//
você está lendo...
ARTIGOS

McLaren tenta deixar Button à vontade ao lado de Hamilton

A McLaren anunciou hoje um grande “check up” em seu organograma de engenheiros. Phill Prew, engenheiro de Lewis Hamilton nos últimos três anos, foi alavancado ao posto de chefe dos dois grupos de engenheiros de corrida que trabalharão com Lewis Hamilton e Jenson Button em 2010.

Os juniores Andy Latham e Jakob Andreason, foram promovidos a engenheiros principais de Lewis e Jenson, respectivamente.

O alerta, mesmo que subliminar, é claro: a McLaren está uma vez mais tentando erradicar qualquer sinal de que haja preferência na equipe por Lewis Hamilton, que terá em Jenson um companheiro com o mesmo status de campeão do mundo.

A perda de Fernando Alonso em 2007, depois do espanhol reclamar de favorecimento a Lewis Hamilton, ainda é uma ferida profunda dentro da equipe.

Jonathan Neale, um dos diretores da equipe, foi mais incisivo quanto à política de igualdade dentro da equipe:

“Quando Jenson visitou o MTC (McLaren Technological Center) uma das suas perguntas foi: ‘Esta é a equipe de Lewis?’ E a resposta foi; ‘Sim, claro que é a equipe de Lewis… assim como foi a de Heikki Kovalainen, Fernando Alonso, Juan Pablo Montoya e Kimi Raikkonen. E esta será a sua equipe também.

É esta a equipe de Lewis por conta da exclusão de outro grande piloto? Não, absolutamente.”

Igualdade de condições dentro da McLaren sempre foi tema de debate e alvo de ceticismo, dada a forma como sempre se desenvolveu ferozes lutas internas entre pilotos poderosos, como Ayrton Senna, Alain Prost, Nick Lauda, Lewis Hamilton e Fernando Alonso.

Coincidentemente, desde Prost e Senna — entre 88 e 89 — que a McLaren não tem um par de pilotos campeões dividindo a equipe.

Discussão

14 comentários sobre “McLaren tenta deixar Button à vontade ao lado de Hamilton

  1. Isso é coisa para inglês ver..ahah..igualdade de condições? só seria possível se o Ron Dennis não tivesse a mínima influência na McLaren, coisa que acho difícil.

    mas, talvez haja uma corrente dentro de equipe que pense que é melhor dar uma forcinha para o Jenson, do que correr o risco de perder um campeonato com o Lewis, que é um piloto mediano e muito instável.

    sei não…essa dupla e a da Ferrari vão facilitar para o velho Schumacher. sem contar a dupla da Redbull, que também vai ter uma briga desde o início do campeonato, coisa que não aconteceu em 2009.

    em suma, eu creio ser bem dificil dar condições iguais a dois pilotos na mesma equipe. ou vão se matar dentro da pista, e arruinar o campeonato, ou vão criar uma guerra de egos e nervos, que coloca em risco o campeonato.

    mas piloto que é bom, pode vencer um campeonato, mesmo tendo boa parte do time contra, vide o caso Piquet X Inglaterra.

    abraços..

    Publicado por Danilo | 11/01/2010, 8:04 pm
  2. A imparcialidade da McLaren dá-me vontade de… rir!!!

    Em 2007 na China, Ron Dennis diz qualquer coisa como: O adversário do L. Hamilton para a conquista do título não é o K. Räikkönen, mas sim o F. Alonso…

    Publicado por Cavallino Rampante | 11/01/2010, 8:19 pm
  3. Olha, eu duvido que a McLaren dê condições iguais para os DOIS pilotos.
    Nem com Fernando Alonso, atual bicampeão na época, a equipe deu as mesmas condições.
    Em 2009 nem se fala.
    Mas uma coisa é certa: Button tem talento, mas o carro precisa ser ótimo para ele ganhar corridas.
    Tomas, do Blog Fórmula 1
    http://www.theformula1-blog.blogspot.com/

    Publicado por lau lau | 11/01/2010, 9:38 pm
  4. só queria avisar que o endereço e o nome foram errados.
    estes são os certos.
    obrigado

    Publicado por Tomas | 11/01/2010, 9:40 pm
  5. Caro, Rampante
    Vc tem toda razão e, de fato, em 2007 a Mclaren n foi imparcial e nas primeiras corridas deliberadamente beneficiou um piloto em detrimento do outro; e esse outro foi o Hamilton.
    Por exemplo, em Melbourne, Hamilton deu um passão por fora no Alonso na 1ª curva. Mas, como Alonso tinha sido contratado desde 2005 levando o mesmo Santander q hj estampa sua Ferrari, ele n poderia ser humilhado e nos pitstops devolveram a posição ao espanhol.
    Em Mônaco, pediram pra Hamilton n atacar o Alonso q seguia a sua frente.
    Bem… depois disso, como Ham vinha emplacando uma sequência incrível de pódios e abriu 10 pontos para o grande Alonso, n tinha mais como continuar beneficiando o piloto do carro nr. 1.
    Aí, o q Alonso fez?…. Foi lá e dedurou a equipe pra FIA.
    Bem…no lugar de Ron Dennis, vc gostaria q qual dos seus pilotos levasse o caneco?
    No entanto, o q o Ron, em entrevista após a citada(por vc) corrida da China, disse pode ser interpretado assim(eu disse “pode”): “estamos no bico do corvo, pois fomos condenados a pagar uma multa fodida e como fomos excluídos do WCC, só nos resta o WDC. Aqui(na China), o único piloto q poderia já ganhar o caneco e nos tirar dessa situação humilhante era o Ham e o único piloto q poderia impedir q nosso time levantasse o WDC hj(nessa corrida q acabou de se encerrar) era o Alonso. Portanto, corriamos para ganhar o título hj e só um piloto poderia impedir isso. Enfim, corriamos contra o Alonso, pois n era do nosso interesse levar essa decisão pro Brasil.”

    Contudo, como eu disse dias atrás, essa vontade de levar o caneco já na China foi um dos fatores q contribuiu pra atolar o título na brita.

    Tenho muito respeito pela Ferrari e pelos seus torcedores, mas tomem muito cuidado com essa aquisição de vcs.
    Alonso dizia q seu sonho era correr na Mclaren, mas bastou n “respeitarem” seus dois títulos mundiais pra ele arrumar uma quezília sem precedentes e começar a ter como sonho correr por Maranello.
    Eu n descartaria o Massa de jeito nenhum e se a Ferrari promover um mínimo de igualdade, vcs, Ferraristas, podem esperar muita celeuma.
    Abs, boa sorte e q, para o bem do intrépito piloto q derrotou Schumacher, a Ferrari seja parcial o 2010 inteiro e n só o início de ano como a Mclaren fez em 2007

    Publicado por Leandro Magno | 11/01/2010, 10:40 pm
  6. Isso é tudo palhaçada. Equipe nenhuma tem obrigação de dar igualdade aos seus pilotos. Entre dar meio carro para cada um, é melhor dar um carro a um e ser campeã, óbvio. A obrigação é cumprir o contrato, por as cartas na mesa, jogar limpo e não fazer um dos pilotos, os patrocinadores e os torcedores de otários.
    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 11/01/2010, 11:41 pm
  7. A Ferrari não vai permitir isso, caso contrário será um desastre o campeonato de construtores, se Alonso e Massa começarem a se desentenderem por causa de status de 1º piloto, darão pontos aos seus concorrentes… que em 2010 imagino que serão muitos diretamente, McLaren, Mercedes GP, Red Bull… indiretamente Willians…

    Publicado por Jackson | 12/01/2010, 7:23 am
  8. Jackson,

    Interassante sua posição. Também acredito que a Ferrari colocará ordem na casa.
    O que a gente precisa ficar atento, é para não comprar a briga que vem sendo plantada pela Globo.
    Chega dar raiva, toda vez que tem uma matéria sobre a Ferrari em algum telejornal, é a mesma história: “os pilotos já se desentenderam no passado”, e mostra aquela imagem de 2007 com Alonso na Mclarem ainda, discutindo com Massa na ante-sala do pódio.
    Se a gente se julga espectadores diferenciados da massa, a gente tem o dever de filtrar os interesses da transmissão oficial.
    Nessa história de clima nos boxes vermelhos, to com a Opinião do Luiz Fernando Ramos, o Ico: “Se o carro não andar de jeito nenhum, tenho a certeza que Alonso vai franzir a sobrancelha, lamentar que não lhe deram um “coche ganador” e vai amarrar o burro na sombra, saindo dela apenas nas pistas em que o modelo se sair melhor para beliscar um bom resultado (que pode até ser uma vitória). Enquanto isso, Massa vai trabalhar com a dedicação de sempre, defender a equipe das críticas e lutar como um leão em todas as corridas para chegar na melhor posição que o carro permitir.”

    Essa para mim é a opinião mais sensata sobre a relação dos dois. Mas se daí vai sair uma brigona Homérica, não acredito.

    Publicado por Ffigueiredo | 12/01/2010, 7:53 am
  9. Bom dia a todos

    Eu como ferrarista não estou nem ai pra quem vai levar o mundial de pilotos, contando que seja piloto da Ferrari. O de construtores é muito bem vindo, e tenho certeza que este é o pensamento da Ferrari, não será por causa do banco que patrocina a Ferrari que eles vão priorizar o Alonso.

    No mais, este ano promete ter muuitas disputas boas dentro das equipes

    Schumacher X Rosberg

    Alonso X Massa

    Hamilton X Butão

    Webber X Vettel

    Com tanta gente boa em equipe boa não sei se vale a pena priorizar ou não algum piloto, depende muito também da posição que estarão nas corridas, no caso de Barrichello e Schumacher era sempre os dois na frente assim fica fácil a troca de posições.

    Abraços

    Publicado por Marcelo (Cascavel) | 12/01/2010, 8:50 am
  10. Concordo com o nosso comentarista de Cascavel (desde os meus tempos Cascavel, assim como Petrópolis, é terra de automobilismo) com relação às brigas internas. A temporada promete ser interessante. Se os carros andarem parecido veremos um grande campeonato.
    Só não abro mão de querer que o Alonso se dane, porque eu, como torcedor, quero é que o Massa ande na frente. E se Williams por acaso voltar a fazer um carro ganhador, que o Rubens fique calado e faça uma grande temporada.
    Antigamente (60, 70, 80) as equipes tinham 1° e 2° pilotos definidos. Às vezes complicava, como Emerson e Peterson na Lotus.
    E complicava sempre na equipe do Lole, que era melhor que um 2° piloto mas não suficientemente bom para ser 1°.

    Publicado por cariocadorio | 12/01/2010, 9:32 am
  11. E segue o sonho brasileiro de “igualdade na Ferrari” ……..

    Publicado por Cosmo | 12/01/2010, 12:27 pm
  12. Só tem um jeito de ter igualdade de tratamento em uma equipe da F1: Um carro por equipe.

    O resto é ladainha de torcedores puxando cada qual a sardinha para seu escolhido.

    Publicado por Cassius Clay Regazonni | 12/01/2010, 1:59 pm
  13. mas é obvio que o lewis terá VANTAGEM…
    vcs acham que ele aceitaria perder para outro ingles?
    aiaiaiaiai
    veremos… abraço;
    Tomas, do Blog Fórmula 1
    http://theformula1-blog.blogspot.com/

    Publicado por Tomas | 13/01/2010, 12:21 pm
  14. Na boa, acho pura hipocrisia ver torcedor da Ferrari vir falar da McLaren sendo imparcial em 2007-2009 e ainda fazendo predição pra 2010. Até parece que não enxergam a equipe que torcem. Quero ver quando o circo pegar fogo o que vão fazer. Apoiar o “Felipinho”, ou o Santander?

    A McLaren escolheu apoiar sua prata da casa, veremos agora do que é feita a Ferrari, apoiará o cara que vive dizendo que a equipe é uma família, ou vai apoiar o cara que já disse que seu sonho de infância era pilotar pela maior rival, mas que chega com o Santander e com 2 títulos no bolso?

    Pensem aí e me respondam, é facil? Não né? Agora, imaginem se a McLaren escolhesse apoiar o Alonso. Seria mercenária, traidora, etc…

    Já gastei os dedos de tanto escrever isso, mas escrevo denovo: 2008 e 2009, só sendo demente para dar igualdade entre Lewis e Heikki. O cara de McLaren por 2 anos, só ganha uma corrida, figura rara nos pódios e vem me dizer que um cara desses merece as mesmas condições que o Lewis? Pra que? Pra disputar a 8th posição com uma Toro Rosso, Force India? E digo mais, 2008 a McLaren foi derrotada no WCC porque o Kova varias vezes jogou pontos fora.

    Publicado por Alan McLaren | 14/01/2010, 11:35 am

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: