//
você está lendo...
ARTIGOS

Massa furioso no rádio no momento da ultrapassagem de Alonso

A BBC descobriu que, no momento em que era ultrapassado por Alonso, Felipe Massa fez duas coisas: primeiro, teve presença de espírito para avisar à equipe que era melhor preparar os pneus de Alonso ao invés dos seus; depois praguejou, em alto e bom som, via rádio, para que a equipe soubesse de seus sentimentos naquele momento.

Para quem ficou curioso com essa revelação, é bom saber que hoje a FOM tem, sob contrato, as transmissões de rádio de todas as equipes à disposição.  Geralmente, a equipe responsável pela transmissão escolhe algumas ao longo de cada corrida, o resto, dependendo da importância, acaba sendo usada para rechear e dar um tom dramático àqueles sumários em vídeos que são publicados uma semana e meia depois de cada prova no Formula 1 dot com.

Eu espero ansioso pelo vídeo da China por que esse ano outra transmissão foi ao ar sem o menor pudor na delicada conversa entre Lewis Hamilton e os boxes da McLaren. Lewis estava furioso, perguntando de quem houvera sido ideia de sua segunda parada. Tacitamente, a equipe respondeu: “a estratégia foi uma decisão da equipe.”

Será que a FOM tem coragem de pôr a fúria de Massa no ar nos próximos dias? Fiquem de olho no http://www.formula1.com.

Discussão

63 comentários sobre “Massa furioso no rádio no momento da ultrapassagem de Alonso

  1. menos mal para o pessoal que é fã do felipe

    Publicado por wilson | 24/04/2010, 3:00 am
  2. Pô Becken!!!
    Tá aí uma coisa que me perguntei na hora que vi a ultrapassagem: Será que uma hora vai vazar o rádio do Felipe??
    Se o áudio for divulgado e vier cheio daqueles “PIIIII” que se usa pra colocar em cima de expressões pecaminosas, eu volto a botar fé no Massa.
    Ou não…pois as atitudes falam mais alto do que as palavras.

    Publicado por Mauro | 24/04/2010, 3:46 am
  3. É bom saber que ainda há sangue nos olhos do FM. Espero que ele transfira todos estes palavrões para a pista.
    Aliás, é o que ele deveria ter feito naquela entrada de boxes, deveria ter mantido a sua trajetória, e o FA que se virasse para achar um buraco pra ele passar. O FA que falasse os palavrões por ter a porta fechada.
    Mas o campeonato está apenas começando, e a Ferrari, apesar da prova ruim na china, não é carta fora do baralho não. Então espero que essa “bolada nas costas” que o FM tomou, sirva pra ele acordar e lembrar que o campeonato não é só o Alonso, então ele deve se concentrar nas pistas, e demonstrar que ele pode dar a volta por cima.

    Fernando

    Publicado por Ffigueiredo | 24/04/2010, 7:42 am
  4. O Massa ainda foi gente boa, antes de brigar avisou a equipe pra mudar os pneus para o Alonso.

    gente boa até nessas horas

    Publicado por Marcelo (Cascavel) | 24/04/2010, 8:03 am
    • É Marcelo, ele foi gente boa sim..
      MAs se pensarmos ele pensou rápido, e pensou rápido na corrida dele!!!
      PEnse bem…estando atrás de Alosnos, qnto mais demorasse o pit de Alonso mais iria demorar o dele também!!!
      POrtanto Massa também foi esperto! pensou no desempenho dele tbm…
      Muita gente falou q Alonso tem a vontade de vencer, aquela vontade de campeão… MAs massa tbm tem

      Publicado por Gabriel Pogetti Junqueira | 24/04/2010, 9:11 am
    • Exato. Mais do que “espírito de equipe”, foi inteligência em preservar sua corrida, já prejudicada.

      Publicado por Vitor, o de Recife | 24/04/2010, 10:22 am
    • Ele não brigou, gritou com ele mesmo, desabafo para acordar. E a história dos pneus é por causa disso mesmo ele não queria perder mais tempo do que já tinha perdido pelo erro..

      Publicado por SennaCeccotto | 24/04/2010, 11:51 am
    • é engraçado, to até imaginando o audio:

      “Massa: Mrs alonso, como eu dei uma escorregada ali na curva e vc ja ta na minha frente, eu avisei a equipe pra ir preparando seus pneus”;
      Alonso: “Ohhh massa, te agradeço muito, mais antes de te passar eu ja tinha avisado e meus pneus ja estão la, antes mesmo de eu entrar nos boxes…, mesmo assim agradeço muito”

      Puts, só sendo ironico mesmo, achar que a equipe trocou os pneus SÓ PQ O MASSA avisou, e claro que o alonso nem tem rádio não é?

      Abraço

      Publicado por Anderson Dorneles | 24/04/2010, 2:20 pm
  5. conversas de rádio normalmente são criptografados. Somente aqueles que são ouvidos estão abertos.

    Publicado por go_ferrari | 24/04/2010, 8:21 am
  6. Gente boa ganha campeonato? Espero que sim, mas lembrando no Barrichello, dá um certo medo.

    Publicado por Alfred Newman | 24/04/2010, 9:07 am
    • Alfred Newman

      Ganha sim

      Jenson Alexander Lyons Button

      Publicado por SennaCeccotto | 24/04/2010, 3:42 pm
    • Mas quando o Button ganhou o teamate dele é o Barrica…aí a competição para ser bom moço tava horrível!

      Publicado por Will | 26/04/2010, 10:08 am
  7. Massa, seja um cavalheiro , não um mesquinho .
    Não seja impaciente . Não tenha em mente apenas ganhos pequenos .
    Se você for impaciente , não atingirá o seu objetivo .
    Se tiver em mente apenas pequenos ganhos , as grandes missões não serão compridas .

    Publicado por Bernadht | 24/04/2010, 10:50 am
  8. Humm, está tudo sob a pele.

    Parece a música “Força Verde” de Zé Ramalho, quandoa a ira ficar intensa…

    That’s F1, Guys!

    Publicado por Alexandre Gomes | 24/04/2010, 11:28 am
  9. O Massa ficou revoltado pq errou e permitiu a manobra do bicampeão e melhor da atualidade, Alonso? Só lhe resta uma chance: batê-lo em pista e parar de chorar!

    Publicado por Ylan Marcel | 24/04/2010, 11:32 am
  10. Bom dia Meus F1 Freaks Like Me

    Massa estava furioso com ele mesmo por ter cometido a mancada de falhar ao entrar na Box.

    Publicado por SennaCeccotto | 24/04/2010, 11:43 am
    • SennaCeccotto, concordo plenamente, e essa ira ele transmitia em seus comentários pós corridas, mas agora ele está se ponderando pelo menos em frente as telinhas, mas no rádio mostrou novamente como é… querendo colocar a culpa no espanhol pelo erro dele.

      Publicado por Jackson | 24/04/2010, 6:04 pm
  11. Inteligente da parte do Massa pedir para trocarem os pneus para os pneus do Alonso, mas mais do que simples inteligência, ele tinha que fazer isso, senão ou perderiam muito tempo na parada do Alonso, ou ainda pior.. colocariam os pneus do Massa no carro do Alonso e vice-versa (da ferrari, não duvido nada..)

    Publicado por Rennan | 24/04/2010, 11:44 am
  12. “At least, he have balls”.

    saudações

    Publicado por celso gomes | 24/04/2010, 12:05 pm
  13. Então Dominicalli disse a Massa : ” Quem é o melhor piloto, você ou Alonso ? ”
    ” Como eu ousaria me comparar a Alonso ? Quando lhe é dita uma coisa , ele compreende cem coisas . Quando me é dita uma coisa , eu entendo apenas duas . ”
    Então Dominicalli disse : ” De fato , você não é tão bom quanto ele .
    Nenhum de nós dois é tão bom quanto ele . “

    Publicado por Bernadht | 24/04/2010, 12:07 pm
  14. BEHIND THE SCENES AT CHINESE GRAND PRIX
    (vamos ser polémicos para ter muitos leitores e ainda ajudamos os nossos, um dos fitos da grande mídia britânica)

    O artigo do site nem sequer disfarça até chama atenção para Nürburgring 2007. Objectivo deitar lenha na Ferrari.

    Behind the scenes, tradução literal, Bastidores, dizer o que nos aprouver porque não pode ser confirmado, nem vai ser desmentido.Isso tem um nome em português.

    Publicado por SennaCeccotto | 24/04/2010, 12:16 pm
    • vamos ser polémicos para ter muitos leitores e ainda ajudamos os nossos, um dos fitos da grande mídia britânica

      ;)

      Publicado por Becken Lima | 24/04/2010, 12:44 pm
  15. O Massa ficou revoltado pq errou e permitiu a manobra do bicampeão e melhor da atualidade, Alonso? Só lhe resta uma chance: batê-lo em pista e parar de chorar!

    Eu sinceramente não vi o Massa chorar. Muito pelo contrário, adotou uma postura muito madura diante do caso.

    Estourou na conversa de rádio (possivelmente), mas qualquer teria uma reação do tipo naquele momento. Estavam no calor da corrida. Estranho seria se ele tivesse aceitado numa boa.

    Mas claro que a resposta precisa vir na pista. O que apimentará bastante as coisas em Barcelona. Será que teremos o Massa “win or wall” de volta?

    Publicado por Willian | 24/04/2010, 1:31 pm
  16. Ah, falando de polêmicas na imprensa, olha só que “bacana” a matéria do MARCA:

    “El día que Alonso acabó con Schumacher”

    “…Hoy se cumplen cinco años de aquel momento, y la vida de Alonso y Michael Schumacher ha cambiado radicalmente. En 2005 y 2006 la irresistible ascensión del asturiano acabó con la paciencia de ‘El Káiser’, que optó por retirarse…”

    LINK: http://www.marca.com/2010/04/24/motor/formula1/zona_alonso/1272106486.html

    Inspirador.

    Junta-se ao “Por que no te callas” direcionado ao Massa meses atrás:

    http://www.elmundodeportivo.es/gen/20100211/53889159397/noticia/por-que-no-te-callas.html

    Publicado por Becken Lima | 24/04/2010, 1:37 pm
    • Há de ter alguém de livrar a imprensa espanhola do fanatismo .
      Sempre ocorre nessa imprensa que sem o olhar acurado da verdade , ou do oportunismo gratuito do orgulho , muitos jornalistas se arvoram do poder de posse dos donos da verdade a fazerem reportagens gratuitas e inoportunas , desprovidos de um estudo real ou um trabalho de campo comprometido com a realidade dos fatos .
      Essa imprensa é uma vergonha !

      Publicado por Bernadht | 24/04/2010, 2:54 pm
    • Bernadht

      Conhece-te a ti próprio..

      Galvão Bueno esse pioneiro do Jornalismo isento e sem ponta de fanatismo, repórter probo e oportuno.

      A Globo onde não se faz essa primízia mundial de não nomear as empresas pelo seu verdadeiro nome para lhes fazer publicidade, e quem a acusar de patriotismo estará dizendo a mais vil das mentiras.

      Toda essa mídia é um exemplo.
      Nem sei quem devia ter vergonha.

      Publicado por SennaCeccotto | 24/04/2010, 3:19 pm
    • Falar de galvão é perda de tempo mas … esse não aprendeu para ganhar conhecimento e se instruir , mas para poder tagarelar e para ganhar ares de importante tem em mira apenas a informação , não a instrução .
      Diante da sua ” imponente ” erudição desse tal sabichão , às vezes digo pra mim mesmo : Ah , esse elemento deve ter pensado muito pouco para poder ter ” entendido ” tanto ! .
      Fui compreendido ?

      Publicado por Bernadht | 24/04/2010, 4:17 pm
    • Com certeza se formos procurar em todas as mídias encontramos exemplos de chauvinismo e tentativas de defender ” our owns ” e atacar os adversários mas ninguém me vai ver fazendo isso……

      Publicado por SennaCeccotto | 24/04/2010, 3:07 pm
  17. O Gaúcho e o Rio Grande

    Já era quase noite e não se via mais as coisas que não se encontravam na contra a última réstia de luz do dia. Um gaúcho atravessava um grande rio montado em seu cavalo, tangendo orgulhosamente suas reses. O cavalo assustou-se não se sabe com o quê e, num salto, derrubou o gaúcho. O rio era caudaloso, com forte corrente, e o gaúcho não sabia nadar. Dar braçadinhas na macia água do riacho não era coisa para gaúcho macho, mas para mulherzinha.

    Afogando-se, sendo virado de ponta-cabeça, voltando à posição normal, indo ao fundo, ora voltando à superfície, o gaúcho já soltando água até pelos ouvidos, num último e valente esforço, disse: Te cuidas, rio grande, senão eu lhe bebo todo!

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 24/04/2010, 2:27 pm
  18. Massa tem que estar furioso é na pilotagem daqui pra frente, e nao dar mole pro nada sei, Ferrari, piloto brasileiro dando mole pro companheiro de equipe…. ja vi esse filme antes.

    Publicado por Lucas Túlio | 24/04/2010, 3:50 pm
  19. Deveria. Para essa falcidade dos pilotos na frente da câmera fzendo joguinho parar. O massa devia ter falado um monte

    Publicado por Rodrigo | 24/04/2010, 6:02 pm
  20. A BBC descobriu o que todos já sabiam.

    É obvio que Massa ficou furioso com Alonso.
    Mas o importante agora é se concentrar no trabalho, colocar uma pedra sobre esse assunto e quando surgir uma oportunidade dar o troco.

    Publicado por Beatle Ed | 24/04/2010, 6:10 pm
  21. “…e quando surgir uma oportunidade dar o troco.”.

    A idéia é boa, mas não viajemos. Não vai haver oportunidade nenhuma pra dar o troco e é nisso que o Massa tem que pensar. O Nada Sei não tem histórico de vacilos erros. Passou, perdeu e fim de papo.

    Agora é zerar a mente e partir pra cima com um modo de pensar e agir adequado às circunstâncias desta temporada. O Massa teve um companheiro ético. Teve. Acabou. Na F1 não existe mais ninguém assim.

    Então é preciso se antecipar e não ficar esperando o trem passar. Esses pequenos detalhes é que fazem a diferença num esporte onde milésimos de segundos separam o céu do inferno.

    O Massa é bom piloto e não se discute. A questão é a cabeça, o instinto, a coragem de ligar o foda-se em looping e fazer o que tem de ser feito.

    Abs.

    Publicado por Anselmo Coyote | 24/04/2010, 7:03 pm
    • Grande Coyote,

      Melhor análise impossível.

      Quanto à imprensa espanhola, melhor nem comentar, os cara são tão ridículos, tem tão pouco conhecimento de F1, que fazem o Galvão parecer um sujeito isento e imparcial.

      A imprensa brasileira tem seus defeitos, mas é infinitamente superior à espanhola. Lívio, Ico, Mota, Reginaldo são prova disso.

      Aliás, um blog como o F1Around seria quase impossível na espanha, o fanatismo cega os súditos de Juan Carlos mais do que cega qualquer povo.

      Publicado por ccregazzoni | 24/04/2010, 7:30 pm
  22. Obrigado, Cassius.

    Publicado por Anselmo Coyote | 24/04/2010, 7:47 pm
  23. Como Relembrar é viver, posto aqui o historico Sabado de Qualify da Hungria 2007:

    Foi no sábado, durante o Q3, última etapa da classificação para a corrida. No momento de fazer a última troca de pneus para tentar a última volta rápida, Fernando Alonso fica parado no box da equipe McLaren, mesmo já tendo recebido autorização para seguir. As imagens são curiosas: os mecânicos (todos de mãos levantadas, num sinal de que já haviam terminado o trabalho de troca de pneus) se entreolham enquanto Alonso continua parado. Atrás do espanhol, esperando vaga para fazer seu pit stop, estava Lewis Hamilton.
    A cena havia sido programada por Alonso para impedir Hamilton de fazer sua volta rápida. O espanhol ficou obstruindo o box da McLaren com o objetivo de atrasar a volta de Hamilton a pista e fazer com que o inglês não pudesse abrir sua volta rápida. Alonso conseguiu o que queria.

    A confusão da classificação no gp húngaro tem uma trama um tanto complexa: o leitor deve se lembrar que Alonso foi contratado pela McLaren a toque de caixa, trazendo para equipe alguns patrocinadores, e que o espanhol esperava ter as regalias de 1º piloto no time de Ron Dennis. É bom lembrar também que o bicampeão se considerava o fiel da balança que trouxe a McLaren de volta pra briga com a Ferrari, o cara que trouxe “os 6 ou 7 décimos” que faziam a disputa do campeonato estar tão equilibrada àquela altura.
    Lembrando disso, vamos aos fatos: na McLaren em 2007 havia uma alternancia na ordem de saída para o Q3. Em cada gp, um dos dois pilotos tinha o direito de sair dos boxes na frente e fazer a volta primeiro do que o outro. No GP Hungria, era a vez de Alonso. Faltando poucos minutos para o fim do treino, Hamilton estava posicionado a frente de Alonso na pista. Foi o momento em que Ron Dennis interviu, e numa conversa de rádio deu ordens para que Hamilton permitisse a ultrapassagem de Alonso. O inglês se irritou com a ordem, não permitiu a aproximação de Alonso e disparou, via rádio, um recadinho para o chefe: “fuck you!”

    A partir dái o que se viu foi o show de Alonso. O espanhol (que fez valer seu sangue latino fervente) respondeu à insobordinação de Hamilton com a mesma moeda. Fez pirraça no pit lane húngaro e impediu que Hamilton abrisse nova volta. Depois, partiu calmamente para cravar a pole position do GP Hungria.

    Mas (sempre há um “mas” nesses casos) Alonso não se deu tão bem. As imagens (televisionadas, expondo para o mundo o estado de guerra dentro da equipe. Se cobrisse virava circo, se cercasse virava hospício) de Alonso parado, impedindo Hamilton de continuar seu treino foram interpretadas pela FIA como “atitude anti-desportiva”. O espanhol perdeu 5 posições no grid e a pole caiu no colo do segundo colocado. E quem era o segundo?

    Depois da corrida o Ron Dennis deu uma declaração curiosa: “era mais fácil controlar Senna e Prost”, disse o dirigente, fazendo alusão aquela que talvez foi a maior rivalidade da história da Fórmula-1 e que ocorreu também dentro da equipe McLaren. Tal como na briga entre Senna e Prost (depois de fechar Senna na chicane em Suzuka, provocar uma batida e sagrar-se tricampeão, Prost não tinha mais o apoio da equipe e saiu da McLaren), Alonso se viu sem clima na equipe. Depois do episódio em Hungaroring, ficou claro para a F-1 que a saída do espanhol da McLaren era só questão de tempo.

    Publicado por Sheldon | 25/04/2010, 12:25 am
    • SHELDON

      Quem mandou o Alonso fazer a esperada-bloqueamento foi o próprio Ron Dennis..

      Publicado por SennaCeccotto | 27/04/2010, 11:45 am
    • SennaCeccotto, isso é verdade???

      Não quero defender Alonso-sonso, mas todos viram do que ele é capaz quando alguém é capaz de supera-lo, ele faz de tudo pra vencer…

      Publicado por Jackson | 27/04/2010, 2:10 pm
    • Jackson – Vc pode tirar suas próprias conclusões pela reação do Ron Dennis com o “fisio” do Alonso:

      Publicado por Becken Lima | 27/04/2010, 2:27 pm
    • Quem desrespeitou o Acordo das saídas primeiro, não vai comentar isso Sr. Dono do Site?

      Quando o Hamilton o superou?

      109/109

      No Colégio onde estudei me ensinaram que isso era empate, sem falar nas diferenças de pressão dos pneus e aleiron partido durante a noite na Box…

      Publicado por SennaCeccotto | 27/04/2010, 2:56 pm
    • Jackson

      2ª parte do comentário é para vc..essa de superá-lo é um mito urbano..

      Publicado por SennaCeccotto | 27/04/2010, 2:57 pm
    • O Jackson não disse que o Hamilton superou o Alonso, sim que ele seria ‘capaz de superá-lo’…

      Publicado por Will | 27/04/2010, 3:24 pm
    • E no final das contas, a questão vai além da matemática. Afinal um rookie empatar com um bicampeão, para mim, é um tipo de vergonha.

      É como se o Benfica empatasse com o Belenenses jogando em casa…um fiasco!

      Publicado por Will | 27/04/2010, 3:29 pm
    • Benfica cara vamos falar de gente séria…

      Publicado por SennaCeccotto | 27/04/2010, 7:21 pm
    • Cecotto, rsrsrsrsrs!!!!

      Publicado por Will | 28/04/2010, 9:20 am
    • Will, concordo com vc… e Alonso sabe o que é “botar” pressão em alguém, ele fez o mesmo com Schumi em 2005 e 2006, sendo que Alonso não era tão rookie quanto Hamilton, quando Schumi estacionou o carro em Monaco em 2006 Alonso reclamou por todos os cantos, agora pergunto. Não será uma atitude parecida de quem estava perdendo terreno????

      Publicado por Jackson | 27/04/2010, 11:26 pm
  24. Sabia que o Felipe latino com é, não teria aceitado barato a situação!!! E to louco pra ver ambos dividirem a primeira fila, e a primeira curva!!! Enfim, o Massa tava respeitando demais o Alonso, inclusive criaram um laço de irmãos onde um defendia o outro das perguntas da imprenssa!!!Agora acho que isso acabou, e como Rubinho afirmou para Felipe Motta, vamos ver se eles se falam no proximo Gp, se não é pq a coisa ta feia, se sim é pq tudo foi resolvido!!!

    Publicado por Sheldonds | 25/04/2010, 2:13 am
  25. “Não vai haver oportunidade nenhuma pra dar o troco e é nisso que o Massa tem que pensar”.

    Oportunidades sempre aparecem caríssimo Anselmo, o segredo é saber quando e como aproveita-las.

    Mas isso a gente só vai saber mais tarde.

    Publicado por Beatle Ed | 25/04/2010, 2:27 am
  26. Não houve descoberta tampouco revelação alguma do repórter do pit-lane da BBC Ted Kravitz (análogo ao Carlos Gil da Globo).

    Trata-se tão somente de uma dedução dele. Vamos à tradução…


    FERRARI

    I understand that Felipe Massa was furious at team-mate Fernando Alonso’s cheeky overtake as they both came into the pit lane. It was all very legal, as the pit lane didn’t start for another hundred metres or so when Alonso made his move.

    Eu entendo que Felipe Massa ficou furioso com a ultrapassagem insolente do seu companheiro de equipe Fernando Alonso quando eles foram juntos ao pit lane. Foi tudo estritamente legal, como se o pit lane não começasse em outra centena de metros ou quando Alonso fez sua manobra.

    But this was not the first time Massa will have experienced the lengths Alonso will go to in order to win.

    Mas esta não foi a primeira vez que Massa sentiu até onde Alonso vai para vencer.

    The two banged wheels when Alonso’s McLaren passed Massa’s Ferrari to win at the Nurburgring in 2007, leading to their famous row in the podium assembly room afterwards. Then there was Alonso’s pass around the outside at Turn One at Bahrain this season. Ferrari’s post race press release tried to play the situation down.

    Os dois toques de roda quando a McLaren de Alonso passou a Ferrari de Massa para vencer em Nurburgring em 2007, levando ao famoso bate-boca na sala de formação do pódio mais tarde. Em seguida, houve a ultrapassagem por fora na curva um no Barein nesta temporada. O comunicado de imprensa pós-corrida tentou pôr panos quentes.

    “It was a normal move and it definitely won’t compromise our relationship”, said Alonso. “It was just a racing incident and there is absolutely no problem between the two drivers,” according to team boss Stefano Domenicali.

    “Foi uma jogada normal e definitivamente não vai comprometer nosso relacionamento”, disse Alonso. “Foi apenas um incidente de corrida e não há absolutamente nenhum problema entre os dois pilotos”, segundo o chefe de equipe Stefano Domenicali.

    Right, everyone got that?

    Correto, todos entenderam isso?

    To his credit, before making his feelings well known on the radio, Massa had the presence of mind to tell the team that Alonso had overtaken him so that they would have the Spaniard’s tyres ready in the pit box, rather than his own, as the mechanics had been expecting.

    Para sua honra, antes de fazer seus sentimentos bem conhecidos no radio, Massa teve a presença de espírito para avisar à equipe que Alonso tinha o ultrapassado de modo que eles teriam de preparar os pneus do espanhol no box, em vez dos seus próprios, como os mecânicos estavam esperando.

    Interpretação do texto, que não é reportagem e passa longe de revelar uma descoberta ou algo parecido. É apenas a opinião dele.

    De cara, ao preferir escrever “I understand” (Eu entendo / concluo / depreendo / deduzo) em vez de “I know” (Eu sei / tenho informação / estou informado), Ted Kravitz deixa claro que é uma tese, a de que Massa ficou furioso por causa da manobra do Alonso, mas deixa claro que a manobra foi limpa.

    Em seguida, recapitulando os embates da Hungria e do Barein, ele tenta elencar razões para o Massa ter se irritado. Tudo para dar sustentação à sua tese.

    Claro que teria de trazer as falas públicas de Alonso e Domenicali, não poderia deixar passar, que todos sabem que são meramente declarações oficiais.

    Antes de arrematar o texto, checa se conseguiu convencer os leitores: “Right, everyone got that? ” (Correto, todos entenderam / captaram / pegaram isso), onde “that” significa “eles estão falando que está tudo bem, mas não está”, como o Galvão disse na transmissão.

    Para finalizar, narra o que na opinião dele teria acontecido depois da ultrapassagem, vendo até um lado bom no Massa (“to his credit”). É tudo palpite.

    Se nada sair dos áudios da FOM, não os acuse de censura ou falta de coragem. Simplesmente não há nada comprovado.

    Publicado por FBW | 25/04/2010, 12:01 pm
    • Sim, infelizmente ele decobriu que o Massa ficou puto no rádio, muito provavelmente tendo como base alguma fonte dentro da equipe.

      Quanto ao termo “undestand”, significa um jargão jornalístico, usado geralmente quando se tem uma informação adquirida através de uma fonte. Não pode ser traduzido ao pé da letra.

      By the way, ele é um reporter de box, e sua coluna traz notícias de bastidores e não opinião.

      Publicado por Becken Lima | 25/04/2010, 12:34 pm
    • “Understand” não está registrado pela BBC como um de seus jargões jornalísticos, seja na tevê, rádio ou online.

      http://news.bbc.co.uk/2/hi/school_report/4791411.stm
      http://www.bbctraining.com/modules/3595/1.asp?letter=U

      Ted Kravitz é um repórter de box que mistura informações de bastidores e opinião.

      Exemplo, extraído da parte dos comentários sobre a Mercedes: “It’s tempting to write Michael Schumacher off after his struggles in the first four races, but I for one can’t do it. I still think he’ll win a race this year. ” (É tentador escrever que Michael Schumacher está fora depois de seu grande esforço nas primeiras quatro corridas, mas eu pelo menos não poderia fazê-lo. Eu ainda acredito que ele vai vencer uma corrida este ano).

      Pode ter sido embasado no que ele colheu de informação nos boxes, mas é opinião pura.

      Publicado por FBW | 25/04/2010, 1:45 pm
    • Ok ;)

      Publicado por Becken Lima | 25/04/2010, 2:00 pm
    • Eu não tinha lido ainda os outros comentários. Apenas para esclarecer esse aspecto:

      – O termo “understand” é utilizado para expressar a opinião do jornalista e/ou veículo de comunicação (no caso de editoriais) sobre determinada informação adquirida de uma fonte.

      No caso em questão, significa a compreensão de Ted Kravitz a partir da informação transmitida, provavelmente, por Rob Smedley.

      Ele não pode usar “know” ou palavra similar porque não presenciou o fato. Apenas tomou conhecimento a partir de outra fonte. Então, ele “entende” que o piloto estava furioso baseado na conversa de rádio citada por Smedley.

      – Ted Kravitz faz sim jornalismo opinativo. Por isso, os textos dele sempre virão com expressões do tipo. O fato de estar ligado aos “boxes” reafirma isso.

      Para se ter uma visão clara: o jornalismo informativo mostra o palco (a corrida), enquanto o informativo traz as notícias de bastidores, o que está por detrás das cortinas.

      Abraços

      Publicado por Willian | 27/04/2010, 3:02 pm
  27. Eu, como visitante do seu bom blog, é que lhe devo respeito, Becken.

    O texto tem de ser interpretado na sua integralidade. A retirada de apenas um trecho ou leitura parcial dele pode levar a uma apreensão parcial ou tendenciosa do que é dado como fato.

    A condicionante (proposição a ser defendida) ele deu no início do texto, e todo o resto tem de ser lido à luz isso.

    Publicado por FBW | 25/04/2010, 2:09 pm
  28. Interessante a opinião clara do Burti (assisti hoje no de manhã na “Grobo”):

    O Alonso é, obviamente, um cara supercompetitivo e, portanto, não há nada demais naquela ultrapassagem. Está alí para ganhar e não preocupar-se em não melindrar o teammate.

    Se continuar assim, expressão sua opinião duela a quem duela, logo o Galvão demite o rapaz!…

    Publicado por Mauro Brisola | 25/04/2010, 8:32 pm
    • Mauro, o Burti não tem coragem de falar isso numa narração, ao lado do Galvão. Falou isso porque o Galvão não estava por perto.

      Publicado por djow | 26/04/2010, 5:26 pm
  29. Pra mim o Massa foi fraco nesse episódio. O Pit estava preparado para ele e ele deveria ter tido coragem de fechar a porta para o Alonso. Mas eu até entendo a atitude dele uma vez que a preocupação de momento dele é a renovação do contrato com a Ferrari.

    Publicado por djow | 26/04/2010, 5:25 pm
  30. Eeeeeeee, video da China que não chega logo!!!

    Publicado por Jackson | 26/04/2010, 5:46 pm
  31. Acredito que o massa só terá coragem de bater de frente mesmo com o alonso no momento que ele souber se fica ou não fica na ferrari. até lá ele será totalmente político, e acredito mto q isso pode estragar e mto o campeonato do Felipe!

    Publicado por Guilherme | 26/04/2010, 9:57 pm
  32. Saiu o vídeo:

    http://www.formula1.com/video/race_edits.html

    Colocaram apenas isso:

    – Fernando, pass me!

    Se falou algo, pegaram leve na edição.

    Publicado por Willian | 27/04/2010, 10:25 am
  33. Bom, uma das informações do Ted Kravitz estava certa: O Massa REALMENTE avisou aos boxes que o Alonso o ultrapassou, o que dá enorme crédito a sua outra afirmação, a de que o Felipe ficou ficou puto no rádio depois.

    Isso mostra, afinal, que o reporter da BBC realmente teve acesso à conversa entre Massa e os boxes.

    Algo que eu sei é que alguns jornalistas ingleses voltaram no mesmo vôo que o Rob Smedley, o engenheiro do Felipe.

    Eu acho que a informação de bastidores vem daí.

    Publicado por Becken Lima | 27/04/2010, 11:08 am
    • Algo que eu sei é que alguns jornalistas ingleses voltaram no mesmo vôo que o Rob Smedley, o engenheiro do Felipe.

      Eu acho que a informação de bastidores vem daí.

      hmmm… Provavelmente, então.

      E o Ted dificilmente inventaria uma história dessas. Também seria difícil a FOM colocar algum palavrão ou algo do tipo na edição. Digamos que foi uma “tocada sutil” para creditar a história que vazou.

      Publicado por Willian | 27/04/2010, 11:29 am

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: