//
você está lendo...
ARTIGOS

Sobre a Renault e a segunda vaga na Mercedes Grand Prix

IMAGEM: Philips/Divulgação (ASSISTINDO DE CAMAROTE: Nico espera tranquilo por seu companheiro)

Essa é, definitivamente, uma das mais movimentadas e interessantes pós-temporada dos últimos anos. Com a crise financeira fechando equipes, o corte de gastos da FIA em curso e o fim de contratos de um bom número de pilotos, há muito o que se decidir e discutir nessa transição de pós para pré-temporada.

Hoje, por exemplo, depois do surpreendente anúncio de Jenson Button na McLaren, o comentarista da SporTV, Lito Cavalcante, sugere que Kimi Raikkonen poderia agora juntar forças com Nico Rosberg na nova Mercedes Grand Prix. Com a quantidade de eventos surreais que tem aconteceram nessa última temporada, é bom não descartar tal negociação.

Nick Heidfeld era indicado como provável substituto de Button na Mercedes, mas o grande senão nos rumores em torno de uma dupla de pilotos alemã em uma equipe igualmente alemã é o fato de a Mercedes ser sensível à mensagem subliminar que uma equipe “ariana” poderia passar em termos de marketing para o público. É provável que o alemão Heidfeld seja uma boa aposta em termos de experiência para a equipe, mas, comercialmente, um piloto de outra nacionalidade transmitiria, cuidadosamente, os sinais multiculturais politicamente corretos.

Kimi é uma boa aposta? Sim, mas por que a Mercedes pagaria fortunas para ter Kimi quando se recusou a fazer o mesmo com o seu atual campeão Jenson Button? Talvez Norbert Haugh, antigo co-chefe de Kimi na McLaren seja uma influência forte nessa pseudo-escolha levantada pelo Lito, que tem uma boa fonte de informação na amizade com Rubens Barrichello. Não duvido da Mercedes convocando Kimi, mas não há lógica que sustente essa escolha no momento.

Se eu tivesse que apostar em um piloto, talvez Heikki Kovalainen, destruido por Lewis Hamilton nos últimos dois anos,  fosse uma insuspeita escolha para a Mercedes ao lado de Rosberg.

Sobre a Renault

Lembram do Tarun Sonomat de ontem? Well, o respeitado Diário finlandês agora sugere que a Renault recebeu de um investidor russo uma boa oferta para a venda de 40% de sua equipe de F1, o que poderia nos “proporcionar” o prazer de ter mais um “pay-driver” a bordo, o vice-campeao da GP2 em 2009, Vitali Petrov. A oferta explicaria a debandada de Timo Glock, praticamente acertado, para os lados da Manor.

A demora na confirmação do segundo piloto da Renault junto com a indecisão da Red Bull em escolher o seu futuro fornecedor de motores, dão combustível para a matéria do jornal finlandês.

Anúncios

Discussão

17 comentários sobre “Sobre a Renault e a segunda vaga na Mercedes Grand Prix

  1. http://www.oconsumidoremdebate.blogspot.com

    Eu torço para que isso se concretize, e o Kimi que todos davam por aposentado venha com todo o gás…imagina só o enrosco que não daria, sendo confirmada mais esta dupla, juntando-se com a da McLaren e a da Ferrari (com a Red Bull um pouco mais atrás)…o campeonato do ano que vem promete, e muito.
    Só a Globo, com seu pachequismo desmedido é que vai ficar fazendo odes ao primeiro-sobrinho, enganando os incautos como se ele fosse a reencarnação do falecido tio…

    Publicado por Edgard | 18/11/2009, 6:45 pm
  2. Olá,

    Afinal de contas, é só rumor ou ta confirmado o kimi na mercedez? Todos os sites dão como confirmado. Não entendi o post dizendo que é uma especulação, tratando os cockpits da mercedez como vagos, o certo é que 1 esta vago, e é só.

    Abraço

    Publicado por Anderson Dorneles | 18/11/2009, 8:57 pm
  3. Olha… O lance da Renault faz todo sentido…

    Publicado por Ron Groo | 18/11/2009, 9:06 pm
  4. Concordo. Essa demora da Renault em anunciar seu 2º piloto e o aviso q mes q vem haverá um pronunciamento, deixa meio q na cara q tem ‘angu nesse caroço’.

    Kubica e Rosberg na Merc, até seria uma dupla interessante, mas acho q todos torcem pra ver o Kimi dirigindo um prata ano q vem.

    Kubica e Petrov é igualmente interessante para comparações e parâmetros. DA mesma forma como será Hulk e Barrica.

    Alonso e Massa X Ham e Button. O Botão vai ter q andar muito agora se quiser acompanhar a turma.

    Publicado por Alex-Ctba | 18/11/2009, 9:08 pm
  5. será que em 2010 as nossas transmissões na tv aberta vão citar a mercedes como MGP, à la red bull e toro rosso, ou o problema gira em torno do patrocínio de energético?

    Publicado por TNT | 18/11/2009, 9:27 pm
  6. Quando é em relação a uma montadora o galvão fala o nome correto. Ele sempre falou Honda, BMW, Toyota, Renault…acredito q não vai ter problema em falar Mercedes. Aguardemos as novas parvoíces do bueno ano q vem.

    Publicado por Alex-Ctba | 18/11/2009, 9:55 pm
  7. A história da Renault faz muito sentido. As atenções agora se voltam novamente para as vagas da Manor (com DiGrassi) e Campos (com Maldonado).
    O Kubica estaria salvo, ainda bem.
    Estariam restando se não me falha a memória de cerveja: Trulli; Grosjean, Nakajima, Fisichella, Kova para disputarem as vagas na Lotus.

    Fernando.

    Publicado por Ffigueiredo | 18/11/2009, 10:22 pm
  8. Pachequismo é o que a Globo faz quando trata Massa, um piloto mais ou menos como se fosse um TOP driver, um ídolo Nacional. Bruno, pelo menos, tem uma desculpa pra ser tratado como produto de marketing. Tem o sobrenome de um dos maiores pilotos de toda a história da F-1.

    Publicado por João Júlio | 18/11/2009, 11:20 pm
  9. Vou discordar de você, Becken. A única forma de a Mercedes ou qualquer outra equipe não parecer “ariana” ou “politicamente incorreta” seria contratar um latino. Negro, o Hamilton foi o primeiro na história da F-1, portanto não é algo comum. E não há nem latinos nem negros à altura da Mercedes, tampouco disponíveis no mercado. Não vejo sentido nessa tese, a F-1 é um esporte ariano por natureza, desde as cozinheiras das equipes até seus respectivos donos. Não é motivo para uma não-contratação de Raikkonen.

    Mas há um porém que pouca gente está levando em consideração e que levantei no meu blog. Todos falam que a Brawn é que não quis pagar o valor que Button pedia, o que o “forçou” a ir para a McLaren.

    Será mesmo que foi isso?

    Eu honestamente acho que a escolha de ir para a McLaren foi de Button. Nós pegamos as notícias e muitas vezes cremos cegamente nelas, mas em termos de negociações, sobretudo na F-1, há muito mais do que parece por trás das notícias. Oras, esse acordo entre a Brawn e a Mercedes não foi fechado anteontem. No mínimo, em Abu Dhabi. O resto foi jogo de cena. Desde então, quem passou a negociar com Button foi a Mercedes, não mais a Brawn. Será mesmo que a Mercedes não tinha grana pra bancar o Button e tem para bancar Raikkonen, como você citou?

    Eu duvido. E acho, sim, que a escolha foi de Button. Se Raikkonen fechar com a Mercedes, sabendo que ele é o piloto mais caro da F-1, terei certeza.

    Publicado por Hugo Becker | 19/11/2009, 1:57 am
  10. Opa. Última notícia antes de dormir.

    Então tá, a fonte do Lito era quente.

    http://www.autosport.com/news/report.php/id/80215

    Publicado por Hugo Becker | 19/11/2009, 3:21 am
  11. Depois reclamam de pilotos que falam um pouco além da conta, o Kimi fala pouco e quando fala deveria pensar direito pra não falar bobagens.

    http://tazio.uol.com.br/f-1/textos/15103/

    “Pensei que a McLaren seria minha melhor opção para vencer corridas e brigar pelo título e, como não entramos em um acordo, um ano longe da categoria foi a solução. E, para ser honesto, só voltarei em 2011 se tiver uma vaga competitiva”, disse Raikkonen ao site oficial da F-1.

    Já pensou se fecha com a Mercedes com que cara vai ficar o finlandês ?

    Publicado por Claudemir Freire | 19/11/2009, 8:28 am
  12. Claudemir,

    O empresário de Kimi já inventou uma justificativa para Kimi:

    “Isto é Fórmula 1”, disse Robertson. “Se eles podem oferecer, ou nos convencer, que podem proporcionar uma oportunidade em que Kimi está feliz, e com a qual nós estaremos felizes, e ele sente que pode vencer corridas e o campeonato, então nunca diga nunca. Há sempre uma possibilidade. “

    Publicado por Sandro Rocha | 19/11/2009, 9:16 am
  13. “Não conversei com a Brawn. Penso que eles querem dois pilotos alemães na próxima temporada, agora que a Mercedes está envolvida nos negócios”, disse Kimi.”

    A Pergunta é quem seriam os dois Alemaes ?

    Um é facil e o outro ??

    Publicado por Claudio Cardoso | 19/11/2009, 9:48 am
  14. Caras, aceitem. Kimi não corre ano que vem!
    Onde já se viu, contratar por vendetta (como “disseram que disse” Lito)? Isso lá é briga de casal?

    Os caras são profissionais e nós sabemos que as negociações na F1 costumam ser duríssimas, bem estudadas, ponderadas… contratar, pagando mais, por impulso? Eu não acredito!
    E Kimi? Que tempo ele teve pra conhecer o projeto da Mercedes GP? O cara só aceita um carro vencedor e mal teve tempo de engolir a desilusão…

    Publicado por Tavaresdemello | 19/11/2009, 9:51 am
  15. Eu escrevi sobre a Renault e o investidor russo meses atrás. Rumor circula faz tempo.

    A unica motivação do Kimi é provar que a Ferrari fez merda, logo faz sentido ele só aceitar um carro competitivo. Aposto que disputa o WRC com a Citroen (com as cores da Red Bull no carro) e articula uma volta em 2011 desde que Red Bull permeneça competitiva ano que vem.

    Publicado por Filipe | 19/11/2009, 11:18 am
  16. Fico com a opniçao do Tavares. Claudemir, e o Adrian Sutil?

    Hugo, eu disse multicultural, não necessariamente multiracial, o termo “ariana” foi para resgatar a relação da Mercedes com o Nazismo no passado pré 2ª guerra. A companhia tem extremo cuidado quanto a isso. O Kovalainen seria uma boa escolha, acho…

    Filipe, manda o link pra gente…

    Publicado por Becken Lima | 19/11/2009, 11:26 am
  17. “…o termo “ariana” foi para resgatar a relação da Mercedes com o Nazismo no passado pré 2ª guerra. A companhia tem extremo cuidado quanto a isso.”.

    Concordo.

    “O Kovalainen seria uma boa escolha, acho…”

    Putz, Becken.
    Vc está de sacanagem…rsrsrs.

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 19/11/2009, 5:05 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: