//
você está lendo...
NOTÍCIAS

Bruno Senna finalmente chega à F1

brunoinf1

A boa nova está circulando desde ontem, vinda da imprensa espanhola e propagando-se pela imprensa especializada do Brasil. Hoje, finalmente, ganhou a chancela da Autosport e, ao que parece, do próprio Bruno via Twitter.

A equipe, especula-se, será a Campos onde ele fará dupla provavelmente com o experiente piloto de testes da McLaren, o espanhol Pedro de La Rosa.

Entre os que acompanham o automobilismo de perto, há uma sensação de ceticismo no ar, muito por conta do sobrenome poderoso a que Bruno está atado, mas não há como negar que é uma grande notícia para todos, tanto para a imprensa quanto para a torcida, carente de um grande ídolo há anos.

O que poderá fazer Bruno? Impossível saber, mas na GP2, em 2008, ele mostrou flashes de brilhantismo — como na vitória em Mônaco — e inconstância, como na desastrosa classificação em Magny Cours.

O teste por uma vaga na Honda no fim de 2008 talvez nos tenha mostrado que há, sim, muito potencial no jovem Senna, a ponto de Rubens Barrichello sugerir na época que ele tem mais velocidade natural que Lucas Di Grassi, com quem concorria pela vaga.

E vocês, aí do outro lado do monitor, o que acham de ter a oportunidade de finalmente ver do que será capaz o sobrinho do grande Ayrton?

Anúncios

Discussão

29 comentários sobre “Bruno Senna finalmente chega à F1

  1. Sou contra nepotismo no esporte.
    Não o compararei em nenhum momento a seu tio.
    Mas, em comparação aos atuais pilotos do grid, ele estaria, hj, no grupo dos mais fracos. Ao lado de Kova, Naka, Grosjean ….

    Publicado por Leandro Magno | 30/10/2009, 7:18 pm
  2. O ADN do Senna está de volta…

    Boa sorte, Bruno!!!

    Publicado por Cavallino Rampante | 30/10/2009, 7:34 pm
  3. “o que acham de ter a oportunidade de finalmente ver do que será capaz o sobrinho do grande Ayrton?”

    Becken,

    não sei se ele será capaz de mostrar grande coisa nessa situação de piloto, carro e equipe estreantes e acho que nem se deve esperar muito de BS em 2010.

    Muito menos que ele ocupe o lugar de ídolo nacional como foi seu tio.

    Espero sim que ele possa aproveitar essa oportunidade para aprender muito.
    Essa temporada servirá apenas pra isso.

    Aguardemos o que o futuro nos reserva.

    Publicado por Beatle Ed | 30/10/2009, 7:39 pm
  4. http://www.oconsumidoremdebate.blogspot.com

    Becken, a leitura do post pode levar a conclusões ‘pachequistas’, não pelo texto em si, mas pelo lado ufanista da interpretação de quem o lê.
    Primeiramente, de ficar bastante claro que o primeiro-sobrinho não é reencarnação do tio, logo, não tem a mínima obrigação de igualar seus feitos, muito menos essa história que andam propagando por aí de ‘dna de vencedor’ correndo no sangue.
    Sinceramente, faço parte do time dos céticos, mas não é por isso que vou torcer contra, apenas entendo que estão fazendo muito furor por um piloto mediano que muitos insistem, vai encarnar o tal do ‘clã’ Senna.
    Vamos com calma, deixar a coisa rolar, não podendo esquecer que a intimidade com a F-1 é zero, assim como a equipe, e esse noviciado pode inclusive comprometer seu começo. Não vamos bancar a ‘voz oficial’ da platinada, que já deve estar treinando a frente do espelho, se preparando para dizer que a partir de agora as manhãs de domingo estarão mais iluminadas e alegres, e que finalmente teremos um herói contra todo este mundo injusto e maléfico…devagar, devagar…
    Li há pouco tempo uma boa definição, em um blog: existiu um A.Senna, agora se apresenta um B.Senna (gostei das interpretações possíveis para o trocadilho).

    Publicado por Edgard | 30/10/2009, 8:19 pm
  5. Vamos com calma sim, tanto pro bem como pro mal. Ninguém sabe como ele vai se comportar, então não dá pra dizer q ele é mediano, fraco ou gênio igual foi o tio. Dizer q ele é igual ao Grosjean, Nakagima é sacanagem, o garoto nem andou de F1 ainda.

    Se de repente noticia-se: Vai estrear um japonês na F1 pra cobrir o acidente do titular Glock, um tal de Kobayashi. Iriam falar: “Ihh Japa ? vai largar em último, é fraco, é no máximo mediano, etc e tal. No entanto o cara fez um bom treino livre em Suzuka, uma grande corrida em Interlagos e parece ter a velocidade no sangue.

    Então vamos deixar 2010 chegar e o garoto sentar no cockpit e acelerar pra depois poder-mos falar se ele é fraco, mediano, bom ou gênio.

    Publicado por Alex-Ctba | 30/10/2009, 9:10 pm
  6. Aberto a Todos mais uma vez

    Quem quer por grana ai comigo para apostar que o Senninha será diferente de um fracasso, no maximo forçando barra mediano ???

    So vi a lista dos salarios dos pilotos hoje. Fiquei com uma Dúvida.

    Por que um super Piloto como o Barrichello so ganha menos do que um garoto que entrou hoje na formula 1 ?

    Nao tem um pessoal aqui, que diz que ele é super reconhecido na formula 1 ?

    Se ele é pq nao ta traduzido em salário isso ?

    Publicado por Claudio CArdoso | 30/10/2009, 9:23 pm
  7. Claudio, espere pra saber quanto ele vai ganhar na Williams. Ano passado, o rubinho era um derrotado, semi-desempregado em uma equipe sem grana….

    Publicado por filhodovento | 30/10/2009, 9:34 pm
  8. Vou torcer com certeza.

    Porém, acho que teremos mais um Nelsinho.

    Publicado por São Cosmo | 30/10/2009, 9:45 pm
  9. Até agora tenho todos os motivos para torcer para que o Bruno tivesse uma chance.
    Se mostrou tranquilo, pés no chão, não fez média com a imprensa pisando a cabeça do Nelsinho, como o fez o palhaço do Lucas de Grassi.
    Aliás, o B. Senna fez valer a lealdade da amizade.

    Aliás, acho que todas as pessoas devem ter uma chance real (não um arremedo). Até qualquer um de nós, comentaristas poderíamos ter a nossa chance.

    O Kobayashi está aí para provar que qualquer um merece. Em uma única chance ele pôs todo mundo no bolso e quebrou o tabu nascido da má imagem deixada pelos Nakajima (pai e filho) na F1.

    Agora vou aguardar.
    Se o Bruno se abraçar a Rede Globo e seu canastrão-mor, ufanista e mal-caráter, Galvão Bueno, aí eu sinto muito. Não vou torcer para ele ganhar.

    Quanto ao Di Grassi, eu vou torcer sim… para ele se f.der todinho.

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 30/10/2009, 10:39 pm
  10. Se mostrou tranquilo, pés no chão, não fez média com a imprensa pisando a cabeça do Nelsinho, como o fez o palhaço do Lucas de Grassi.

    Sério? Onde e o que o Di Grassi disse do Nelsinho?

    Publicado por Becken Lima | 30/10/2009, 10:43 pm
  11. Becken,

    Vc deve estar de gozação.

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 30/10/2009, 11:40 pm
  12. Bruno Senna tem mais potencial que o Di Grassi.
    O que eu espero dele é o mesmo que seu resumo, Becken: algumas boas corridas mas sem constância. No segundo ano deve melhorar.

    Já o Lucas se conseguir uma temporada na F1 será lucro. É um piloto bom, mas sem brilho, nada de especial.

    Publicado por KBK | 30/10/2009, 11:51 pm
  13. Vc deve estar de gozação.

    Não, não estou. Queria apenas saber pois não li nada a respeito nos últimos dias. Só isso ;)

    Publicado por Becken Lima | 31/10/2009, 12:28 am
  14. Realmente vai ser muito interessante ver como será isso – como, aliás, vc mesmo comentou aqui uns dias atrás, Becken.
    Quando o tio do “garoto” morreu eu tinha 14 anos e, até hoje, jamais vi algo parecido com o que foi a comoção do povo brasileiro pela morte dele. Ontem, o Jornal Nacional já fez uma chamada anunciando que o Bruno correria na temporada do ano que vem; já havia feito referência à ele no ano passado, quando testou pela Honda, matéria que mostrou imagens do Ayrton testando pela primeira vez um F1(…). As expectativas que serão depositadas nesse “garoto”, por parte do grande público brasileiro – e até internacional – serão enormes, e ele vai ter de demonstrar ser capaz de lidar com essa pressão. Se para qualquer piloto que está naquele seleto grupo já é dífícil, pra ele o desafio será dobrado – embora essa situação não seja assim tão nova para ele. Tomara que ele saiba se colocar bem diante dessa questão desde o início. Já será um grande passo.
    Quanto ao que ele pode fazer? Difícil dizer. Até porque não se sabe o nível do carro que ele vai andar para se poder fazer uma avaliação minimamente justa. O fato é que falta experiência à ele. Algumas pessoas que teriam trabalhado com o Bruno dizem que ele se adapta rápido. Veremos. Num programade TV, salvo engano no Linha de Chegada, perguntado sobre isso e sobre o teste que havia feito num F1, ele disse algo que eu, particularmente, gostei muito, no sentido de que o carro de F1 é diferente, tem isso, tem aquilo, “mas é um carro, sai de frente, sai de traseira”. Gostei da forma simples que ele definiu a questão, inspirou certa confiança, como quem diz: “deixa o brinquedinho um pouco comigo que eu pego o jeito rapidinho. Quer ver?”
    Parece que o brinquedo ele arrumou, agora é esperar pra ver.

    Publicado por Fernando | 31/10/2009, 12:33 am
  15. Pode ficar tranquilo, Becken. A assessoria do Bruno já confirmou em off o acerto, por isso tanto nós do Tazio quanto o GP cravaram ontem mesmo a notícia e por isso saiu oficialmente primeiro aqui, depois na Autosport. Não foi uma mera reprodução da Motorsport Magazin ou de qualquer outro jornal espanhol, que crava todo mundo em todo lugar toda hora. Se acertar, sorte.

    Fiz um texto sobre o Bruno lá no meu blog, se quiser dar uma olhada dá uma passada por lá… mas te digo que acho, sim, que a médio prazo ele pode conseguir resultados muito bons. Não vejo nenhuma possibilidade de ele ter uma história pífia na F-1 como teve o Nelsinho.

    Duro vai ser aguentar o Galvão, que já vai começar o auê neste sábado, mesmo…

    Abraço!

    Publicado por Hugo Becker | 31/10/2009, 1:32 am
  16. É Fernando, eu lembro dessa declaração do Bruno e tive a mesma sensação que você. Tambei achei que ele não deixou transparecer nada que pudesse ser interpretada como arrogância ao dizer isso.

    Me pareceu uma pessoa equilibrada, confiante e sabendo o que faz.

    Agora, a regra que vale pra maioria dos pilotos é: Carro bom = Resultados positivos.

    Publicado por Beatle Ed | 31/10/2009, 1:34 am
  17. Olá,

    Contra as teorias conspiratorias tenho duas estatisticas. Bruno Senna é um piloto ”zero de F01′, sim, claro q é, sem experiencia mesmo, porem Hamilton disputou titulo em sua primeira temporada e isso prova que falta de experiencia com F1 nao quer dizer nada. A sua equipe é estreante na F1 e isso sem duvida tb é ponto contra ele, porem, quero lhes lembrar que a equipe campeã esse ano é uma equipe estreante. Eu acho BS um piloto fantastico, na GP2 pilotou muito, e tenho certeza que vai fazer um bom trabalho na F1. Se fosse ele na Brown esse ano no lugar do Rubinho, ele teria dado um aperto maior no Jenson.

    Abraço

    Publicado por Anderson Dorneles | 31/10/2009, 1:54 am
  18. Concordo com o Anderson quando ele diz que se BS estivesse no lugar de Rubens Button não teria essa folga toda não!
    Foi uma pena ele ter perdido a vaga pro Barrichello.

    Publicado por Beatle Ed | 31/10/2009, 2:23 am
  19. Duro vai ser aguentar o Galvão, que já vai começar o auê neste sábado, mesmo…

    Isso é verdade, Hugo, e é o maior perigo de todos. Bruno Senna até pode vir a ser um bom piloto, mas corre o risco de ter o mesmo destino de Barrichello: ter a mente do torcedor influenciada pelo nacionalismo exacerbado da Globo.

    Senna estará numa equipe nova. Não fará grande coisa em 2010. Se ele pontuar, é lucro. Mas desde hoje, provavelmente Galvão Bueno o colocará nas nuvens…

    Fará com que o torcedor crie uma falsa expectativa e se frustre uma vez mais quando a próxima temporada começar.

    Publicado por Willian | 31/10/2009, 6:48 am
  20. “e inconstância, como na desastrosa classificação em Magny Cours.”

    Discordo dessa frase.

    Ele foi pole e estava tirando o máximo que podia do carro para ficar a frente da ART do Grosjean que estava muito bem naquele fim de semana, acontece que ele abriu um pouco mais na segunda perna da chicane e acabou subindo na zebra e foi catapultado para aquela ponta ridícula de arquibancada, por sorte a linha de chegada é logo depois da chicane. Se ha um erro é no projeto de segurança do circuito, porque em qualquer outro que conheço não se faz essa barbaridade de colocar uma chicane e logo em seguida uma arquibancada.

    Sobre o Bruno, o que dizer ?

    É esperar pra ver, se ele vai ser rápido o quanto der o carro ou se vai ser mais rápido que o carro.

    Mas achei uma decisão precipitada, ele podia esperar um pouco mais, Sutil está negociando com a Toyota e ele podia entrar na briga pela vaga na FI, já que com a saída do alemão a Medion deve ir embora também, deixando a equipe alguns milhões de dolares mais pobre, e assim vão precisar de um piloto jovem, bom e pagante.

    Publicado por Claudemir Freire | 31/10/2009, 9:43 am
  21. Bom,

    Está mais do que comprovado, que ter ido bem nas categorias de base, não serve como grande referência quando o assunto é F1. A categoria está repleta de exemplos de pilotos que foram muito bem antes de chegar à F1, e, depois, nela sucumbiram de forma vergonhosa…

    Porém… contudo… entretanto… a não ser que a galera aqui seja vidente com grandes poderes paranormais ou esteja dentro das equipes da GP2, F3 ou F1 para analisar todos os dados disponíveis sobre determinado piloto (o que acredito não ser o caso de ninguém aqui), creio ser impossível avaliar o potencial de um piloto sem levar em consideração o que este fez nas categorias de base, ou seja, antes da F1.

    Por este motivo, não vejo como alguns possam afirmar que Bruno Senna e Lucas Di Grassi sejam pilotos com futuros tão promissores quanto alguns pintam. Aliás, os fatos não permitem afirmar sequer que os dois sejam melhores do que Nelson Ângelo Piquet.

    Com o devido respeito às opinões contrárias, as performances de Piquet nas categorias em que correram Bruno Senna e Lucas Di Grassi, não são só superiores, na verdade, as performances de Piquet são muuuuuuuuuuuuuito superiores à dos dois pilotos.

    E não me venham com essa estória de que Piquet teve estrutura do pai, porque, sem estrutura e apoio, ninguém chega na F1 (e Bruno Senna teve tudo que precisou, assim, como em menor escala Di Grassi).

    Piquet foi campeão de tudo até a GP2 (Kart, F3 Sul Americana, F3 Inglesa, etc.), e nela, só não ganhou o título em cima de Lewis Hamilton por alguns pequenos detalhes ocorridos na temporada, sendo o piloto com o maior final de semana da história da categoria (Hungria 2006).

    Agora, me digam racionalmente, Senna e Di Grassi ganharam o quê até agora para serem considerados promessas promissoras ou melhores do que Piquet?

    Eu respondo: Senna nunca ganhou nada, querem que eu diga com mais clareza PORRA NENHUMA!!! Já Di Grassi, sua maior façanha foi ganhar o GP de Macau, ou seja, sabe do riscado (é bom piloto) mas não ganhou nenhum campeonato importante até agora para que seja considerado um grande piloto.

    Acho que existe um ôba ôba muito grande em cima desses dois nomes, um como um eterno injustiçado que até hoje não teve oportunidades por causa do playboys pagantes (Di Grassi), tadinho dele!!! O outro como grande esperança de redenção do nosso combalido automobilismo, o jovem que vai trazer de volta a alegria das manhãs de domingo (Senna).

    Na realidade, se fossem tão bons quanto muitos aqui dizem que são, já deveriam ter entrado na F1 há muito tempo, já deveriam ter sido escolhidos por alguma equipe, ao contrário, a realidade mostra que estão penando para consegui uma vaga há pelo menos dois anos, e isso para correr em qualquer carro da categoria, portanto, vamos devagar com o andor.

    Torço para que os dois tenham sucesso (vai que são gênios ocultos da F1 e eu não estou sabendo), mas a realidade aponta que eles não farão grandes coisas na categoria máxima do automobilismo. Podem evoluir e até ser campeões (qualquer um que tiver a chance de pilotar um F1 pode sonhar com isso), mas duvido que saiam arrebentando de cara.

    Quanto à Piquet, esse fez uma tremenda cagada que demonstrou que ele tem uma pesonalidade muita fraca, realmente não soube se impor (bem diferente do Pai), portanto, vejo como muito difícil uma chance de reabilitação em uma categoria onde uma das principais características necessárias é a força mental para se impor sobre os adversários e adversidades. Porém, é bom lembrar que está claro que ele nunca teve as melhores condições de trabalho para mostrar todo seu potencial, e, mesmo assim, em algumas oportunidades (e não foram poucas), com aquela bomba da Renault, em corrida, ele teve lampejos de genialidade (principalmente pela constância em corrida, nas largadas, em ultrapassagens e em negociações de posição), portanto, ainda acho que é o melhor do jovens pilotos brasileiros.

    De qualquer forma, tomara que Senna e Di Grassi tenham sua chances, afinal, quanto mais brasileiros na F1 melhor!!!

    P.S. Aos que acham que esse papo de nacionalidade de piloto não conta, que ninguém liga para esse papo de países na F1, fica uma pergunta: Porque que, na hora em que comemorou o título mundial, Jenson Button (assim com Lewis Hamilton ano passado) se agasalhou com a bandeira britânica?

    Não estou dizendo que devemos ser ufanistas ou xenófobos, mas que as fronteiras ainda existem e estão aí, isso elas estão!!! Portanto, continuo apoiando, de preferência, os pilotos brasileiros. Abraços a todos!!!

    Publicado por Cassius Clay regazzoni | 31/10/2009, 11:31 am
  22. http://www.oconsumidoremdebate.blogspot.com

    Falando em ufanismo, quem teve a infelicidade de assistir o treino com áudio da platinada já sentiu o gostinho do que vem pela frente!!! Falou uns cinco minutos sem parar de qual seria a sua emoção na primeira corrida do ano que vem.
    Para quem acha que o puxasaquismo ao Massa e, por conveniência e ocasião ao Barrichello, prepare-se para o pior, ano que vem vai ser dose de aguentar…lamentável.

    Publicado por Edgard | 31/10/2009, 11:53 am
  23. http://www.oconsumidoremdebate.blogspot.com

    Só comentando aos comentários, o Hamilton treinou – e muito!!!, para poder assumir o cockpit da McLaren, não chegou assim, do nada, para sentar a bota…
    Claudemir, também pensei como você, pelo jeito vai sobrar uma vaga de pagante na Force India…quer apostar como esse vai ser o destino do Piquet-pimpolho?

    Publicado por Edgard | 31/10/2009, 11:56 am
  24. Filho do Vento ->>

    Esperar para ver quanto o Rubinho vai ganhar ano que vem. Quer dizer que nesses mais de 10 anos de formula 1 ele nao conseguiu provar nada é isso ??

    Publicado por Claudio Cardoso | 31/10/2009, 11:57 am
  25. Como adoro automobilismo e torço sempre pelos nossos pilotos, vou esperar que Bruno faça bonito na F1 em 2010, não por seu tio, de quem fui fã, mas por ele mesmo. Espero também que 2010 seja uma etapa de muito aprendizado e não peguem muito pesado com ele, não apenas pelo sobrenome, mas pelas jogadas que acontecem na F1 por baixo dos panos.

    Publicado por Elain | 31/10/2009, 12:39 pm
  26. Becken e amigos,

    “Piquet foi campeão de tudo até a GP2 (Kart, F3 Sul Americana, F3 Inglesa, etc.), e nela, só não ganhou o título em cima de Lewis Hamilton por alguns pequenos detalhes ocorridos na temporada, sendo o piloto com o maior final de semana da história da categoria (Hungria 2006).”

    Segundo o próprio Nelsão o Nelsinho não foi campeão porque em duas corridas que liderava ficou sem combustível por erro de cálculo da equipe.

    Edgard,
    “Falando em ufanismo, quem teve a infelicidade de assistir o treino com áudio da platinada…
    prepare-se para o pior, ano que vem vai ser dose de aguentar…lamentável.”

    Essa anta que responde pelo nome de Galvão Bueno é uma desgraça. Nós não merecemos isso. O piloto não merece. Quando essa aberração fala bem de um piloto muitos procuram logo um defeito só para não fazer coro com “coisa”. Infelizmente, admito minha fraqueza, sou um desses. Com o B. Senna vou tentar ser diferente. Tomara que ele seja bom. Até agora, automobilisticamente..rs não provou nada.

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 31/10/2009, 12:41 pm
  27. http://www.oconsumidoremdebate.blogspot.com

    Coyote e amigos do blog. Pelo que o ‘locutor oficial’ disse hoje no treino, podem se preparar para o pior, pois ele foi para o lado mais ufanista possivel…
    Não simpatizei com o primeiro-sobrinho, mas não é por isso que vou torcer contra…eu o achei muito superficial e a história da Honda parece que ele sempre faz questão de lembrar, tipo, ah se eu tivesse entrado neste ano, olha onde eu poderia estar…esse negócio de padrão Globo não me entra goela abaixo. Por isso achei que ele aparentemente aceitou a pecha de ‘sucessor do clã’.
    Espero me enganar mas, sinceramente, só pelo que foi dito na transmissão, da ‘obrigação’ de que todos terão de torcer pelo ressurgimento do mito, não me agradou e isso vai piorar ainda mais no ano que vem, podem ter certeza.
    Boa sorte e longa carreira a ele, mas deixem o piloto se destacar por seus méritos, não por imposição.

    Publicado por Edgard | 31/10/2009, 12:52 pm
  28. Eu acho que vai ser interessante para Senna, que vai pegar um carro ruim para aprender e tentar se livrar desses problemas (por favor, sem comparar com o Toleman, que segundo o próprio Senna à epoca era um carro com potencial, mas inconstante).Segundo o Rubinho, ele dirigindo esse ano com carros endurance foi bom prele pegar a manha de economizar pneu e combustível, altamente necessário ano que vem.

    E não, Senna não teria feito melhor que Barrichello este ano. Aliás, seria massacrado por Button e todo mundo ia cair em cima dele. Aliás, o carro da Brawn só se deu tão bem nas pistas pelos acertos do Rubens, obviamente acrescido do carro sensacional que nasceu (e pouco se desenvolveu ao longo da temporada, o que mais valoriza acertos de corrida). Provavelmente, se Button corresse com Senna o campeão desta temporada teria um nome alemão: Vettel.

    Qto ao Di Grassi, tô com o Becken: daonde ele falou assim do Nelsinho? E se falou, até teria pq: nunca foram amigos, aliás, disputavam ferozmente uma posição na desgraça Renault.

    Aliás, vou torcer por ele sim se chegar na F1. Vi ele correr na GP2 e gostei bastante. Concordo com o Cassius num ponto: dos pilotos que correram na Gp2, o melhor em performance foi mesmo o Piquet. mesmo.

    E Becken, quem declarou que Senna tinha até mais velocidade natural que o Di grassi foi o Nelsinho Piquet, que treinou no msm dia que eles ou pelo menos estava lá. O Rubens tinha ficado em casa por ordem de Ross Brawn.

    E sinceramente, nunca fui pacheco, até gostava de ver a Argentina jogar em 2006 e 2007, gosto de ver pilotos bons correndo, mas torcer msm pros da casa. É um tipo de idenficação estranha, mas que q se pode fazer, qdo o assunto são os sentimentos heheh

    Publicado por Ridson | 31/10/2009, 3:56 pm
  29. Li todos os comentários acima e vejo que a galera está dividida. Eu faço parte do coro dos que acreditam que ele vai conquistar seu espaço com brilho. Vejo algo nele que admiro: o foco sempre foi F-1. Título de categoria de base não.

    Muitos pilotos se perdem nas categorias de base pois acabam dando muito valor a elas, acreditando que precisam vencê-las a todo custo. Categoria de base não se disputa para vencer e sim para formar contatos e patrocínios que te elevem para níveis cada vez maiores até chegar na F-1. Vencer é bom, lógico, mas se não der, o importante é mostrar “serviço” e potencial. Porque uma vez chegando à F-1, passa-se uma régua no passado e o que vale é o que se faz no circo. Massa venceu umas categorias de base meia boca e está muito mais bem cotado que outros pilotos que foram monstros do kart mundial, F-3 inglesa, etc. Bruno Senna, um piloto de inteligência notável (sabe como o mundo funciona e trabalha muito bem com disso) fez das categorias de base apenas um rápido trampolim e agora sim começará pra valer a sua carreira como piloto internacional. Di Grassi me parece perdido na “obrigação de vencer a Gp2” e se não entrar logo na F-1 vai perder o último bonde.

    Publicado por Carlos T. | 31/10/2009, 4:35 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: