//
você está lendo...
ARTIGOS

Ferrari pode ter contratado Pat Fry, engenheiro da McLaren

Segundo a mídia italiana, a Ferrari pode ter ganhado em seu “front” um dos grandes profissionais presente na linha de frente da McLaren: o engenheiro chefe Pat Fry. O inglês esteve com a equipe de Woking nos últimos 17 anos, sendo responsável por grandes carros da McLaren — Como o “25” deste ano e o MP4-22 de 2007 — mas também pelo “ordinário” MP4-24 do ano passado.

A saída de Pat Fry da equipe foi anunciada pela McLaren cerca de um mês atrás.

O MP4-25 da McLaren de 2011 — que está em fase avançada de desenvolvimento — tem muitos “inputs” de Fry, algo que pode, obviamente, refletir-se nos próximos carros da Ferrari, mas o mais importante é que a Ferrari terá nas mãos um profissional capaz de agregar e implementar novas metodologias, ferramentas e tecnologias de desenvolvimento, um dos pontos fortes da McLaren.

A ida do engenheiro para a Itália também pode ser considerada uma bela resposta da Ferrari à McLaren, que viu o seu ex-chefe de aerodinâmica, John Iley,  ir direto para Woking depois de dispensado pela Scuderia.

Geralmente, engenheiros desse porte passam por um tempo de “quarentena” até assumirem novos postos em equipes rivais. Se confirmada a contratação, o trabalho de Fry terá influência apenas no desenvovlimento do carro de 2011.

_______________________________________________________________

Abaixo, vídeo com Fry analisando como a McLaren transformou o “ordinário” “24” de 2009 no bom carro que permitiu Lewis Hamilton vencer duas provas.

Mais sobre troca de engenheiros:

McLaren contrata John Iley, chefe de aerodinâmica da Ferrari

Discussão

35 comentários sobre “Ferrari pode ter contratado Pat Fry, engenheiro da McLaren

  1. Mas ele nem é Italiano…

    Parece que a Ferrari está enxergando que, na Fórmula 1 globalizada de hoje, confiar somente em santo de casa não faz tanto milagre quanto ter uns e outros de fora (como ela viu que funciona muito bem em épocas idas).
    Vamos ver o que isso traz de novidades para a disputa.

    Publicado por Allan Wiese | 20/06/2010, 1:41 pm
    • Allan, concordo com você, parece que assim ela volta ao topo realmente.

      Publicado por Luiz Sergio | 20/06/2010, 2:32 pm
  2. Las dos manos de Dios y ninguna mirada del árbitro! Sin comentarios!!!!!!!!!!

    Publicado por Anselmo Coyote | 20/06/2010, 5:28 pm
    • Exatamente o que eu disse para alguns amigos ingleses em um live blogging sobre o jogo.

      Ao menos, finalmente, fique empolgado com a equipe, principalmente o segundo tempo.

      Que venha a Espanha…

      Publicado por Becken Lima | 20/06/2010, 5:31 pm
  3. F1around na Copa: A frase definitiva sobre o jogo de hoje é do Filipe Furtado:

    “Definido pelos braços: o do Drogba tá baleado, e os do Luis Fabiano estão em grande fase”

    Publicado por Becken Lima | 20/06/2010, 5:40 pm
    • Exatamente isso.

      Para mim tanto faz. Eu torço pela Argentina e o Maradona também fez de mão. Se bem que antes que dissessem que ele só sabia fazer de mão ele driblou a seleção inglesa inteira e fez o mais belo gol que já aconteceu em copas. Os moralistas morreram com o impropério na garganta.

      Agora eu quero ver o que os moralistas do blog vão falar. Sim. Aqueles que esculhambaram o Nada Sei, o Hamilton, o Webber ou o Vettel e esculhambam o Schumacher por qualquer coisa.

      Mas eles não vão aparecer por aqui, claro.

      É compreensível. Ser coerente não é pra qualquer um..hehehe!!!

      Nota para o jogo (de 0 a 10): 5.

      Abs.

      Publicado por Anselmo Coyote | 20/06/2010, 6:03 pm
    • F1around na Copa: Filipe Furtado ataca de novo:

      “…Me decepcionei com o Felipe Melo. Num jogo desses ele devia ter feito o que se espera dele e rachado Kalou ou Gervinho em dois…”

      Publicado por Becken Lima | 20/06/2010, 6:08 pm
    • Caro Coyote,

      o Maradona vai dizer que aquilo ali foi um absurdo, que a Argentina dele não precisa disso para ganhar.
      Quanto ao árbitro, a televisão flagrou que como ele ficou em dúvida no lance foi perguntar ao Luis Fabiano se tinha sido com o braço, quando ouviu a resposta ainda deu uma bela risadinha.
      Os comentaristas estão dizendo que pelo rigor da FIFA ele pode fazer as malas que não apita mais, que é tão ruim que pode mudar de esporte.
      Mas ele nem precisa se preocupar quanto a isso, pela atuação de hoje, basta tirar um “F” do uniforme, que já tão querendo ele para comissário.

      Publicado por Felipinho | 20/06/2010, 8:02 pm
    • Meu caro Felipinho… rsrsrs.

      Lamento lhe informar que vc está mal acostumado e muito mal informado. Tudo bem, afinal a massificação da Rede Globo existe para isso mesmo e é cruel. Você é mais uma vítima voluntária. Só isso.

      Maradona não é nem nunca foi hipócrita.

      O Diego Armando Maradona foi e é para o futebol o que o Nelson Piquet Souto Maior
      foi e é para o automobilismo. Ambos mataram a pau, figuram entre os melhores no que fizeram, erraram como todos erram, assumiram e até ironizaram os erros. Mas sempre foram homens livres e coerentes o suficiente para “enquadrar” os babacas, os politicamente corretos, os hipócritas, enfim.

      Quem não gosta do Piquet fala que ele é falastrão e nutre por ele um ódio ímpar.
      Quem não gosta do Maradona fala que ele é “carreirista” e… idem.

      Se houvesse coerência na opinião recorrente quanto ao ódio ao ao Maradona por causa das “carreiras” todos os “carreiristas” estariam mortos.

      Mas vc foi além. Acusou o homem previamente supondo que ele ia fazer o que nunca fez – ser incoerente. Isso mostra que vc não o conhece, nunca o conheceu e talvez nunca o conheça.

      Que papelão, Filipinho…. lamento.

      Olha aí embaixo o que aquela figura extraordinária disse sobre o gol. Esse cara é show. Meu ídolo dentro e fora dos campos. Cocaína? Uai… desejo que ele se mantenha longe dela, como desejo a qualquer carreirista. Por quê com ele seria diferente? Porquê o Galvão quer? Poupe-me.

      “Maradona diz que Luís Fabiano usou o braço de Deus
      Publicado em 21.06.2010, às 10h38

      O técnico argentino Diego Maradona brincou nesta segunda-feira com o segundo gol feito no domingo por Luís Fabiano, na vitória brasileira sobre a Costa do Marfim por 3 a 1, quando o atacante utilizou a mão para marcar um dos gols mais bonitos deste Mundial.

      Lembrando o seu gol de mão contra a Inglaterra na Copa de 1986, apelidado de “mão de Deus”, Maradona afirmou entre sorrisos que o brasileiro usou o braço de Deus. “Este foi com o braço, não podemos comparar”, afirmou o treinador, aproveitando para alfinetar a arbitragem. “Houve uma mão dupla no gol de Luís Fabiano. O tragicômico é o sorriso do juiz (o francês Stephane Lannoy)”.”.

      Mais uma vez, lamento e lhe digo, para não dizer que não falei de carros, “Reveja seus conceitos.”.

      Abraços e paz, com muita sinceridade.

      Confira vc mesmo. Boa leitura.

      http://jc.uol.com.br/canal/copa-do-mundo-2010/noticia/2010/06/21/maradona-diz-que-luis-fabiano-usou-o-braco-de-deus-226109.php

      Publicado por Anselmo Coyote | 22/06/2010, 12:55 am
  4. Pat Fry vai trabalhar de novo com o Alonso, agora na Ferrari.

    O Espanhol ficou felicissímo com o terceiro lugar no canadá, como vocês podem ver na coletiva:

    Publicado por Becken Lima | 20/06/2010, 6:11 pm
    • Pra quem nem sabe inglês,eu vou traduzir.

      “Eu tinha um ótimo carro,mas diferente de Mônaco,os carros que estavam em minha frente não eram de GP2 e sim Mclarens,então ao invés ultrapassa-los eu que fui ultrapassado como se a Ferrari fosse um carro de GP2” Ass:Don Alonso GP2

      PS:Beken,traduzi ao pé da letra-mas se vc apagar não tem problema,continuarei leitor e cometarista assíduo do F1AROUND ((:

      Publicado por Alonso VS GP2(BY Daniel Lima) | 20/06/2010, 9:27 pm
  5. A Ferrari tinha feito uma pequena alteração na parte traseira do carro pro Canadá….

    acho que isso deve ter ajudado eles a andarem na frente…

    Essa modificação foi testada por Fisichella…

    Será q essa modificação pro Canadá é parte do Pacote de mudanças que estava planejado pra Valencia ?

    Publicado por Dennis | 20/06/2010, 6:30 pm
  6. ALHOS COM BUGALHOS: UM BALANÇO E UM COMBINADO DO FIM DE 2009 E DO COMEÇO DE 2010

    Abaixo faço um balanço de resultados dos últimos 8 GPs de 2009 (10-17) com os 8 primeiros GPs de 2010 (1-8).
    Utilizei a pontuação de 2010 para todos os GPs.
    Quando falar “2009” me refiro apenas às 8 corridas finais de 2009 e “2010” às 8 iniciais de 2010.
    Nem tudo é o que parece. Vejam só algumas curiosidades: o melhor carro da Brawn|Mercedes já era o 4to em fins de 2009. E o melhor carro da McLaren já era o 1ro. O frio e descompromissado Räikkonen entregou em 2009 a mesma pontuação de Alonso em 2010.
    O que vimos no final do ano passado era uma prévia deste ano?

    MCLAREN

    Seu melhor carro faria 98 pontos com Hamilton em 2009 e fez 109 pontos também com Hamilton em 2010.
    Seria o 1ro de 2009 e é o 1ro. de 2010.
    No combinado das 16 últimas corridas estaria em 1ro.

    Seu outro carro faria 46 pontos com Kovalainen em 2009 e fez 106 pontos com Button em 2010.
    Seria o 7mo de 2009 e é o 2do de 2010.
    No combinado estaria em 5to.

    A McLaren somaria 144 pontos em 2009 e somou 215 pontos em 2010.
    Ficaria em 3ro em 2009 e em 1ro em 2010.
    No combinado estaria em 1ro.

    REDBULL

    Seu melhor carro faria 93 pontos com Vettel em 2009 e fez 103 pontos com Webber em 2010.
    Seria o 3ro de 2009 e é o 3ro de 2010.
    No combinado seria o 2do.

    Seu outro carro faria 62 pontos com Webber em 2009 e fez 90 pontos com Vettel em 2010.
    Seria o 6to de 2009 e é o 5to de 2010.
    No combinado seria o 6to.

    A RedBull somaria 155 pontos em 2009 e somou 193 pontos em 2010.
    Ficaria em 2do em 2009 e também em 2do de 2010.
    No combinado estaria em 2do.

    FERRARI

    Seu melhor carro faria 94 pontos com Räikkonen em 2009 e os mesmos 94 pontos com Alonso em 2010. (Trocou seis por meia dúzia!)
    Seria o 2do de 2009 e o 4to de 2010.
    No combinado estaria em 3ro.

    Seu outro carro faria apenas 2 pontos com Fisichella em 2009 (sem Massa) e fez 67 pontos com Massa em 2010.
    Seria o 18vo de 2009 e é o 8vo de 2010.
    No combinado estaria em 9no.

    A equipe somaria 96 pontos em 2009 e somou 161 pontos em 2010.
    Ficaria em 4to em 2009 e em 3ro em 2010.
    No combinado estaria em 4to.

    BRAWN|MERCEDES

    Seu melhor carro faria 87 pontos com Barrichello em 2009 e fez 74 pontos com Rosberg em 2010.
    Seria o 4to de 2009 e o 6to de 2010.
    No combinado estaria em 4to.

    Seu outro carro faria 69 pontos com Button em 2009 e fez 34 pontos com Schumacher em 2010.
    Seria o 5to de 2009 e é o 9no de 2010.
    No combinado ficaria em 8vo.

    A equipe somaria 156 pontos em 2009 e somou 108 pontos em 2010.
    Ficaria em 1ro em 2009 e está em 4to em 2010.
    No combinado estaria em 3ro.

    RENAULT

    Seu melhor carro faria 34 pontos com Alonso em 2009 e fez 73 pontos com Kubica em 2010.
    Seria o 10mo de 2009 e é o 7mo de 2010.
    No combinado seria o 7mo.

    Seu outro carro faria 0 pontos com a seqüência Piquet e Grosjean em 2009 e fez 6 pontos com Petrov em 2010.
    Seria o 19no de 2009 e é o 13ro de 2010.
    No combinado estaria em 19no.

    A equipe somaria 34 pontos em 2009 e somou 79 pontos em 2010.
    Ficaria em 7mo em 2009 e em 5to em 2010.
    No combinado estaria em 5to.

    WILLIAMS

    Seu melhor carro faria 38 pontos com Rosberg em 2009 (motorizado pela Toyota) e fez 7 pontos com Barrichello em 2010 (motorizado pela Cosworth).
    Seria o 9no de 2009 e é o 12do de 2010.
    No combinado estaria em 10mo.

    Seu outro carro marcaria 5 pontos com Nakajima em 2009 e marcou 1 ponto com Hülkenberg em 2010.
    Seria o 17mo de 2009 e é o 17mo de 2010.
    No combinado estaria em 18vo.

    A equipe somaria 43 pontos em 2009 e somou 8 pontos em 2010.
    Ficaria em 6to em 2009 e em 8vo em 2010.
    No combinado estaria em 8vo.

    BMW|SAUBER

    Seu melhor carro faria 41 pontos com Kubica em 2009 (motorizado pela BMW) e fez 1 pontos com Kobayashi em 2010 (motorizado pela Cosworth).
    Seria o 8vo em 2009 e é o 16to de 2010.
    No combinado seria o 11ro.

    Seu outro carro faria 34 pontos com Heidfeld em 2009 e fez 0 pontos com DeLaRosa em 2010.
    Seria o 11ro em 2009 e é o 18vo em 2010.
    No combinado seria o 13ro.

    A equipe somaria 75 pontos em 2009 e somou 1 ponto em 2010.
    Ficaria em 5to em 2009 e em 9no em 2010.
    No combinado estaria em 6to.

    FORCEINDIA

    Seu melhor carro marcaria 18 pontos com Fisichella em 2009 e marcou 23 pontos com Sutil em 2010.
    Seria o 13ro de 2009 e é o 10mo de 2010.
    No combinado estaria em 12do.

    Seu outro carro marcaria 13 pontos com Sutil em 2009 e marcou 12 pontos com Liuzzi em 2010.
    Seria o 14to de 2009 e é o 11ro de 2010.
    No combinando estaria em 14to.

    A equipe somaria 31 pontos em 2009 e somou 35 pontos em 2010.
    Ficaria em 8vo em 2009 e em 6to em 2010.
    No combinado estaria em 7mo.

    TOYOTA

    Seu melhor carro marcaria 20 pontos com a seqüência Glock e Kobayashi em 2009.
    Ficaria em 12do em 2009.
    No combinado seria suficiente para estar em 15to. (Pasmem!)

    Seu outro carro marcaria 11 pontos com Trulli em 2009.
    Ficaria em 15to em 2009.
    No combinado seria também suficiente para estar em 17mo. (Pasmem!)

    A equipe somaria 31 pontos em 2009.
    Ficaria em 9no em 2009. (Eis a razão da desistência, despencaram no fim da temporada.)
    No combinado estaria em 9no em 2009. (Pasmem!)

    TOROROSSO

    Seu melhor carro marcaria 10 pontos com Buemi em 2009 e marcou 5 pontos também com Buemi em 2010.
    Seria o 16to de 2009 e é o 14to de 2010.
    No combinado estaria em 16to.

    Seu outro carro marcaria 0 pontos com Alguersuari em 2009 e marcou 3 pontos também com Alguersuari em 2010.
    Seria o 20mo de 2009 e é o 15to de 2010.
    No combinando estaria em 20mo.

    A equipe somaria 10 pontos em 2009 e somou 8 pontos em 2010.
    Ficaria em 10mo em 2009 e em 8vo em 2010.
    No combinando estaria em 10mo.

    LOTUS/HISPANIA/VIRGIN

    Não possuem “melhores carros”! Sem comentários!

    (LOGO, LOGO, O BECKEN VAI ME BLOQUEAR…)

    Publicado por Alexandre Pires | 20/06/2010, 9:07 pm
    • Alexandre, eu não sei como você tem tanto tempo e paciência para fazer essas estatísticas, mas estão geniais e o Becken deveria aproveitar isso para fazer um mega post um dia.

      No mais, parabéns, parabéns e parabéns!

      Publicado por tomasf1 | 20/06/2010, 11:45 pm
    • Muito interessante!

      Interessante ver que o melhor carro da Red Bull ano passado não era pilotado pelo mesmo piloto desse ano. Essa inversão na equipe está mostrando como Vettel ainda está muito inconstante.

      E a McLaren mostra o quanto é forte e eficiente. Capaz de desenvolver carros de forma incrível. Mas vejam a diferença que Button está fazendo para a equipe. Kovalainen era apenas o sétimo ano passado contra a vice-liderança de Jenson esse ano. Hamilton tirava o que dava e mais um pouco ano passado e faz o mesmo esse ano e agora com Button fazendo o mesmo a McLaren mostra ser uma equipe muito forte. O campeonato de construtores não vai ser fácil para as outras equipes com esses dois em Woking esse ano…

      Publicado por Allan Wiese | 21/06/2010, 8:34 am
    • Allan,

      A mudança drástica é a queda de rendimento da Sauber e da Williams, uma pena! Mas talvez voltem melhor em 2011.

      O resto tá tudo muito igual. Os melhores carros da McLaren e da RedBull aumentaram em 10% sua pontuação, o da Ferrari ficou na mesma pontuação (volta Räikkonen!) e o da Mercedes caiu uns 15% (poderia ter melhorado também se não tivessem preterido Rosberg).

      ForceIndia e ToroRosso estão na mesma, diferente do que imaginávamos. Mal conseguiram ocupar o vácuo deixado pela saída da Toyota ou pela queda de Sauber e Williams.

      O melhor piloto continua sendo o mesmo, Hamilton.
      Webber cresceu e foi quem melhorou o rendimento da RedBull e Vettel não ultrapassou seu teto e acabou fazendo 3 pontinhos a menos do que em 2009.
      Alonso parece melhor do que é, por enquanto está empatado com Räikkonen. Nossa memória é muito curta.
      Rosberg continua a entregar em pontos o que o carro oferece em desempenho, nada além, e menos ainda quando é “boicotado”.
      Button realmente fez bem em mudar de equipe, aumentou sua pontuação em 50% de 2009 para 2010 (anteviu a estagnação da Brawn/Mercedes?!) e está onde queria: disputando o bi!
      Barrichello se meteu em uma fria, tomara que a água esquente em 2011.
      Kubica é quem mandou bem, mais que dobrou a pontuação do bicampeão espanhol, tá com moral! Tava em um crescendo e conseguiu mantê-lo.

      Publicado por Alexandre Pires | 21/06/2010, 11:13 am
    • “Alonso parece melhor do que é, por enquanto está empatado com Räikkonen. Nossa memória é muito curta.”
      A mais pura verdade Alexandre.

      “Kubica é quem mandou bem, mais que dobrou a pontuação do bicampeão espanhol, tá com moral! Tava em um crescendo e conseguiu mantê-lo”
      Como diria Regazzoni, Alonso é bom, mas Kubica está provando na Renault que ele não é aquela Coca toda…

      Você falou algo interessante sobre Button, perguntando se ele anteviu a estagnação da Brawn/Mercedes. Semana passada Button disse que ao ver como a McLaren era capaz de desenvolver um carro ao longo de uma temporada ao invés de desistir do ano e se focar em 2010, o que seria mais fácil, ele ficou “apaixonado” por isso. E provavelmente ele não estava contente com o fato de sua equipe estar diminuindo o ritmo ao longo da temporada. Ele conseguiu administrar sua vantagem com maestria, mas a grande vantagem do início do ano não se viu nem de longe no fim do ano. Deve-se colocar aqui o fato de a Brawn não ter o maior dos orçamentos e isso contribuir para o pouco desenvolvimento do carro, mas o modo como as coisas andaram na segunda metade de 2009 deve ter feito Jenson repensar sua estadia em um dos cockpits de Brawn.

      Publicado por Allan Wiese | 21/06/2010, 1:10 pm
    • Tomas,

      Obrigado!
      (O Becken já está com esta idéia. Logo, logo, nosso blogueiro visualiza uma boa ocasião.)

      Quanto ao tempo e à paciência, só posso dizer duas palavras: Domingão e Excel!
      Os dados eu pego fácil lá no f1db.de! Excelente trabalho do Gunnar!

      http://f1db.de

      Abraços

      Publicado por Alexandre Pires | 21/06/2010, 1:16 pm
    • Allan,

      Ainda não havia tomado conhecimento deste comentário de Button. Excelente conexão feita por você. Button realmente tá se tornando o RAPOSÃO da F1. Não dorme no ponto.
      E Button deve ter tido certeza sobre ter acertado na decisão não só ao se ver na vice-liderança do campeonato mais também ao ouvir seu antigo chefe, Brawn, já falando em abandonar o W01 e começar a pensar só no “W02”!

      Os que gostam de Alonso vão detonar nossos comentários. Os que não gostam de Kubica também. Estamos cutucando onças com vara curta. ;)

      Mas tá aí, A + B, Alonso fez tanto quanto Räikkonen, só que o finlandês foi ao pódio mais vezes (risos) que o espanhol. Kubica fez muito mais que Alonso e ainda foi ao pódio 2 vezes contra 1 vez do espanhol.

      O espanhol ainda tem de provar a que veio. Por enquanto, só está batendo o companheiro de equipe ainda meio baleado.

      Só pra finalizar e provocar mais um pouquinho, o Kimi fez tanto quanto Alonso só que o F60B era um lixo e o F10 nasceu melhorzinho! Prefiro Räikkonen. Este não tem 0,7s no bolso e sim no braço mesmo, onde deve estar!

      Publicado por Alexandre Pires | 21/06/2010, 1:40 pm
    • Saiu em vários lugares Alexandre, mas esse é o mais fácil de ir pegar o link:
      http://globoesporte.globo.com/motor/formula-1/noticia/2010/06/na-briga-pelo-titulo-button-diz-que-acertou-ao-mudar-para-mclaren.html
      Button tem uma percepção de fato muito afinada. Tanto na pista quanto fora dela. Acho que o ‘raposão’ foi uma ótima definição.

      Quanto à Alonso: ainda não acompanhava a F1 com tanta fidelidade (assistia a algumas provas do calendário europeu) na época do seu bi-campeonato pela Renault. O que posso dizer é que Alonso é rápido e talentoso, não se pode negar. Kimi não perdia em nada nesses quesitos (por que não dizer que ele era mais rápido? Talvez em momentos não tão estratégicos do final de semana, mas com certeza muito rápido). 2005 foi um ano em que Alonso tinha um ótimo carro em mãos e lutava contra um Kimi em um MP4-20 muito frágil. 2006 teve um outro início avassalador da Renault e depois de ver Schumacher empatar o campeonato, levou sorte por uma quebra do carro do Alemão e apenas administrou até o final.
      A diferença desses dois anos para 2007 e 2010 (2008 e 2009 a Renault não lhe deu um bom carro capaz de disputar o título) foi que ele estava brigando com pouca gente na pista e ninguém na equipe (Fisichella ganhou provas, verdade, mas muito pouco). Em 2007 a disputa interna na McLaren foi acirradíssima. Alonso chegou junto sim, mas viu que a história não era bem assim. E agora em 2010, apesar de seu companheiro de equipe não estar tão forte, Alonso briga com um carro meia boca e adversários fortíssimos. Isso tem feito o espanhol errar além da conta e perder pontos importantes.
      Kimi teve algumas chances na McLaren e levou azar demasiado em algumas situações quando tinha ótimos carros prateados em mãos que quebravam demais. E na Ferrari se aproveitou muito bem da disputa interna em sua ex-equipe para ficar com o caneco em 2007. 2008 iniciou a sua desmotivação que se seguiu em 2009 com um carro ruim, mas ainda assim manteve sua ótima velocidade.
      São dois grandes pilotos, campeões mundiais. Mas acho que a Ferrari perdeu em trazer Alonso para Maranello antes do fim do contrato de Kimi. Esses números mostram: se com o ruim F60 Kimi fez os mesmos pontos que Alonso em 2010 com o melhor F10, o que não faria Kimi esse ano?
      E vamos ao outro lado: se Kubica fez isso esse ano, Alonso faria no mínimo o mesmo com o R28.
      Concordo contigo Alexandre e quem mais perdeu nessa história foi a F1 com a ausência de Kimi nesse grid de muito talento que se vê esse ano. A saída de Kimi deu espaço para a entrada de mais um fraco estreante de 2010.
      Uma pena.

      Mas o que importa é que “nosso” piloto continua no topo!

      Publicado por Allan Wiese | 21/06/2010, 2:15 pm
    • Legal Alexandre.

      Bom, desculpem me intrometer na conversa, mas eu sempre pensei em uma ideia e vou revelá-la aqui para vocês:

      Será que aquele ponto que Alonso teve de diferença a Kimi em 2007, mudaria a história do campeonato se ele tivesse marcados mais dois pontinhos?
      Pois pensemos que se ele fosse tri, iria mesmo assim para a Renault ou a Ferrari dispensaria Kimi?

      Eu sei que pode ser maluquice, mas penso que Kimi continuou na Ferrari como prêmio para seu mundial.
      Será que a McLaren com o tri do Alonso continuaria com ele?

      Aquilo mudou o rumo da F1.

      Publicado por tomasf1 | 21/06/2010, 2:27 pm
    • Assino embaixo! Sua ponderação é fundamental.
      Especialmente ao lembrar que nosso piloto está no topo, ops, nossos pilotos, os dois estão dominando! ;)

      Mas você tocou em um ponto no comment que eu gostaria de esticar um pouquinho. A Ferrari pode ter perdido algo, sim, nesta transição de pilotos. É bom lembrar que a Ferrari ficou sem nenhum piloto pra dar retorno a respeito do F10, pois Massa também estava fora. Tudo bem, já dispensaram o Kimi, mas, sei lá, talvez devessem ter visto que o maior problema da equipe era a própria equipe e não os pilotos. Se precipitaram a meu ver. Era melhor ter esperado Alonso pra 2011. Deixassem o espanhol pagando penitência lá na Renault, a qual o próprio Alonso provocou ao não conseguir segurar a onda lá na McLaren. (Sempre achei que Alonso deveria ter dado uma de Nelson Piquet e segurado o seu leãozinho inglês com tempo. Acho que já seria tricampeão! E poderia ter saído direto da McLaren pra Ferrari!)

      Se compararmos a carreira de Kimi com a de Fernando (vamos ser íntimos dos geniozinhos), o Kimi realmente foi muito mais cuca-fresca e só fez bonito nas equipes por que passou. E fechou seu contrato com a Ferrari muito bem. Tá aí a prova ao compararmos o fim de Kimi com o começo de Fernando! (risos)

      Não sei se volta, mas se voltar, a Fórmula 1 só teria a ganhar. Só que com a falta de assentos de ponta, acho que o finlandês vai continuar no meio do barro e da poeira!

      Publicado por Alexandre Pires | 21/06/2010, 2:36 pm
    • (Acabei trocando os ‘R’s no comment anterior: onde disse R28, quis dizer R30 (o carro desse ano da Renault).

      Carro pra ser tricampeão ele teria com certeza se ficasse em Woking. Resta saber se Alonso seria capaz de segurar o leãozinho com tempo. Acho que ele não quis arriscar e preferiu um terreno mais tranquilo novamente na Renault como transição para a Ferrari.

      Quanto à falta de feedback por parte de pilotos que você tocou: é algo interessante a se notar. Me ajude a refrescar a memória Alexandre: a Ferrari deixou de lado o F60 depois do acidente de Massa? Se sim, então a Ferrari já previa a quebra de contrato com Kimi, pois partiu para fazer um projeto do zero para esse ano, já que não teria o importante retorno dos pilotos quanto ao carro do ano passado. Mais um erro (já discutido por aqui).

      (Infelizmente para a F1) Acho que Kimi não volta. E já está se adaptando na poeira. Na última etapa (que era no asfalto, hehehe) ele ficou em segundo na sua classe.
      Irônico vai ser se com sua ida para o Rali ele atrair muita badalação para a categoria e ficar descontente com isso por lá também…

      Publicado por Allan Wiese | 21/06/2010, 3:55 pm
    • Allan,

      Isto mesmo, foi após o GP da Hungria! O anúncio foi no começo de agosto de 2009, bem antes do GP da Europa. (Kimi fez o que fez no fim do ano com um carro sem novas melhorias.)

      Ferrari e suas decisões… Assim é bom, facilita a vida da nossa McLaren!!!

      Publicado por Alexandre Pires | 21/06/2010, 4:12 pm
    • Falou tudo.
      Sem mais!

      Publicado por Allan Wiese | 21/06/2010, 4:13 pm
    • Tomas,

      Não tinha pensado nisto. E acho que você tem razão. Alonso tricampeão provavelmente seria mantido. Mas acho que Räikkönen mesmo ser campeão continuaria, pois pilotou muito em 2007, na verdade, sempre pilotou muito. Você o Whitmarsh dizendo agora que a F1 perde sem o Kimi?! Dois pontos mudaram a história da Fórmula 1, incrível!!!

      Abraços

      PS: você e os outros fazem parte das “nossas” conversas, não só pode como deve sempre se “intrometer”.

      Publicado por Alexandre Pires | 24/06/2010, 9:53 pm
    • Tomás, seria realmente interessante ver o que poderia mudar se Alonso tivesse ganho esses dois pontos a mais naquela temporada.
      Mas como disse o Alexandre, não acho que a Ferrari dispensaria Kimi naquele ano. Ele era (e é) muito rápido e isso não se dispensa sem mais nem menos. Penso que o que contribuiu com a sua saída precoce da Scuderia é que Maranello já sonhava com Alonso a tempos.
      Mas veja que interessante seria: Hamilton deu uma alfinetada em Alonso quando este anunciou ano passado o contrato com a Ferrari e disse que sempre sonhou correr por eles lembrando que o mesmo Alonso tinha dito sempre sonhar correr pela McLaren quando foi contratado por ela no fim de 2006. A tirada foi pra botar lenha na fogueira. Mas se Alonso fosse tri em 2007 o sonho prateado perduraria por mais tempo e ele poderia sair da McLaren direto pra Ferrari talvez até com um tetra, considerando que o título de pilotos ficou em Woking em 2008.
      Ou será que para ele o clima estava tão ruim na McLaren que ele sairia mesmo com o título (como bem levantou o Tomás)? Talvez nunca saberemos…

      Publicado por Allan Wiese | 25/06/2010, 12:02 am
  7. Pinche Coyote hijo de la chingada !

    que no me hables del Jala Polvo Maradona , pero para nada …

    tu no te preocupes por que Malargentina se vae a parar en el Mexico con el Chicharito y Cuau Blanco, sin embargo estoy seguro que mi Mexico y mi Brasil haran un partidazo y no me importa quien lo ganes.

    Tomala !

    el equipo de Dunga esta mas que chingona !!!!!

    Saludos

    Faggotyote

    Publicado por Fernando | 20/06/2010, 10:21 pm
    • Fernando, meu caríssimo Fernando.

      Algumas pessoas nos honram mais com críticas que com elogios. Não entendeu? Ok.

      Agora vc vai entender: VÁ PENTEAR MACACO!

      Abs.

      Publicado por Anselmo Coyote | 22/06/2010, 1:04 am
  8. A COPA JÁ É NOSSA!!!!

    Publicado por Cassius Clay Regazzoni | 21/06/2010, 1:39 am
  9. Peraê, o Fry não foi responsável pelo “grande” MP4/22 de 2007.

    A dupla responsável pelo desenvolvimento do MP4/22 foi Mike Coughlan e Nigel Stepney.

    Publicado por Arlindo Silva | 21/06/2010, 11:21 am
  10. Race edit (sem polêmicas dessa vez) fresquinho no formula1.com.

    E Dennis vibra com as ultrapassagens dos garotos de ‘sua’ equipe…

    Publicado por Allan Wiese | 21/06/2010, 2:46 pm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: