//
você está lendo...
ARTIGOS

Manor desenvolverá carro sem túnel de vento. Será?

manor

Está lá na “home” do site da Manor Grand Prix o que parece ser uma pequena prévia — muito básica aliás — do carro que, imagino eu, eles andam planejando alinhar na pista do Bahrein em 2010.

Segundo a equipe, o primeiro chassi deverá estar pronto no próximo mês, mas algo que me chamou a atenção nesse comunicado foi a afirmação de que toda a aerodinâmica está sendo criada em CFD, sem o auxílio de um túnel de vento.

A Manor deve estar estrangulada pelos custos de desenvolvimento, mas ainda que a dinâmica computacional de fluidos tenha evoluído significativamente nos últimos anos — graças à crescente capacidade de processamento dos grandes computadores —, qualquer experiente profissional dos grandes times dirá que um túnel de vento ainda é necessário para complementar deficiências e fazer ajustes finos que escapam em um projeto desenvolvido no mundo virtual.

O fracasso da McLaren, a equipe mais bem preparada em termos de ambientes virtuais na F1, é um bom exemplo de como nem sempre e possível confiar em dados projetados fora do meio-ambiente real de uma pista de corrida.

Talvez a Manor esteja pondo suas fichas em um projeto que a sua colaboradora técnica, a Wirth Research, desenvolveu com razoável sucesso e da mesma maneira, o Wirth Achura ARX-02ª, que foi para a pista sem testes, mas ainda assim competitivo.

O SpeedTV fez um maravilhoso documentário sobre o carro e a segunda parte trata exatamente do processo de desenvolvimento do projeto que ficou a cargo de Nick Wirth e de sua empresa.

Eu sugiro que vocês dêem uma olhada, pois eu imagino que o Manor F1 tenha sido criado da mesmíssima forma.

Mais sobre a Manor Grand Prix

Discussão

13 comentários sobre “Manor desenvolverá carro sem túnel de vento. Será?

  1. Becken.

    Creio que a Renault também usou o CFD por causa da limitação do tunel de vento nessa temporada.

    E foi com pompas que anunciaram isso em 2008, mas parece que com o fracasso do R29 abafou qualquer informação util sobre o sistema.

    Publicado por Claudemir Freire | 09/10/2009, 8:35 am
  2. Becken,

    Depois da Brawn, eu não duvido de mais nada. Todos nós aqui nos últimos testes antes do inicio da temporada sacramentamos que a Ferrari era o melhor carro, a Mclaren estava meio perdida, pois ainda usava a meleca para aprimorar aerodinâmica, e a Brawn, por chegar aos 45 do segundo tempo não andaria nada.
    Dissemos ainda que o fato dela marcar um bom tempo no teste, era pelo fato deles estarem treinando leves para captar patrocínio.
    É claro que todas as nossas opiniões naquele momento faziam todo sentido. Da mesma forma que faz todo sentido a gente achar que este carro da Manor vai ser uma bomba!!!!
    Mas depois dessa temporada…eu não duvido de mais nada!!!!

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 09/10/2009, 9:19 am
  3. É mas faz todo sentido também o que achamos do Sr. Ross Brawn ter sido membro do Overtaking Group da FIA, e aparecer aos 45 do segundo tempo com uma super intepretação acerca das regras sobre difusor, assoalho e etc.

    Publicado por Iomau | 09/10/2009, 10:19 am
  4. E quem sabe o fato de o BGP001 ter sido feito em 5 tuneis de vento da Honda desde maio de 2008, e não aos 45 do segundo tempo, como dizem?
    Isso mesmo, tuneis de vento, que a Manor não vai usar…
    O carro da Brawn é um dos mais caros do grid, se não o mais.

    Não duvidar de nada? Ok, mas a manor tá com tão pouco dinheiro que vai ser uma surpresa se chegarem até Melbourne, quando mais não andar na rabeira do grid.

    Publicado por Guilherme Teixeira | 09/10/2009, 10:31 am
  5. Não discordo de nenhum de vcs. Mas antes da Brawn ir para a pista todos apostávamos que ela andaria no fim do Grid. Como neste momento eu também aposto que as novas equipes também andem. Só que baseado nessa última temporada, eu não duvido de mais nada.

    Publicado por Ffigueiredo | 09/10/2009, 11:01 am
  6. As equipes de F1 hoje usam os túneis de vento apenas para aferir e gerar inputs para os modelos de CFD, que são muito precisos. Em outras palavras, os túneis de vento são usados para auxiliar o desenvolvimento baseado em CFD. Há muito tempo o CFD deixou de ser uma ferramenta secundária na F1 para se tornar a principal ferramenta de desenvolvimento aerodinâmico. E é justamente por isso que a aerodinãmica se desenvolveu tanto nos últimos anos.

    Não é o uso de túnel de vento que pode corrigir um modelo mal-concebido. Por outro lado, o uso de CFD permite compreender e desenvolver o conceito aerodinâmico do veículo de maneira muito mais completa.

    Publicado por Claudio Silva | 09/10/2009, 12:23 pm
  7. Sobre o carro da Brawn…

    – orçamento de R$ 1,3 BILHÃO em valores atuais
    – CINCO túneis de vento
    – QUINZE meses de desenvolvimento
    – menor orçamento operacional de 2009
    – Ross Brawn, Jenson Button e Rubens Barrichello

    Resultado: Campeonato de Construtores e Campeonato de Pilotos com possível Vice-Campeonato de Pilotos.

    O investimento mais rentável de 2009 em todo o mundo, sem dúvida.

    “Wurz said the 2009 challenger was intensively tested throughout the duration of last year and that it has underwent several checks in the wind tunnels in 2008. With the Japanese manufacturer unable to sustain a competitive budget for this year and withdrawing in December 2008, the car remained top-of-the-class, although run by a financially struggling team.

    “The car was taken in three different directions in the wind tunnel. Two directions were found to be wrong, so the team could just switch. The Brawn is probably the most expensive car with the lowest operating budget ever,” the Austrian test driver was quoted as saying by News.

    Another report to suggest the same findings was issued by German magazine Auto Motor und Sport, who revealed Honda had no less than 5 wind tunnels at its use during the 2008 season. With all of their last year operations focusing solely on the 2009 season, added to a presumed half-billion euro budget from the Japanese manufacturer – not to talk about Ross Brawn’s supervising the whole thing – the success was imminent for the British outfit. Our only question is how in the world have Honda missed it?”

    Fonte: http://74.125.113.132/search?q=cache:yFsNpQLlAtoJ:www.autoevolution.com/news/brawn-gp-has-the-most-expensive-car-in-formula-one-8202.html+brawn+most+expensive+car+ever+billion&cd=1&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=br&client=firefox-a

    Publicado por Daniel Gomes | 09/10/2009, 4:14 pm
  8. Das duas uma:
    Ou é uma mentira deslavada ou o carro será uma bomba.
    Voto na segunda opção.

    Publicado por Ron Groo | 09/10/2009, 5:26 pm
  9. Olá Becken, seu blog é excelente e disponibiliza informação nova praticamente todos os dias. Ideal para leitores insaciáveis.

    Becken, não sou especialista no assunto, mas o carro pode sim ser um sucesso, pois depende mais de quem vai analisar os dados que o supercomputador fornecerá. Isso vale para o túnel de vento também, um bom analista que interpreta bem os dados fornecidos tem, na minha opinião, influência decisiva no sucesso do projeto.

    Grande abraço e continue sempre com essa boa disposição em escrever (digitar)!

    Publicado por Nagib | 09/10/2009, 8:22 pm
  10. Olá Becken, seu blog é excelente e disponibiliza informação nova praticamente todos os dias. Ideal para leitores insaciáveis.

    Um grande abraço também para você, Nagib, e obrigado pelo elogio ao blog…

    Publicado por Becken Lima | 09/10/2009, 11:10 pm
  11. O mais provável é que o carro da Manor será uma bomba sim.
    Não sou especialista do mundo automobilístico mas acredito que algumas pessoas estão totalmente equivocadas aqui. O carro da Brawn foi um dos mais bem trabalhados para este ano, como muitos comentaram. Tanto que acredito que a Ferrari, que só pensa em 2010, terá um carro muito bom. Sobre o túnel de vento, existe uma “lenda” que nesta temporada de 2009 a McLaren começou muito mal, mal mesmo. Reconstruíram o carro no meio da temporada e com isso fizeram um carro muito bom. Na verdade isto só está correto pela metade. A McLaren, construiu um modelo que cabia em seu túnel de vento (é proibido usar tamanho real), mas fizeram muito grande e o espaço entre a parede do túnel e o pneu ficou muito estreito. O modelo parecia bom mas o carro na pista era ruim. Quando decidiram diminuir o tamanho do modelo e colocaram novamente no túnel de vento, perceberam que fizeram algumas besteiras na aerodinâmica. Pode ser lenda? Até pode. Mas eu me surpreenderei muito se eles conseguirem andar na frente, até porque vão estar de cosworth, que ainda precisa de muito ajuste. Depois desta temporada eu ainda não acredito em tudo, acredito em trabalho de equipe, isso sim.

    Publicado por Bruno | 02/11/2009, 5:31 am
  12. voces nao tem twitter ??

    Publicado por FLAVIO ROSA | 24/11/2009, 9:25 pm
  13. voces nao tem twitter ??

    “Estamos” ainda encontrnado uma forma de o Twitter ser útil ao blog. No futuro.

    Abs

    Publicado por Becken Lima | 24/11/2009, 10:28 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: