//
você está lendo...
ARTIGOS

Barganha entre Briatore, Symmonds e FIA deixa ‘Nelsinhogate’ sem punidos

Não é preciso nenhum jurista para nos esclarecer que a barganha feita entre a FIA e os ex-chefes da Renault, Flavio Briatore e Pat Symmonds, significa que, em certa extensão, os dois saíram até vitoriosos do maior escândalo da história da F1 — o “Nelsinhogate”.

Há uma admissão de culpa textual dos dois ex-dirigentes — apenas no âmbito da responsabilidade gerencial — mas é tudo parte do jogo de cena para que o processo não se tornasse uma indefinida, interminável e arrastada luta na justiça comum francesa.

Historicamente, a FIA sempre se viu desafiada em estabelecer até onde vai a jurisprudência de seu regulamento que, no fundo, não tem efeito além de sua própria esfera esportiva.

No “Nelsinhogate” a história se repetiu.

A FIA jamais teve provas concretas da influência de Briatore nos bastidores das ações de Nelsinho, além da própria palavra do piloto, por isso da situação juridicamente frágil da entidade diante da corte francesa — o que levou à revogação da exclusão de Briatore e Symmonds meses atrás, um ensaio do que ocorreu hoje.

Com a barganha e a “mea culpa” de Briatore e Symmonds, há um acordo de não agressão jurídica unilateral e a FIA faz vistas grossas às criticas de Briatore contra a decisão do conselho mundial em setembro último.

No fim, ninguém sai devidamente punido do maior escândalo da história do esporte e Briatore e Symmonds poderão voltar a trabalhar no negócio F1 a partir de 2013.

Discussão

31 comentários sobre “Barganha entre Briatore, Symmonds e FIA deixa ‘Nelsinhogate’ sem punidos

  1. O maior “punido” foi o NAP q agora disputa as copas montanas da vida…

    Publicado por Alex-Ctba | 12/04/2010, 4:00 pm
  2. O Nelsinho de qualquer maneira só se queimou no F1. Não sei se por não estar a altura pra ser piloto de F1 ou por realmente estar no lugar errado, na hora errada. Mas fora da F1 ele vem se dando bem, sendo destaque da Nascar e ontem conseguiu o mesmo na Copa Montana. Torcia pra que ele tivesse sucesso na F1, como qualquer outro brasileiro, mas já que não conseguiu e tem talento, que consiga brilhar fora dela.

    Publicado por Nick Mason | 12/04/2010, 4:30 pm
  3. aposto que o briatore volta em 2013 e ainda contrata o nelsinho como piloto de sua equipe.

    Publicado por andre melo | 12/04/2010, 4:40 pm
  4. E o maior beneficiado do “nelsinhogate” foi o q se saiu melhor. Não caçaram a vitória do Alonso em Cingapura e hj corre por uma das melhores equipes da F1 sob contrato até 2012. Ê mundão da F1…

    Publicado por Alex-Ctba | 12/04/2010, 4:41 pm
  5. O que o Nelsinho fez foi o mesmo que “Schuazneggers” com o T1000 em “Terminator II”. Só que o serviço ficou pela metade.

    Meteu um tirambaço de 12 na cabeça, que abriu uma cratera, aí o rostinho do Briatore foi se reconstruindo, como o próprio metal líquido do andróide.

    A não ser que o mundo acabe em 2012, Flavião poderá retornar ao pitwall.

    Publicado por Iomau | 12/04/2010, 4:49 pm
  6. Mais um “benefício ” da tal da globalização. Agora até corrupção, mau caratismo e sacanagens em geral, estão globalizadas. Hoje em dia tudo pode, inclusive acordos imorais como esse, mesmo em países outrora ditos como civilizados. O importante é que o bolso de alguns esteja bem cheio, e só :-(

    saudações

    Publicado por celso gomes | 12/04/2010, 4:49 pm
  7. “E o maior beneficiado do “nelsinhogate” foi o q se saiu melhor. Não caçaram a vitória do Alonso em Cingapura e hj corre por uma das melhores equipes da F1 sob contrato até 2012. Ê mundão da F1…”

    Ah, só falta falar que a culpa é do Alonso,..
    podem caçar a vitória dele em Cingapura, quem se importa?
    Eu acho que todos bem que gostariam ver o Alonso nos tribunais se ferrando….

    Publicado por tomasf1 | 12/04/2010, 4:50 pm
  8. O comentário do Alex toca em um tema espinhoso: o Alonso é a maior “Caixa Preta” da atual F1. Os detalhes do “Stpeneygate” e do “Nelsinhogate” estão todos guardadinhs na cabeça do espanhol.

    A biografia dele será até mais interessante que a do Rubinho, por exemplo…

    Publicado por Becken Lima | 12/04/2010, 4:57 pm
  9. Tomás

    Não quero condenar o Alonso e até acho q ele merece pilotar pela Scuderia. Um cara com o talento dele tem q estar no grid em um carro de ponta. Só acho injusto q não tenha sido caçada a vitória dele, q veio por meios ilícitos. Se eu roubo um banco e entrego o dinheiro para vc, vc é tão culpado qto eu pelo crime. Não tenho a mesma habilidade do Coyote para discorrer sobre esse caso, mas acho q vc entendeu o ponto.

    Em relação a vitória do Alonso, pelas regras da FIA, acho q não poderia ser feito nada, qdo o caso veio a tona, mas não tenho certeza disso.

    Publicado por Alex-Ctba | 12/04/2010, 5:06 pm
  10. Episódio mais vergonhoso da F1.Flavio Briatore,Pat Symmonds e Nelsinho Piquet deveriam ser banidos pra sempre da F1.
    E ao invés de banimento eterno-uma bela pizza a moda FIA.
    Lamentável!!

    Publicado por Daniel Lima | 12/04/2010, 5:28 pm
  11. “O comentário do Alex toca em um tema espinhoso: o Alonso é a maior “Caixa Preta” da atual F1. Os detalhes do “Stpeneygate” e do “Nelsinhogate” estão todos guardadinhs na cabeça do espanhol.”

    Alonso, ê Alonso, sabe muito esse rapaz.

    Sobre a volta do Briatore, é simples e direto, a FIA não tem como banir alguém de nada, ela é um orgão esportivo não um tribunal de justiça. Então como não teriam como manter a sentença na esfera da justiça comum preferiram fazer esse acordo de cavalheiros e deixar a coisa pra lá.

    Em suma, é assim que são as coisas no mundo hoje em dia.

    Pô, tem um assunto muito bacana rolando na net e o Becken nem citou. É sobre os pneus com rodas de aro 18 e possivelmente perfil baixo algo como 40 ou 45, isso é assunto que junta novas possobilidades técnicas e expeculações.

    Publicado por Claudemir Freire | 12/04/2010, 5:46 pm
  12. com a permissão, a minha versão do desfecho: http://theformula1.wordpress.com/2010/04/12/sera-que-acabou/

    Publicado por tomasf1 | 12/04/2010, 5:54 pm
  13. Se o tribunal francês entendeu q a FIA n tem competência para aplicar sanções q extrapolem o a esfera esportiva, n seria o caso da Mclaren pegar esse precedente e ir buscar seus 100 milhões “perdidos” em 2007 de volta?

    Publicado por Leandro Magno | 12/04/2010, 6:03 pm
  14. “Se o tribunal francês entendeu q a FIA n tem competência para aplicar sanções q extrapolem o a esfera esportiva, n seria o caso da Mclaren pegar esse precedente e ir buscar seus 100 milhões “perdidos” em 2007 de volta”

    Leandro.

    “Se o povo soubesse como são feitas as leis e as salsichas, não dormiria tranqüilo” – Otto Von Bismark

    Deixa esse negócio pra lá, saiu até barato pra Mclaren.

    Publicado por Claudemir Freire | 12/04/2010, 6:09 pm
  15. “A biografia dele será até mais interessante que a do Rubinho, por exemplo…”

    É evidente que sim!
    Entre outros temas ele poderá escrever à respeito do sentimento de bater Schumacher em 2006. rs…

    Mas, permanecendo no assunto, realmente o Piquet Jr. foi o único que se queimou. Por fazer parte do jogo de equipe (participando da canalhice) e por, depois, querer entregar tudo, simplesmente por vingança e revanchismo.

    Publicado por zezinho | 12/04/2010, 6:10 pm
  16. Se o tribunal francês entendeu q a FIA n tem competência para aplicar sanções q extrapolem o a esfera esportiva, n seria o caso da Mclaren pegar esse precedente e ir buscar seus 100 milhões “perdidos” em 2007 de volta?

    É, seria… na verdade, a McLaren resolveu não recorrer à justiça comum e aquietar-se já que no regulamento da FIA há cláusulas que permitem à entidade banir uma equipe ou indivíduo que recorrer à justiça comum.

    O Flavio já era um cadáver banido do esporte e que resuscitou pelas mãos da justiça francesa. No caso da McLAren, a equipe tem como negócio primário a competição, não havia como esperar a decisão na justiça comum.

    Publicado por Becken Lima | 12/04/2010, 6:13 pm
  17. Ah… então o nelsinhochashgate ficou sem punidos?
    Então me diga.
    Quem ficou marcado para todo o sempre na categoria?
    Quem ficou com fama de dedo duro, mesmo tendo feito um bem enorme a categoria denunciando um chefe de equipe safado?
    Nelson Piquet Jr foi o unico punido (ainda que de forma branca) nesta sujeira toda.
    São coisas assim que nos fazem repensar os laços de afeição com um esporte.
    Até hoje não engulo o futebol por conta do brasileiro de 05

    Publicado por Ron Groo | 12/04/2010, 6:16 pm
  18. Discordo Becken.

    O que a Mclaren fez foi não querer atrair mais publicidade negativa a ela e seus parceiros que estavam chiando por estarem envolvidos indiretamente no caso.

    Assim aceitou a punição, tirou seu dono do cargo de carridas (exigência de Mr. Mosley) e tocou o barco, afinal ela sendo culpada ou inocênte sua imagem já estava extremamente desgastada, e ir a justiça comum para alongar o caso causaria a saída de alguns parceiros de longa data, então foi melhor o sistema de controle de danos que usaram e o que permitiu apenas que não fossem pagos os 100 milhões de direitos que a equipe tinha na época (não saiu nenhum dinheiro dos cofres da equipe) perdeu os pontos de construtores e ao fim da temporada de 2007 ninguém mais lembrava do Stepneygate, somente de Alonso, Kimi e Hamilton brigando pelo título.

    E reativar tudo isso só causaria desconforto na nova era em que a F1 pode vir a entrar com Todt no poder.

    E banir por banir já ficou claro que a FIA não pode mandar o Briatore catar coquinhos, mas impedir uma equipe_empresa de participar do mundial isso eles podem, e como podem, e nem a justiça da Suíça restituíria o lugar da Mclaren no grid.

    Publicado por Claudemir Freire | 12/04/2010, 6:27 pm
  19. Claudemir – não há pontos de discordância em nossos comentários… ;)

    Publicado por Becken Lima | 12/04/2010, 6:29 pm
  20. “É, seria…”

    Me referia a esse pequeno texto, rsrs.

    No mais concordo e concordamos nos estragos que poderiam causar a equipe uma incursão a justiça comum.

    Eu dizia na época que não deveria haver punição alguma para a equipe, mesmo que provassem tudo, achava que apenas os pontos e uma multa estaria de bom tamanho, depois de 1980 é impossível pensar num mundial de F1 sem Mclaren.

    Ficariamos orfãos de uma das mais espetaculares equipes, que sempre esteve apostos a disputar pontos com Williams, Ferrari, Brabham e Lotus, por pura politicagem.

    Publicado por Claudemir Freire | 12/04/2010, 6:40 pm
  21. “achava que apenas os pontos e uma multa estaria de bom tamanho”

    Retificando.

    Achei que apenas os pontos e a multa estava de bom tamanho.

    Volta pra escola…

    Publicado por Claudemir Freire | 12/04/2010, 6:48 pm
  22. A impressão que fica é que Todt quer apagar os rastros da festão Mad Max a qualquer custo, mesmo que isso signifique a volta de alguns fantasmas.

    Claro, não esqueçam do Bernie, sempre ele…

    Como será que eles voltam? Briatore está quase certo em assumir a parte comercial, inclusive recebeu um convite de… é, ele mesmo. Depois que o Stepney esteve cogitado a trabalhar com os piratas sérvios, o caminho de Symonds parece mais ou menos livre… a questão é onde ele se encaixaria. Até um time pequeno como a Hispania possui um Geoff Willys… então, Pat who?

    Só sei que não teve nenhum coitado nessa história.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 12/04/2010, 6:57 pm
  23. Ops… “festão” não, gestão.

    Festão foi aquilo com as barangas sadô-masô, HAHAHAHAHAHA!!!!

    Publicado por Vitor, o de Recife | 12/04/2010, 6:59 pm
  24. Becken, uma matéria interessante que pode elucidar alguns “causos” financeiros da categoria.

    http://maquinadoesporte.uol.com.br/v2/noticias.asp?id=15962

    Publicado por Claudemir Freire | 12/04/2010, 7:10 pm
  25. Alguém compraria um F1 usado do Briatore?

    Publicado por Mauro Brisola | 12/04/2010, 7:20 pm
  26. Foi uma briga em que quase todos perderam. Uns perderam mais, outros perderam menos.

    Um cara que só perdeu foi o Carlos Ghosn, que teve que “aguentar” o investimento em F1 por mais um ano baseado em resultados que não existiram.

    O NAP, se queimou todo. Saiu com fama de roda presa, com fama de mau-caráter, com fama de dedo-duro, e ainda com fama de Veado. Mas ganhou mais um ano de contrato por causa da batida. Não podemos nos esquecer disso.

    O Briatore, ganhou mais um ano na F1 com a batida, mas saiu pela porta dos fundos. Gastou uma fortuna com advogados. Mas ao que tudo indica, vai assumir o filé do negócio. Ele vai pegar o lugar do Bernie. Pra mim no frigir dos ovos, ele vai se dar é bem.

    E pra finalizar, o grande ganhador no negócio foi ninguém menos que quem????!!! O senhor Fernando Alonso….Um gênio dentro das pistas, um biltre fora delas.

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 12/04/2010, 9:17 pm
  27. Becken,

    me salva aí??? Fiquei na cerca. Se bem que eu acho que dei uma abusada no comentário…

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 12/04/2010, 9:19 pm
  28. Becken,

    Eu acho que muitas vezes acabamos misturando “alhos com bugalhos”…

    O Briatore a o Symonds tiveram uma pena, ainda que agora reduzida, e o Nelson Ângelo Piquet se beneficiou da delação premiada e não teve nenhuma punição FORMAL.

    Fala-se muito na PENA INFORMAL que o filho do Piquet teve, afinal que equipe da F1 estruturada e que não precise de dinheiro vai um dia querer lhe contratar ??? Nelson Ângelo apenas colheu o que semeou….

    Mas olhando o outro lado : Será que alguma montadora ou empresa séria vai querer UM DIA SE ASSOCIAR A BRIATORE ??? Ele era o chefão da Renault e um dos poderosos da categoria e perdeu completamente sua autoridade moral.

    Essa história que ele seria o sucessor de Eclestone e que o baixinho até já fez um convite não cola. Alguém acha que um dirigente que protagonizou um escandalo daquela dimensão, foi demitido da Renault e punido com o afastamento por 3 anos VAI COMANDAR OS CONTRATOS DE BILHÕES DE DÓLARES DA F1 ???

    Claro que tudo não passa de uma forma de colocar panos quentes e tirar o assunto de evidência para não causar mais danos comerciais a F1.

    Briatore até pode um dia, por vaidade e para tentar demosntrar poder, montar uma equipe na categoria, mas jamais voltará a ter a importância e a influência que um dia teve.

    Da mesma forma Nelson Ângelo poderia ter comprado uma vaga na categoria em uma equipe nova ou até mesmo na Sauber, mas o sonho de um dia se destacar e ser contratado por uma Ferrari ou Mclaren agora é apenas isso : Um sonho.

    Falta a Briatore e Nelson Ângelo uma coisa que conta muito em qualquer lugar e nenhum tribunal pode lhes tirar ou conceder : CREDIBILIDADE.

    É óbvio que por ser mais novo existe uma tendência ao filho do tri-campeão conviver com essa sombra por mais tempo, entretanto por outro lado essa sua “juventude” acaba por lhe dar o benefício da “juventude e falta de maturidade” no caso. Briatore não tem esse atenuante para tentar justificar seus atos.

    Symonds por ser um técnico tem uma tendência a chamar menos atenção e pode até um dia voltar para uma equipe, mas também jamais vai desfrutar do prestígio que um dia teve.

    Cingapura 2008 foi uma corrida que não teve vencedor. Nem Alonso pode considerar que venceu aquela corrida, ainda que nas estatísticas seu nome esteja no lugar mais alto da lista.

    Perderam todos. Briatore, Symonds, Nelson Ângelo, a Renault e o Automobilismo.

    Um abraço,

    Sirlan Pedrosa

    Publicado por Sirlan Pedrosa | 13/04/2010, 12:41 am
  29. Sirlan,

    Perfeito seu comentário. Mas permita-me discordar de um ponto.

    Credibilidade é conquistada e construida com o caráter. Caráter e hombridade não é uma virtude muito presente no meio comercial da F1, e isso não é novidade para ninguém.

    O Briatore é um ás dos negócios, este mérito não podemos lhe tirar. Essa volta pelos fundos que ele costurou, só foi possível por ele ser muito habilidoso.
    Bernie sabe disso. Bernie também está meio cansadão. Nem em todos os GPs ele vai mais. Aliás, dizem que ele chega, comprimenta todo mundo, é dada a largada, e duas voltas depois ele sai fora.
    Ele precisa de um cara com a mesma habilidade que ele para a condução dos negócios para lhe garantir uma aposentadoria tranquila.
    E Credibilidade? Ele nem precisará dela, se tiver as rédeas do jogo nas mãos.

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 13/04/2010, 8:55 am
  30. Com o apoio da FIA e a liberação de Briatore, penso que uma nova versão deve aparecer por parte do Angelo.

    O garota e piloto Angelo, devido ao grande stress na época, entrou em parafuso, depois que ficou sabendo que iam dispensa-lo, mesmo ele mostrando toda a suas qualidades como piloto, nervoso o piloto que tinha certeza que na próxima corrida, ele não só iria superar o seu companheiro, mais colocaria no mínimo meio segundo de vantagem em cada treino, triste com a injustiça, inventou tudo, agora, depois que ele descobriu a melhor categoria do automobilismo que está nos USA e refletindo da maldade que fez com o grande empresário, seu tutor, amigo, o santo chefe Briatore, vem a publico informar que recebeu apoio para falar essas mentiras do monstro e chefão da Máfia, o nazista e ex presidente da FIA, o senhor Morlley, com o único intuito de rachar o grupo liderado pelo correto e leal, Briatore!

    Publicado por Luiz Sergio | 13/04/2010, 9:31 am
  31. Que o Nelsinho foi de uma ignorância sem tamanho não há dúvidas…

    Que Nelsinho plantou sua exclusão da categoria ao aceitar o papel de picareta e depois delatar a equipe, não há dúvidas…

    Que o Nelsinho demonstrou uma falta de personalidade e uma falha de caráter também não
    há dúvidas…

    Mas, daí a querer colocá-lo no mesmo saco do Briatore e inocentar o Alonso já é demais!

    Vamos ser coerentes e analisar os fatos com mais justiça e menos paixão.

    Lanço então minha humilde opinião:

    Nelsinho foi vítima de um tremendo assédio moral por parte de Briatore, e, se tem alguém que merecia a pena de banimento, esse alguém é o Briatore, arquiteto da idéia e razão maior para a ocorrência do episódio.

    A fraude não foi idéia do Nelsinho e ele foi claramente coagido a fazê-lo (o que não o isenta de responsabilidade, mas atenua), aceitando por ser um cara sem personalidade, sem força para arriscar seu posto na Renault e tentar a sorte na categoria em outra equipe.

    E o maior pecado do Nelsinho não foi participar da fraude arquitetada pelo Briatore, seus maiores pecados foram:

    a) Participar da fraude para dar a vitória ao companheiro de equipe e não para benefício próprio (demonstrando total subserviência ao poder de Briatore e Fernando Alonso na Renault e uma tremenda falta de personalidade) ;

    b) Depois de aceitar e realizar sua nojenta participação no episódio, ganhando mais um ano de contrato sob péssimas condições, delatar a equipe por vingança, apenas porque seria preterido.

    Ou seja, a história está cheia de casos em que os competidores utilizaram de procedimentos ilícitos e condenáveis para superar adversários (Prost, Senna, Schumacher, Hamilton), mas ela faz vista grossa para os campeões que o fizeram na busca pela vitória.

    A verdade é que piloto sem personalidade nunca será visto com bons olhos na categoria, ainda mais se for um delator, X9, traíra.

    Além disso, devo dizer com todas as letras que Briatore jamais faria um plano desses sem consultar e obter o aval de Fernando Alonso, isso seria um suicídio, seria arriscar muito sem ter certeza do resultado.

    Apesar de minha formação sempre me levar a defender a presunção de inocência, qualquer pessoa com um pouquinho de experiência sobre a vida sabe que Alonso jamais ficaria sem saber do plano de Briatore.

    Nesse sentido meu prezado Tomaz, acredito que, como não foram apresentadas provas de que Alonso sabia da farsa, ele não deveria e nem poderia ser punido, mas é inegável que ele teve participação no episódio, sendo o maior beneficiado da estória toda.

    Sei que ele é seu ídolo na F1, e até por sua idade, sei da dificuldade de aceitar uma coisa dessas, mas todos os indícios apontam nessa direção.

    Portanto, não se engane, não há santos na F1 e a corda sempre vai arrebentar para o lado mais fraco, nesse caso, o lado do Nelsinho.

    Publicado por ccregazzoni | 13/04/2010, 12:18 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: