//
você está lendo...
ARTIGOS

Em Interlagos, a melhor corrida de 2009

IMAGEM: McLaren/Divulgação interlagos(ANFITEATRO ao ar livre: poucas pistas podem oferecer essa perspectiva ao público, além da real emoção do puro automobilismo)

Os leitores do F1fanatic, blog do nosso visitante Keith Collantine, elegeram o GP do Brasil como a melhor corrida do ano pela segunda vez consecutiva. Depois da chuva e de toda aquela Galvanescamente “dramática” disputa entre Hamilton e Massa em 2008, foi compreensível, mas em 2009 tivemos uma prova pura, sem a chuva como elemento complicador para embaralhar e jogar com a imprevisibilidade do resultado.

Mesmo com a tranquila vitória de Webber, o que realmente segurou a prova foram as disputas por posição, os acidentes, a discussão entre Trulli e Sutil, as recuperações prodigiosas de Hamilton e Vettel e as corridaças de Jenson Button e do nosso novo herói japonês, o intrépido Kamui Kobayashi.

Obviamente a eleição não é surpresa, Interlagos é, na minha modestíssima opinião, a melhor pista do calendário, e melhor de longe. Não é pachequice ou nacionalismo boquirroto, a verdade é que pista tem um lay-out especial que parece ser um antídoto para a dificuldade de ultrapassagem, o mal moderno da F1.

Prezem Spa ou Silverstone, Mônaco ou Suzuka, Monza ou Abu Dhabi, mas espetáculo só é possível ver por inteiro em Interlagos.

A topografia acidentada com aclives e declives em equilíbrio, junto com um miolo travado, mais uma reta torta em subida, mais uma reta seguida de um “S”, parece ser a receita para o atual estado da F1.

Se há algo do qual nós brasileiros deveríamos verdadeiramente os orgulhar em nosso automobilismo hoje, esse algo chama-se Interlagos. Feia, suja e malvada, ela deveria abrir e fechar a temporada…

Discussão

26 comentários sobre “Em Interlagos, a melhor corrida de 2009

  1. Totalmente de acordo. Não tem erro. Ultrapassagens = Interlagos.

    Gostava tb do antigo traçado de Hockenheim com as imensas retas cortando a floresta, tb tinham muitas ultrapassagens e o antigo traçado de Silverstone era um desafio pela velocidade q os carros atingiam. Mutilaram alguns pontos de ultrapassagem em nome da segurança.

    Publicado por Alex-Ctba | 10/11/2009, 7:28 am
  2. Sam Michael da Williams acha que o desenho das pistas é o culpado pela falta de ultrapassagens:

    “I think that clearly the changes made the cars easier to follow, however, there’s a lot of work that still needs to be done,” said Michael.

    “One of the things that wasn’t addressed in the 2009 rule changes was circuit design. If you look at tracks like Barcelona where nobody overtakes, and take exactly the same cars to tracks like Monza, Hockenheim etc, there’s plenty of overtaking. The difference is circuit layout.

    “Organisers need to look closer at creating slower speed corners which feed onto straights, and at removing chicanes.” [ISSO É PURA INTERLAGOS]

    “If you look at somewhere like Abu Dhabi, there are some good aspects to the circuit, but there are fundamental mistakes. There wasn’t good enough racing there and the organisers need to rectify that before next year. You can’t keep blaming car design.”

    Publicado por Becken Lima | 10/11/2009, 8:54 am
  3. Becken bom dia,

    Depois de ver o video de Interlagos ver esse video , que esta no site do James Allen, me faz concrdar ainda mais com o Sam Michael e igual nao sei aonde eu li que o Herman Tilke eh um destruidor de circuitos….

    O video eh legalpor ter o Brundle e o Coulthard correndo um contra o outro….

    Alias, falando em circuitos alguem sabe se a F1 fara testes no Algarve e algum dia este CIRCUITO nao construido pelo Tilke entraria na F1 ?

    Um abraco e aqui esto o link http://www.jamesallenonf1.com/

    Publicado por Fernando Piccione | 10/11/2009, 10:10 am
  4. É uma situação muito estranha.

    Se o problema das ultrapassagens na F1 são as Pistas, e as pistas foram todas construídas pelo mesmo sujeito, o dal do Tilke, Então a culpa é só dele?

    Não foi constituido ano retrasado, ou ano passado, sei lá, um grupo técnico para estudar as ultrapassagens?
    Não foi aí que o Ross deu o pulo do gato do difusor Mandrake?
    Este grupo se reuniu um tempaço, eles não sacaram que era as pistas o problema?

    Será que a FOM, Fota, Fia não vê as plantas e o desenho dos traçados das pistas novas?

    Por quê não enquadraram o Tilke antes de entregar Abu-Dhabi, e esta nova pista da Coréia?

    Estou cada vez mais convencido que na F1, ninguém quer ultrapassagens. A não ser nós, saudosistas espectadores.

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 10/11/2009, 10:18 am
  5. Pra mim, os maiores “vilões” das ultrapassagens são os freios. Nenhum outro aspecto da categoria evoluiu tanto desde a década de 90. Os carros freiam cada vez mais em cima da curva.

    É curioso observar as as declarações de pilotos que testam um F1 pela primeira vez, sejam eles jovens de categorias de base ou veteranos de outras categorias, todos batem na mesma tecla: “os freios são incríveis”.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 10/11/2009, 10:35 am
  6. Ao invés de citar Monza e Hockenheim ele deveria citar Interlagos. Monza teve uma corrida espetacular em 2008, com muitas ultrapassagens, a maioria do Hamilton, pq a pista estava molhada. Em Pista seca, não temos mais tantas assim. e Hockenheim tinha mais ultrapassagens no traçado antigo, apesar de ainda ocorrerem no atual.

    Na opinião dele, os organizadores da prova de Abu Dhabi deveriam retificar o traçado pro ano q vem. Parece comédia, gastaram 50 bi e já tem q reformar.

    O Vítor tem razão em relação aos freios. O Burti sempre fala isso tb. Mas eu acredito q não tem como retroceder. Vai fazer o q ? tirar a eficiência dos freios ?

    Então os vilões são: Pistas, Aerodinâmica, Freios e pilotos e a chuva a heroina q salva as entediantes, Barcelona, Hungria etc.

    Publicado por Alex-Ctba | 10/11/2009, 11:18 am
  7. Sim, Vitor, o de Recife, os freios são os maiores culpados por essa porcaria que esta a F1. Em uma pequena retrospectiva posso enumerar alguns pontos.

    * Motores padronizados e cada vez mais fracos.

    Quando dos V10 sem controle de tração os carros tinham que ser equilibrados no pé e no braço, o piloto tinha que ter uma sensibilidade enorme, se não, o bração rodava.

    * Controle de tração disfarçados por eletrônica cada vez mais moderna.

    Alguns pilotos como Barrichello já disseram que é só dar uma patada no freio e outra no acelerador que o carro faz o resto, ora, se não tem controle de tração como é que é só dar uma “patada” no acelerador ?

    * Aerodinâmica cada vez mais apurada.

    Se fizeram um grupo de antas para conseguir ultrapassagens em 2007 e tiveram dois anos pra fazer alguma coisa, fizeram merda, porque o downforce dos carros com difusor duplo é praticamente o mesmo dos carros de 2008. Só aquele rodo gigante na frente dos carros que permite uma aproximação maior, mas não deixa passar.

    * Circuitos com freadas fortes e sem ponto de tangência e sem curvas de alta.

    O jumento que projeta as pistas não sabe nem dirigir um carro, como colocam essa anta pra desenhar pistas ?
    Resposta: Ele deve repassar parte do dinheiro ganho para o escritório de Mr. Ecclestone and Mosley.
    Seus circuitos são pistas de cart indoor para iniciantes.

    * Pilotos cada vez mais burocráticos.

    Os Pilotos de hoje são todos bananas, medrosos e burros, os que tem um pouco mais de audácia são campeões ou se destacam logo de cara e são chamados de “pilotos perigosos”. Assim pilotos como Button, Hill e Hakkinen são campeões.
    Alguns pilotos de categorias inferiores a F1 já disseram ser mais fácil dirigir um F1 do que um F3 por exemplo.

    * Solução.

    Colocar um presidente na FIA com culhões de verdade que imponha regras claras e controle de gastos justo.
    Assim libera os motores, padroniza os freios reduzindo o poder de frenagem em 50% trazendo de volta o ABS para ajudar os “bundões”, padroniza a eletrônica com dispositivos que possam ser aferidos pela FIA, e tenta fazer com que as equipes trabalhem com a aerodinâmica com níveis de 2002, assim seria uma tentiva de fazer com que voltemos a ver corridas de verdade.

    Lembrando que, a F1 nunca foi um mar de emoção e ultrapassagens, mas era bem melhor que hoje.

    Publicado por Claudemir Freire | 10/11/2009, 11:27 am
  8. Alguém precisaria confirmar essa informação, mas eu li ou ouvi não sei onde (será que foi na Globo?) que o Hermann Tillke teve auxílio do Schumacher no projeto de algumas pistas. Alguém tem algum link?

    Publicado por Becken Lima | 10/11/2009, 11:48 am
  9. A pista de Abu Dabhi realmente ficou sem graça, mais o mesmo arquiteto fez a pista da Turquia que é muito boa. A Malásia, a China e Barhein também não são ruins.

    O projeto de uma pista envolve “n” questões, tais como : Topografia, extensão, segurança, versatilidade, visibilidade, etc. Não é apenas rabiscar numa folha de papel.

    Tenham certeza que as pistas do Tilke são muito melhores que Hungria, Jerez, Paul Ricard reformada, Zeltweg reformada, Dijon, etc. Sem falar nas pistas de rua horríveis que a categoria correu nos anos 80(Phoenix, Detroit, Dallas, Las Vegas). Cingapura e Valência dão um banho nelas.

    A questão é que os carros mudaram tanto que não se consegue passar, salvo em condições muito específicas como o final da reta de Interlagos.

    Acho que o que foi colocado sobre os freios é uma questão a ser levada em consideração. Associada a aerodinâmica da frente dos carros.

    Definitivamente, mais que as pistas são os carros que não oferecem oportunidade para se andar próximo e disputar freadas.

    Publicado por Sirlan Pedrosa | 10/11/2009, 12:15 pm
  10. “Alguém precisaria confirmar essa informação, mas eu li ou ouvi não sei onde (será que foi na Globo?) que o Hermann Tillke teve auxílio do Schumacher no projeto de algumas pistas. Alguém tem algum link?”

    Nunca ouvi falar nisso. A única interferência do Schumacher em uma pista que eu tenho conhecimento foi a chicane de Nurburgring.

    Não gosto de nenhuma pista do Tilke. Pode reparar, os traçados são muito parecidos. E, à exceção da Turquia, a maioria dos circuitos são feitos em terrenos mais planos que mesa de bilhar. E, sobretudo, não o perdôo pela mutilação de Hockenheim, aquilo foi um crime…

    O que eu me pergunto é por que a FIA não contrata outro arquiteto para fazer seus circuitos? Não é implicância com o Tilke, mas isso certamente proporcionaria novas concepções de traçados e traria alguma personalidade aos circuitos, e não esse ar de genérico que as novas pistas possuem (só o entorno muda).

    Publicado por Vitor, o de Recife | 10/11/2009, 12:22 pm
  11. O que matou a tentativa do grupo de ultrapassagens foram duas coisas combinadas:

    Difusor duplo + KERS.

    O Kers da McLadra por exemplo (o melhor da categoria), salvou Hamilton várias vezes de tomar ultrapassagens.

    Agora, o que manda mesmo é o desenho de cada pista e o Tilke é um tremendo fdp, porém, é preciso salientar que ele é contratado de alguém. Para ser mais exato, a culpa é do Bernie Ecclestone, que por grana tirou a F1 dos templos sagrados e levou a F1 a essas pistas ridículas, além de mutilar vários circuitos com a desculpa esfarrapada da segurança.

    Se querem mais ultrapassagens devem contratar um exterminador de anões milionários para fazer o serviço (derepente ele faz uma liquidação e elimina também o presidente da FIA).

    Publicado por Cassius Clay Regazzoni | 10/11/2009, 12:32 pm
  12. Não sei se o Schumacher deu pitacos nas Tilk tracks, mas vcs vão se lembrar do Senna em cima do trator com capacete de mestre de obra participando ativamente da reforma de Interlagos. Foi ele q sugeriu o “S” no final da reta, no q foi prontamente atendido e não por acaso foi batizado de S do Senna. Na época, o novo traçado de Interlagos foi alvo de um caminhão de críticas. Falaram q assassinaram Interlagos e mais um monte de coisas. Mas após quase duas décadas, nunca vi corridas entediantes lá. Tudo bem q a chuva quase sempre dá o ar de sua graça por lá, mas isso é meio previsível, por causa do calor na época da corrida, março ou novembro, e tb pela proximidade a represa.

    Interlagos é um exemplo típico em q a sugestão de um piloto, pode contribuir e agregar qualidade ao projeto do arquiteto.

    Em 2010 tem pelo menos a volta de Montreal, q apesar de estreita e perigosa, costuma ter ultrapassagens tb.

    Vai ver q nós estamos criticando o Tilke injustamente. Ele pode ser tão visionário q os autódromos dele, foram feitos para carros q ainda vão ser projetados hehehehe

    Publicado por Alex-Ctba | 10/11/2009, 12:39 pm
  13. Em menos de duas horas, nós já enumeramos uma mão cheia de motivos para o problema das ultrapassagens.

    A tal comissão de ultrapassagens se reuniu por dois anos. Tenho certeza que eles chegaram às mesmas conclusões: Pistas, Freio, Aerodinâmica. Menos a frochura dos pilotos, q aposto que nunca foi pauta.

    Mas acredito que nunca quiseram encarar o fato de frente. Por algum motivo eles não querem atacar o problema. E acho que é o custo.

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 10/11/2009, 12:41 pm
  14. “A tal comissão de ultrapassagens se reuniu por dois anos. Tenho certeza que eles chegaram às mesmas conclusões: Pistas, Freio, Aerodinâmica. Menos a frochura dos pilotos, q aposto que nunca foi pauta.”

    São frouxos sim, não gosto do Hamilton, mas dou o mão a palmatória porque hoje ele é o melhor “ultrapassador” da F1, e deixa no bolso muitos pilotos_burocratas como Button, Trulli e etc…

    Já vistos por todos aqui, mas garanto que nenhum piloto, exceto o Hamilton faria isso.

    E pra mostrar que passar é possível basta ser piloto.

    Publicado por Claudemir Freire | 10/11/2009, 1:52 pm
  15. O objetivo das famosas medalhas é era diminuir essa frouxidão pelo menos no pelotão da frente…

    Publicado por Filho do vento | 10/11/2009, 2:48 pm
  16. …por isso q tem q rever a pontuação tb, 10-8 para 1º e 2º fez surgir mais pilotos “cerebrais” do q os “sangue nos olhos”…

    Publicado por Alex-Ctba | 10/11/2009, 3:04 pm
  17. Tbm concordo que a culpa maior é dos pilotos frouxos.

    E quanto ao video aeh de cima, não sei ao certo se ele se refere as mais corajosas ou as mais bonitas. Pq se forem as mais corajosas, acho que a do Hakkinen merecia ser a #1, e se forem as mais bonitas a do Piquet no Senna deveria ser a #1 e a do Hakkinen a #2, ou no máximo estar na Top-3

    Publicado por Alan McLaren | 10/11/2009, 6:07 pm
  18. Estava pensando com meus botões aqui…
    Ano que vem, com a proibição do reabastecimento, alguns dizem que as corridas serão chatas, fila indiana de carros, um seguindo o outro e tudo mais.
    Acoho que aí é que está o pulo do gato porque, com estratégia de pit stop não será mais possível ganhar posições, então, restará às equipes encontrar outros meios de ganhar a posição do sujeito da frente.
    Pra mim, não haverá outro jeito senão na raça, e quando uma equipe de F1 busca algo, eles acham. Não subestimem os caras.
    Aposto como as primeiras corridas serão de fato uma bosta, sem ninguém entender esse lance de ultrapassar na pista, depois de 3 ou 4 etapas, acho que a maioria vai ter pegado o jeito da coisa.
    Tomara que seja assim…

    Publicado por The Stig | 10/11/2009, 6:08 pm
  19. As curvas de alta velocidade estão em franca decadência por questão de segurança.
    O q os pilotos gostam é de curva desafiadora e a FIA entende q isso é sinônimo de acidentes fatais.
    Só as pistas antigas é q manterão curvas desafiadoras.
    Pode ver q a Turquia é a única excessão dessas mais novas.
    Agora, calotas mágicas, DDD e alguns com Kers e outros não, tudo isso fodeu com as ultrapassagens nesse ano.

    Como é praticamente impossível freiar o desenvolvimento dos freios(afinal F1 é o laboratório das tecnologias de ponta), o q salvaria as ultrapassagens seria:
    – Banir as calotas. Ok
    – Banir o DDD. N será e temos o risco de ver TDD ou QDD.
    – Banir ou obrigar todo mundo ter a Kers. Ok, será banido.
    – Mudar a pontuação de modo a dar mais pontos para o vencedor da prova. Como ninguém tá comentando, n deve mudar nada.

    Imagino q ano quem vem devemos ter bons pegas no final das provas por conta dos ritmos diferente q os carros deverão ter no final da prova.
    Alguém sabe se será obrigatório o uso de dois tipos de pneus durante a corrida?

    Publicado por Leandro Magno | 10/11/2009, 6:46 pm
  20. O aumento da pontuação entre as posições seria um grande incentivo,como falou o Alex.

    Imaginemos o seguinte :

    1o – 18 Pontos
    2o – 14 Pontos
    3o – 11 Pontos
    4o – 9 Pontos
    5o – 7 Pontos
    6o – 5 Pontos
    7o – 3 Pontos
    8o – 1 Ponto

    Acho que uma pontuação assim nunca vai acontecer, mais que valorizaria cada vez mais as posições, isso com certeza !

    Publicado por Sirlan Pedrosa | 10/11/2009, 6:47 pm
  21. Fazendo as contas com 18 e 14 pontos a relação do primeiro para o segundo ainda não seria boa. Poderia ser a tabela acima, mais com 20 pontos para o primeiro.

    Publicado por Sirlan Pedrosa | 10/11/2009, 6:50 pm
  22. Becken e amigos,

    Não li os comentários ainda. Então talvez eu vá chover no molhado.

    O lance é o seguinte: sobraram poucas Pistas de Corrida. Interlagos é uma delas, com certeza. Contraditoriamente, Mônaco também, pela tradição, história, charme etc.

    As estrelas não são mais os pilotos, os carros e a competição. São os complexos majestosos, como Abu Dhabi, ávidos por ” la plata” dos novos ricos.

    Imaginem os diálogos das peruas hospedadas naquele hotel com os carros passando lá embaixo (eu até ouvi um desses diálogos, mas não vem ao caso agora).

    Falo sério, amigos.
    Se o Chico Buarque der um show em em Uberlândia-MG, onde 99% (ou mais) da população gosta de música breganeja, vai lotar de gente que que aparecer na coluna social do jornaleco do dia seguinte. É chique.

    Ou alguém aqui acredita que nós sabemos o que é uma Pista de Corrida e o Tilke não?

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 10/11/2009, 9:12 pm
  23. Se o baixinho Todt quer melhorar de fato a F-1, tem q ouvir a reivindicação de nós fãs do esporte. Acredito q as possíveis soluções desenvolvidas nessa discussão para trazer mais ultrapassagens e consequentemente mais emoção a F-1, estão concatenadas com o q pensam os fãs ao redor do planeta.

    A pontuação tem q ser revista urgentemente e infelizmente teremos mais uma temporada com essa diferença ridícula entre vencedor e segundo colocado. Acho q 4 pts está bom como citou o Sirlan. Seria a volta do antigo 10-6.

    “Ou alguém aqui acredita que nós sabemos o que é uma Pista de Corrida e o Tilke não?”

    Coyote, nós sabemos sim: Interlagos, antiga Hockenheim, antiga Silverstone, Spa, Indianápolis, Monza, Montreal são pistas de verdade. Me decepcionei um pouco esse ano com Suzuka. Precisa de uma reforma urgente. Do Tilke eu gosto da pista da Turquia, Bahrein, e um pouco de Sepang. Tem a mãozinha dele na reforma de Fuji ? Fuji tb é mais ou menos…

    Abs

    Publicado por Alex-Ctba | 10/11/2009, 10:56 pm
  24. Alex,

    Acho que vc não percebeu a ironia na frase.
    O Tilke faz essas pistas assim atendendo às orientações de quem lhe paga.
    Houve uma inversão de valores na F1. Só não vê quem não quer. Um piloto pagar para correr por uma equipe é o cúmulo do absurdo. Um piloto bom ficar a pé enquanto o Nakajima tem um carro e toda a atenção de uma equipe… daqui a pouco o poste vai mijar no cachorro, peixe vai voar e gato vai latir.

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 10/11/2009, 11:59 pm
  25. Revejam as provas das malasia e do bahrein desse ano e me digam que não houve ultrapassagens. Na minha opiniao junto com turquia sao bons circuitos pra ultrapassar sim.
    Agora monaco , hungria e abudhabi sao horriveis , provas chatas.

    Publicado por Rob | 11/11/2009, 12:01 pm
  26. E sem dúvida concordo com o Claudemir q a maior ULTRAPASSAGEM de todos os tempos da história da F-1 IMHO foi a do Piquet sobre o Senna na volta 57 do GP da Hungria de 86.

    Valeu Claudemir!

    Publicado por Alex-Ctba | 11/11/2009, 8:49 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: