//
você está lendo...
ARTIGOS

Ferrari identifica problemas em motores e pede permissão à FIA para curá-los

Nós estamos discutindo de relance a confiabilidade com uma das razões da liderança da McLaren no momento e é exatamente esse item que Ferrari anda se mexendo para melhorar. Ao que parece, a equipe Rossa diagnosticou os probleminhas que afetaram os seus motores nessas primeiras quatro corridas de 2010. O rumor é que esse problema congênito localiza-se nas “válvulas pneumáticas, de onde anda escapando muito ar durante as corridas.”

Agora, com a identificação do problema em mãos — e devidamente provado sua correlação com confiabilidade — a equipe requisitaria à FIA permissão para fazer novas alterações na arquitetura de seus propulsores.

Para isso, os homens de Maranello precisariam de autorização especial das outras equipes, que “congelariam o congelamento no desenvolvimento de motores” especificamente para a Ferrari curar os seus motores doentes.

O detalhe é que os motores já utilizados por Alonso e Massa seguiriam sem este “check up”, que seria aplicado apenas aos ainda sem quilometragem este ano.

Permissões para alterar a configuração de motores não é artigo raro nestes últimos anos de congelamento de motores. A Renault foi a principal beneficiária de 2008 para 2009, mas a natureza das mudanças era confessamente para equalizar potência, o que não é o caso da Ferrari desta vez.

Discussão

46 comentários sobre “Ferrari identifica problemas em motores e pede permissão à FIA para curá-los

  1. Se um precedente já foi aberto para a Renault, a Ferrari está no seu direito de consertar o problema congênito do seu propulsor. Como a Ferrari está longe se ser a equipe dominante dessa temporada, acredito q a FIA vai conceder a autorização.

    Publicado por Alex-Ctba | 22/04/2010, 3:16 pm
  2. Até onde vai a esportividade? Será que as outras equipes irão concordar? Duvido.

    Publicado por Will | 22/04/2010, 3:25 pm
  3. Becken…será q as outras equipes vão deixar a Ferrari fazer isso?!?!

    Publicado por Gabriel Pogetti Junqueira | 22/04/2010, 3:27 pm
    • Eu acho que sim. Como a própria Ferrari abriu excessão para a Renault, e acho que Toyota, um ou dois anos atrás, é bem provável que agora haja uma retribuição…

      Publicado por Becken Lima | 22/04/2010, 3:31 pm
    • Tenho quase a certeza que por motivo de fiabilidade só é preciso a FIA autorizar a Renault pediu autorização e teve de todas as equipes porque era para aumentar a potência..e são seis pilotos os prejudicados…

      Deixem ou não Alonso ganha deixa voltar a normalidade…

      Publicado por SennaCeccotto | 22/04/2010, 6:05 pm
  4. Não sei de onde ouvi ou li isso……mas me parece que para quesito de confiabilidade pode-se mexer no propulsor

    Publicado por Marcelo (Cascavel) | 22/04/2010, 3:36 pm
  5. Se não houvesse o precedente eu não cederia nem um milímetro.

    Publicado por Anselmo Coyote | 22/04/2010, 3:53 pm
    • Coyotinho

      Esse ódio aos Paisanni, nasceu em Paris, algum lente Corso que os
      odiava, invocação sua ou provocação para mexer as aguas…

      Abraço

      Publicado por SennaCeccotto | 22/04/2010, 4:47 pm
  6. Me soa estranho isso…
    Se tem uma porrada de anos q os motores estão congelados e são construídos a cada ano usando a mesma receita, p q só agora a receita n está funcionando?
    Ou andaram mexendo de 2009 para 2010 e fizeram cagada na tentativa de se igualar aos Mercedes; ou trocaram de fornecedores de peças e se deram mal.
    Acho q a Mercedes veta, na minha opinião.

    Publicado por Leandro Magno | 22/04/2010, 4:37 pm
  7. Tanto faz a F.I.A. deixar ou não; a Ferrari faz o que quiser na base da carteirada mesmo…

    Publicado por Rodrigo Kezen Leite | 22/04/2010, 5:05 pm
  8. Não sei não… posso estar enganado, mas, não acho que as outras equipes deveriam deixar a cosa nostra mexer nos motores, se fez errado, que se ferre…

    Já que não vai dar pro Massa, pelo menos tenho certeza de que não dará também para o Nada Sei.

    Com a regra do motores eu duvido que o Nada Sei possa ser campeão…

    Esse ano é Button, Vettel, Hamilton ou Rosberg (correndo por fora)…

    Publicado por ccregazzoni | 22/04/2010, 5:06 pm
  9. Podem ficar tranquilos, o motor vai ser mexido sim…

    confiem em mim e no Becken…hehehehe

    Publicado por Marcelo (Cascavel) | 22/04/2010, 5:33 pm
  10. A Renault teve um pedido aceito para equalizar um problema dos motores já esse ano, ou seja, fica quase impossível a Ferrari não obter sua mexida.

    Mas se tem uma coisa que não me desce nessa história e essa das valvulas pneumáticas, isso é conversa pra arrumar um erro de projeto deles e da Sauber, porque a Toro não vem apresentando problemas.

    E as demais equipes que andam de Renault, Ilmor-Mercedes e Cosworth não estão se queixando de andar com muita gasolina no carro. Porque se fosse o caso de precisar encher o motor de ar todas teriam os mesmos problemas.

    Só pra lembrar melhor.

    Renault – Nenhuma quebra.
    Ilmor-Mercedes – Nenhuma quebra.
    Cosworth – Nenhuma quebra.
    Ferrari – 5 quebras confirmadas.

    Em 2009 Ferrari se não me engano não teve nenhuma quebra do Ferrari Type 056, e teve 2 em 2008 devido uma camisa de pistão defeituosa.

    Publicado por Claudemir Freire | 22/04/2010, 5:44 pm
  11. pelo menos acharam o defeito. pena que mais um motor vai quebrar de qualquer forma.

    Publicado por andre melo | 22/04/2010, 6:22 pm
  12. Acho que dessa vez nem a Williams reclama. Vai que eles conseguem uma brechinha pra mexer na potência dos Cosworth… bem que estão precisando.

    Publicado por Vitor, o de Recife | 22/04/2010, 8:52 pm
  13. Alguém me explica, por favor…

    Se o desenvolvimento dos motores está congelado, quer dizer que eles não mudaram de 2009 para 2010, certo?

    Então, como os motores Ferrari 2010 dão tantos problemas, se os de 2009 estavam ok?

    Afinal, qual é a vigência desse congelamento? É anual?

    Publicado por zezinho | 22/04/2010, 8:54 pm
    • Zezinho…
      Esses problemas desse ano podem ter ocorrido na usinagem do motor…ou seja…em alguma parte da fabricação das pessas…
      Nao necessariamente ele teve problema por erro de projeto, ou alguma mudança em sua estrutura…

      Publicado por Gabriel Pogetti Junqueira | 22/04/2010, 11:37 pm
    • As vezes esses problemas de 2010 podem ter ocorrido na usinagem do componentes do motor
      E não em seu projeto…mesmo porque o projeto esta congelado

      Publicado por Gabriel Pogetti Junqueira | 22/04/2010, 11:38 pm
    • Há coisas nos motores que podem ser mexidas e outras que não…o Luca Mamorini garantiu que desceu em quase 17% o peso do motor..ficou mais leve neste caso também mais frágil, itens como aumento de potência e aumento de revoluções estão proibidos embora esse segundo seja uma castração no nº até 18.000, e seja para todos iguais.

      Ninguém esqueça da Sauber e da Toro Rosso também motor Ferrari..fazem Lobby too…

      Publicado por SennaCeccotto | 23/04/2010, 7:56 am
  14. becken, fiquei preso
    =/

    Publicado por zezinho | 22/04/2010, 8:55 pm
  15. Bem certo que a Ferrari mexa no motor, afinal quem é o presidente da FIA?

    Publicado por Will | 23/04/2010, 7:54 am
    • Verdade Will, dentre essas e outras que digo que a Ferrari tem certos “previlégios”, creio que essa das “válvulas pneumáticas”, não vai descer pra muita equipe no grid, mas é aquela, um dia pode acontecer comigo, então, liberem…

      Publicado por Jackson | 23/04/2010, 8:15 am
    • Renault e Toyota já fizeram equalizações em seus projetos, sendo que os franceses já fizeram uma esse ano de 2010.

      Pode ser um erro no projeto do carro que está causando esses problemas nos motores e ele precisam arrumar isso antes que o Alonso dê adeus ao mundial, mas que é legítmo o pedido isso é.

      Publicado por Claudemir Freire | 23/04/2010, 8:31 am
    • Will

      O Presidente da FIA é o padrinho do Schuma, de um seus filhos ou filha, de quem disse que era como um filho para ele, visita de casa pode ser que faça um Grand Prix só para ele e assim fica bem classificado, bem com Lotus Virgin e Hispannia mas sem o Kovalainen senão pode estragar a festa..

      Publicado por SennaCeccotto | 23/04/2010, 8:59 am
  16. Pelo que li, o problema é que os motores atuais da formula 1 usam válvulas pneumáticas e possuem um reservatório de ar, que enchia nas paradas dos boxes, como as paradas deste ano são mais curtas, não estaria dando tempo de encher por completo. O que acarreta em um dado momento das válvulas não trabalharem com plena força, quebrando assim o motor.

    Publicado por Mauricio Kushima | 23/04/2010, 8:10 am
  17. Zezinho.

    Os motores foram congelados os seus desenvolvimentos na temporada de 2007, os fabricantes tiveram toda a temporada de 2006 para colocar seus motores a contento e a pré-temporada de 2007 para regulagem dos motores.

    Desde então não podem-se modificar o projeto.

    Publicado por Claudemir Freire | 23/04/2010, 8:21 am
  18. Ninguém diz nada do Button ter chamado Pitbull a seu colega de scuderia…Se fosse o Alonso a fazer isso.
    Tô imaginando as reacções por aqui ” vai chamar cachorro a outro e mais pérolas que por aqui soltam mas isso não é tema..

    Bem parece que essa figura de MANGA- banda desenhada japonesa- do Max Mosley despejou a bílis, na F1 Racing, e está tentando se vingar da Ferrari..o cara parece que usa melhor o chicotinho que o verbo..

    Abraço

    Publicado por SennaCeccotto | 23/04/2010, 8:55 am
    • SennaCeccoto, não li esta declaração, mas se ela existiu, com certeza foi dentro de um contexto amigável, no sentido do Hamilton ser uma FERA, q ataca quem estiver a sua frente, inclusive o próprio Button, como foi na Austrália. Mudando de assunto, vc ficou sabendo q essa semana fez 25 anos da primeira vitória do Senna em Estoril 85 né? Se vc quiser recordar aqueles momentos, eis o link:

      http://www.f1fanatic.co.uk/2010/04/21/25-years-since-ayrton-sennas-first-f1-win-1985-portuguese-gp-flashback/

      Tem um vídeo sensacional, inclusive com uma ótima entrevista do Lauda, antes do início da corrida.

      By the way, nessa corrida o Prost “spun” hehehehe

      Enjoy yourself!!!!!

      Publicado por Alex-Ctba | 23/04/2010, 9:30 am
    • Alex-Ctba

      Isso é um presente, um obséquio e uma prenda inestimável..Nunca esquecerei.Vale bem uma futura amizade.

      Abração

      Jantar com a Monica e Scarlett não está esquecido.

      Publicado por SennaCeccotto | 23/04/2010, 1:32 pm
    • Not at all! ;)

      Publicado por Alex-Ctba | 23/04/2010, 2:44 pm
  19. Será que a Ferrari nao vai aproveitar a deixa da desculpa de confiabilidade e dar uma melhorada no consumo na surdina ?

    Publicado por Joao | 23/04/2010, 10:21 am
    • Na verdade, a Ferrari já fez isso na pré-temporada e é bem provável que tenha feito alguma “cáca” no processo…

      Publicado por Becken Lima | 23/04/2010, 10:23 am
    • Como foi isso Becken?

      Publicado por Will | 23/04/2010, 11:29 am
    • Pensando no consumo de gasolina com a nova regra da F1 que proíbe o reabastecimento a partir desta temporada, a Ferrari e a Shell decidiram utilizar um combustível especial derivado do etanol de celulose, um biocombustível avançado de segunda geração.

      O uso desse tipo de combustível é apoiado por Al Gore, ex-vice-presidente dos EUA, ferrenho ativista das questões do meio ambiente e defensor de ações que impeçam o aquecimento global do planeta.

      O combustível garante o máximo de rendimento aos carros da equipe italiana com menores emissões de gás carbônico do que a gasolina normal. De acordo com a Shell, a contaminação cai em torno de 90%.

      A origem do biocombustível da Ferrari vem da palha de cereal não-comestível. Através de um complexo processo de conversão em uma planta em Ottawa, no Canadá, esse componente se transforma no etanol proveniente da celulose que é utilizado nas F10.

      A Shell e a Ferrari estiveram trabalhando com esse projeto desde meados do ano passado, até conseguir o resultado desejado: um combustível altamente eficiente, pouco contaminante e que cumpre as regras da categoria.

      Além disso, a fabricação desse tipo de etanol é muito barata, até mesmo gratuita.

      http://www.metalsinter.com.br/noticias.asp?IDNews=1837

      O problema é no projeto do carro e no motor, a gasolina pelo visto é a melhor da categoria.

      Publicado por Claudemir Freire | 23/04/2010, 11:42 am
    • Muito Interessante Claudemir, desconhecia essa da Shell.

      Abs

      Publicado por Alex-Ctba | 23/04/2010, 2:46 pm
    • Acha que paisanni está dormindo?

      Publicado por SennaCeccotto | 23/04/2010, 1:34 pm
    • João

      Acha que paisanni está dormindo?

      Publicado por SennaCeccotto | 23/04/2010, 1:34 pm
  20. Tá difícil comentar com esse Askimet, ele enrosca tudo… :(

    Publicado por Claudemir Freire | 23/04/2010, 11:59 am
  21. Esta aqui a entrevista do Jenson.
    http://www.autosport.com/news/report.php/id/83065
    Penúltimo parágrafo

    Em Inglaterra e em todo o Reino Unido, cachorro, cavalo, gato, pato, ganso,coelho de angora e sem ser de angora, porquinho tudo o que possa imaginar como “pet”. É estimado e tratado como se fosse quase gente. Existe até ACT de Defesa dos Animais avançadissima com penas para quem mal-trata que vai até prisão. Irlandês cria cavalo em quintal e quando vende até chora..Aliás é inacreditável todo Irlandês cria cavalo.

    Publicado por SennaCeccotto | 23/04/2010, 1:50 pm
    • “It’s good to have a team-mate who’s that competitive. The guy will never give up. He’s like a pit-bull. He will never give up. He is going to fight until the end and I love having a team-mate who’s like that. He’s amazingly quick. He’s an exceptional driver”

      Como eu imaginava, foi um baita elogio. Button é realmente um “nice guy”.

      Abs

      Publicado por Alex-Ctba | 23/04/2010, 2:49 pm
  22. A FIA está, claramente, mais liberal e mais flexível com os regulamentos sobre a batuta do Jean Todt, depois de muitos anos sob o “chicotinho” do Mosley.

    De tanto ouvirem queixas sobre a falta de competitividade da categoria, qualquer coisa que se aproxime deste objetivo está sendo tratado com mais benevolência, aparentemente.

    A Ferrari deverá ser beneficiada quanto aos seus motores, seguindo essa linha de raciocínio. O Hamilton e pilotos ousados, quaisquer que sejam eles, estão recebendo, mesmo que discretamente, um tratamento mais permissivo.

    Para o bem do esporte, em todos os sentidos, espero que a FIA saiba dosar essa atitude. O tal de “nem tanto ao mar, nem tanto à terra”.

    saudações

    Publicado por celso gomes | 24/04/2010, 12:20 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: