoping to have Mercedes-Benz engines next year, but there is a lot now getting in the way of that deal, not least McLaren which is blocking the arrangement, as it has the right to do in its contracts with Mercedes-Benz. The McLaren-Mercedes relationship is obviously strained and heading for a divorce, probably at the end of next year or in 2011 and so there is really no reason why McLaren would agree to letting Red Bull have the engines, particularly if Red Bull was trying to sneak off with Raikkonen as well.

    […]

    The idea that Red Bull Racing will pay off Mark Webber in order to get Raikkonen sounds unlikely. Contracts exist with Webber (or at least that is what has been announced) and if he does not want to leave the team, he does not have to. Red Bull can throw money at him, but with many of the drivers these days, money is not the issue. They have enough for the rest of their lives and their chief goal is to be in the right car as this will bring results and ultimately money as well. Thus buying a driver out of his contract is not really a solution, unless the driver is more interested in money than in performance, in which case his career is probably on a downward path. This may be true with Raikkonen, but Webber’s career is still moving in an upward path.

    Publicado por Becken Lima | 08/10/2009, 9:52 am
  20. Putz… quanta indefinição, heim?
    Primeiro era o Alonso atravancando tudo. Agora q todos os olhos estão sobre os movimentos do homem de gelo, a coisa empaca de novo.
    Porra! Essa 3ª peça do dominó, se bobear, vai demorar mais a cair do q a 1ª.
    Mas, é só ansiedade de entusiasta, daqui a pouco passa.
    Porém, mal posso esperar pela corrida no Bahrein em 2010.

    Publicado por Leandro Magno | 08/10/2009, 10:18 am
  21. Alguém aqui sabe alemão? A P1 Magazin (de Mario Bauer) especulou sobre um provável ano sabático para o Raikkonen. Em 2011, ele estaria na McLaren. Em 2010… só torrando a grana da Ferrari em vodca…

    Sei não. Aliás, não sei de nada, como sempre.

    http://grandprixinsider.wordpress.com/2009/10/07/kimi-mclaren-waiting-for-2011/

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 10:50 am
  22. Corrigindo: onde escrevi “provável”, leia-se possível. Tô parecendo tradutor do grande prêmio.

    A outra hipótese seria correr por menos, o que e o mais provável. Infelizmente não entendo nada de alemão para ver a matéria toda.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 10:53 am
  23. Vítor, faça igual o MP4-19b, q comenta aqui no blog, as vezes faz, use o Google translate, fica uma meleca, mas dá pra ter uma noção básica do assunto…

    Publicado por Alex-Ctba | 08/10/2009, 11:02 am
  24. Vitor,
    Entendi q o acordo q ele fez com a Ferrari o faculta ficar parado em 2010 e receber seu ‘seguro-desemprego’ integralmente ou trabalhar ano q vem, recebendo parcialmente seu “benefício” do INSF(Instituto Nacional de Seguridade Ferrari).
    Enfim, o Kimi se deu muito bem com essa chegada do Alonso.
    De uma forma ou de outra, vai encher o rabo de grana.
    Essa estória de q estava “sad” com sua saída é puro sarcasmo finlandês.

    Publicado por Leandro Magno | 08/10/2009, 11:06 am
  25. “INSF(Instituto Nacional de Seguridade Ferrari).”

    HAHAHAHAHAHA, genial!!!!

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 11:43 am
  26. Becken e Amigos,

    Alguma notícia sobre Di Grassi e Bruno Senna?

    Di Grassi parece que correrá em Interlagos. Estará ele no páreo para fazer dupla com Kubica?
    Bruno diz que tem propostas boas de 3 equipes, Force India, Manor e Campos.

    Iaí?

    Publicado por Iomau | 08/10/2009, 11:43 am
  27. Alex, valeu pela dica, vou testar.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 11:45 am
  28. Iomau, o último rumor é que o Nelsão também tá tentando comprar uma vaga pro filho na Campos. Mais combustível pra briguinhas entre torcedores xiitas…

    Resta ver quem tem o bolso mais cheio pra bancar o cockipit. Sinceramente, alheio a todas essas besteiras, espero algum deles consiga, de preferência os dois. Porque depois do Barrica e do Massa, os prognósticos para um brasileiro na F1 não são muito animadores. É, a fonte tá secando…

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 11:49 am
  29. Sobre o boato do Di Grassi, só vi em sites brasileiros, nada lá fora.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 08/10/2009, 11:49 am
  30. Esse boato do Nelsinho na Campos, o proprio Nelsão deixou algo no ar, na entrevista ao Fantástico. Qdo ele alfinetou o Gracia, dizendo q as duras críticas q o presidente da federação espanhola vinha fazendo ao brasileiro, era mais pra ajudar pilotos espanhóis nas possíveis vagas na equipe debutante.

    Em relação a “fonte” estar secando…se o Massa tiver a mesma longevidade do Barrichello, podemos ficar despreocupados pelos próximos 10 anos…

    Publicado por Alex-Ctba | 08/10/2009, 12:00 pm
  31. Leandro,

    Eu falei sobre isso aqui algum tempo atrás.
    Não fazia sentido a Ferrari pagar uma fortuna para um piloto competitivo como o Kimi pilotasse para outra equipe.
    Ela poderia simplesmente, pagar o seu contrato, e deixá-lo em casa descansando.
    Se ele quisesse correr, seria outra história.

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 08/10/2009, 12:23 pm
  32. Curiosa a visão do Joe Saward, mas não concordo de jeito nenhum que a carreira do Kimi está na descendente.

    Ele é mais novo que o Webber, muito mais piloto, campeão mundial e tem todo o pacote das grandes estrelas da F1.

    É claro que o Robertson pode estar valorizando o passe do Kimi, é o trabalho dele, e isso não tem nada demais.

    Não acho que o Kimi esteja atrás de dinheiro -ele é um dos mais ricos do grid.

    Ele está atrás de vencer, e se o Robertson e ele acharem que podem vencer na Red Bull, negociarão por lá também.

    E Mark Webber que se cuide.

    Mas no fim das contas, eu quero vê-lo mesmo na McLaren dando canseira no Hamilton!

    Publicado por Daniel Gomes | 08/10/2009, 1:34 pm
  33. Vitor.

    O comentário sobre o di Grassi correndo no Brasil veio da Auto Motor und Sport.

    Você foi muito leviano em afirmar que tinha sido a imprensa brasileira, ora, ora, esta achando que a imprensa ctrl+c, ctrl+ teria condições de apurar alguma coisa que não seja da stock-car ?

    Não faça mais isso, eles só sabem copiar, e não diga mais que eles apuraram algo.

    Brincadeiras a parte, seria uma boa te-lo correndo no Brasil, e a de se destacar que o Bob Bell gosta muito do trabalho dele.

    Publicado por Claudemir Freire | 08/10/2009, 1:50 pm
  34. Claudemir,

    O Felipe Motta, postou agora em seu blog, que confirmou com o Próprio DiGrassi sobre o boato de interlagos. Lucas afirmou que existe sim a possibilidade, porém é pequena.

    O Felipe ainda reflete se seria mesmo uma boa o Lucas sentar no carro agora. Não andou no carro, poderia fazer a mesma coisa do NAP e do Grosjean… e ainda sair com o filme queimado, como está o Grosjean.

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 08/10/2009, 2:44 pm
  35. Haha, queria saber se algum profissional do automobilismo em sã consciência negaria a chance de pilotar em uma corrida de F1.

    Haja sangue frio pra pensar “Não, não vou aceitar o convite para pilotar porque pode arruinar minha carreira. Quem sabe ano que vem, quando vcs me chamarem de novo.”

    Aí a equipe diz: “Tudo bem, Luqinhas. Mas espera sentado, ok?”

    Publicado por Daniel Gomes | 08/10/2009, 3:17 pm
  36. Daniel,

    Vc esta coberto de razão, mas vc há de convir comigo, existem muitas oportunidades que aparecem na vida da pessoa num momento péssimo…
    O “melhor dos mundos” seria aliar a oportunidade com o momento ideal para agarrá-la. Mas nesse caso lo Lucas, tem mais é que agarrar mesmo…

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 08/10/2009, 3:29 pm
  37. Fernando.

    Li a pouco no blog do Felipe, mas discordo da opinião dele, acho que seria uma boa forma de se afirmar. Acho o di Grassi muito mais piloto que o Nelson e o Grosjean, e essa seria sua chance de mostrar que é um piloto de ponta.

    Hoje em dia tem muita frescura, de que não so pode certas coisas porque pode prejudicar, pois, o hamilton esta aí pra provar o contrário.

    Publicado por Claudemir Freire | 08/10/2009, 3:30 pm
  38. Tb acho q se aparecer a oportunidade tem q agarrar e ver o q vai dar, agora a comparação com o Hamilton não cabe, pois ele tinha milhas infindáveis de teste antes de assumir oficialmente o cockpit da McLaren, o q não é o caso do DiGrassi com a redução de testes atual…

    Publicado por Alex-Ctba | 08/10/2009, 3:46 pm
  39. Alex.

    Em relação a testes o Lucas também testou muito pela Renault, apenas não era esse carro, e já testou pela Honda.

    A comparação com o Hamilton se deve a ter sido jogado aos leões e ter se saído muito bem, aliás bem demais, quando encarou o mesmo Alonso e o bateu na pista.

    Lucas é um cara inteligente e simples, pode fazer uma boa estréia a medida das proporções que carro lhe oferecer, não deve ficar tão atrás do Nelsinho, porque o Grosjean realmente está apanhando do carro.

    Publicado por Claudemir Freire | 08/10/2009, 4:13 pm
  40. hamilton jogado aos leões pela mclaren? essa foi boa.

    Publicado por andre | 08/10/2009, 4:30 pm
  41. Novidade fresquinha…

    O Robertson negou que esteja negociando com a Red Bull.

    Fonte: http://www.motorsport-total.com/f1/splitter/2009/10/Raeikkoenen_Keine_Verhandlungen_mit_Red_Bull_09100811.html

    “Kimi Raikkonen tem uma apenas uma ligação comercial com a Red Bull como um parceiro no ramo das bebidas. Não há nada anormal nisso”, Robertson disse à MTV3 clear. E completou: “Estamos negociando com várias equipes, mas a Red Bull não está entre elas”.

    Leandro, se isso for verdade, então vocês está certo sobre a Brawn que, teoricamente, não tem vagas, seja mantendo Button e Barrichello, seja indo com Button e Rosberg.

    Esperemos!

    Publicado por Daniel Gomes | 08/10/2009, 5:35 pm
  42. Kimi quer grana e carro bom. Se não tiver os 2, vai pro WRC.

    Boatos pra “aumentar o valor” do Kimi e convencer a McLaren que vale a pena contratar o finlandês.

    Na minha opinião é McLaren ou WRC.

    Publicado por KBK | 08/10/2009, 11:04 pm
  43. “Você foi muito leviano em afirmar que tinha sido a imprensa brasileira, ora, ora, esta achando que a imprensa ctrl+c, ctrl+ teria condições de apurar alguma coisa que não seja da stock-car ?”

    KKKKKKK, de fato…

    Publicado por Vitor, o de Recife | 09/10/2009, 8:13 am
  44. Kimi assediado para competir no WRC… pela Subaru!

    http://grandprixinsider.wordpress.com/2009/10/09/tommi-makinen-subaru-kimi-in-wrc/

    Publicado por Vitor, o de Recife | 09/10/2009, 8:17 am
  45. O verdadeiro “cavalheiro”. Há poucos assim na F1.

    Publicado por Ernesto Sousa | 09/10/2009, 1:08 pm
  46. Uma opinião: Fonte: TelegraphIndia.com

    Coulthard: “It’d be a loss if Kimi left F1”

    “Seria uma perda para a F1 se Kimi deixasse de correr.”

    … As for Kimi Raikkonen, who was left with no contract at the end of 2009 after Ferrari roped in Fernando Alonso in his place, Coulthard said McLaren would be the right place for the Finn.

    “O inglês diz que a McLaren é o lugar certo para ele.”

    “It would be a loss if Kimi moves out of F1 to rallying. He is a character, even though he is quiet,” Coulthard said on the 2007 World Champion.

    “Seria uma perda se Kimi saísse da F1 para ir fazer ralies. Ele é um personagem mesmo quando não está a fazer nada.”

    “Kimi is an introvert. He is a great, great driver but he is not going to go and motivate a set of 600 employees… McLaren would be the best place for him because he is quick but not commercially. Lewis (Hamilton) is there for that, and I want to see Lewis against Kimi.”

    “Kimi é um introvertido. É um grande, grande piloto, mas não irá motivar um grupo de 600 empregados… a McLaren seria o melhor lugar para ir porque elle é rápido mas não comercialmente. Lewis está lá para isso, e eu quero ver Lewis guiando contra Kimi.”

    E eu digo valerá a pena? Será que a McLaren será uma equipa competitiva no próximo ano. O melhor desse carro, tirando a condução do Lewis, me parece ser o motorzaço que a Mercedes fez. Mudando essa variável na equação, não sei se a McLaren poderá almejar a um resultado verdadeiramente vencedor para a próxima época à semelhança da Ferrari, e ainda pior com esse desenfreado motor sugando muita gasolina e obrigando o conjunto piloto/chassis a trabalhar sempre no limite de peso condicionando todas as estratégias de corrida.
    Pelo menos o chassis McLaren parece tratar melhor os pneus nos vários stints e ser mais regular, mas será suficiente?

    Publicado por Ernesto Sousa | 10/10/2009, 8:48 am

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: